fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Radio Sanca Web TV - Domingo, 05 Junho 2022

SÃO CARLOS/SP - Na manhã de hoje, 06, a equipe Canil da Guarda Municipal de São Carlos, apreendeu drogas no bairro São Carlos V.

Segundo a GM, a equipe estava em patrulhamento na Rua José Quatrochi, quando avistou um indivíduo em atitude suspeita e colocando algo em seu bolso. O sujeito foi abordado e em revista corporal nada de ilícito foi encontrado e foi liberado.

Porém, como o local é conhecido como ponto de venda de entorpecentes, foi realizado trabalho de faro com a cachorra K9 Índia, que logrou êxito em localizar pelo interior de um terreno, 229 pinos cocaína, 10 invólucros de maconha e 2 maquininhas de cartão.

Não sendo possível vincular o material localizado a nenhum suspeito, o material encontrado foi apreendido e levado à Central de Polícia Judiciária de São Carlos.

Publicado em Policial

UCRÂNIA - Após receber uma ameaça de morte, a modelo brasileira Liziane Gutierrez voltou a postar fotos em suas redes sociais em que aparece em cima de um tanque de guerra russo destruído, nesta segunda-feira (6).

A brasileira trabalha como voluntária na Ucrânia em meio à invasão do país pela Rússia. Na última quarta-feira (1º), após ver as publicações da modelo, um soldado russo enviou a ela uma foto em que segurava uma faca e dizia que iria "achá-la".

Em sua nova publicação, Liziane disse que não vai apagar as fotos, como fez com as primeiras publicações. "Pode vir o soldado russo que for me ameaçar; eu não tenho medo", escreveu.

A brasileira está sendo acusada nas redes sociais de tirar proveito do conflito para promover sua imagem no Instagram. Ela nega as acusações dizendo que entregou toneladas de doações, resgatou diversas pessoas e ajudou financeiramente muitas famílias. "E você que tá me chamando de 'biscoiteira', já ajudou alguém hoje?", publicou no final da legenda.

 

 

R7

Publicado em Guerra na Ucrânia

RIO DE JANEIRO/RJ - É muita beleza! Flávia Alessandra deixou os seguidores do Instagram completamente chocados com sua boa forma neste domingo (05) enquanto curtia seu descanso e aproveitava para renovar o bronzeado, mesmo com um dia um pouco nublado.

A atriz de 47 anos não decepcionou nos cliques publicados em seu perfil e deu um show de saúde pra galera ao posar com um look beachwear que deixou todos os fãs da artista de queixo caído. Combinando acessórios de grife com seu biquíni estampado, Flávia Alessandra causou nas redes sociais!

“Domingou com friozinho e sol”, escreveu a musa na legenda da publicação, contando com diversos elogios da galera. “O meu sol”, se declarou o maridão, Otaviano Costa, nos comentários. “Como pode ser tão linda desse jeito?”, exaltou outra seguidora da musa. “Ela sempre vai ser minha primeira paixão”, admitiu um fã da atriz.

 

 

Por: Gabriela Ellin / METROPOLITANA

Publicado em Celebridades

SÃO CARLOS/SP - O dono de um sítio encontrou um corpo de um homem nas proximidades de um lago na Rodovia Dr. Paulo Lauro (SP-215), na manhã de ontem, 05.

Segundo consta, o cidadão ao ir até o lago avistou o cadáver que estava de camisa azul e calça preta. A Polícia foi acionada, e ao chegar ao local tomou as providencias cabíveis para o caso.

Até o momento não foi divulgado o nome da vítima.

Publicado em Policial

BRASÍLIA/DF - A partir desta segunda-feira (6), os servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) devem retomar o atendimento presencial em agências de todo o Brasil. A determinação do Governo Federal foi publicada no Diário Oficial da União de hoje e estabelece o retorno ao trabalho dos funcionários da autarquia.

A Instrução Normativa nº 36, editada pela Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia (SGP/ME), considerou a manifestação do Ministério da Saúde que, em 22 de abril, declarou o fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin), imposta em decorrência da pandemia da Covid-19 no Brasil.

A medida também revoga algumas exceções que permitiam o trabalho remoto para servidores que se enquadrassem em determinadas condições de saúde, idade ou circunstâncias especiais decorrentes da pandemia.

Segundo o documento, a medida vale para os servidores, empregados públicos, contratados temporários e estagiários da autarquia. Não será obrigatório o uso de máscaras de proteção facial nas unidades do INSS, mas os servidores devem seguir a legislação local de cada estado.

 

 

Aryel Fernandes / ISTOÉ DINHEIRO

Publicado em Economia

SÃO CARLOS/SP - A Secretaria de Saúde de São Carlos, por meio dos departamentos de Vigilância em Saúde e de Gestão do Cuidado Ambulatorial, comunica que a vacinação contra a Influenza (gripe) e contra o Sarampo foi prorrogada até o próximo dia 24 de junho para os grupos prioritários.
A prorrogação da campanha tem o objetivo de aumentar as coberturas vacinais para as duas doenças. A partir do dia 27 de junho, a Secretaria de Saúde vai ampliar a campanha contra a gripe para toda a população a partir de 6 meses, enquanto durarem os estoques da vacina Influenza. Já a imunização contra o sarampo faz parte do Calendário Nacional de Vacinação e os imunizantes estão disponíveis durante todo o ano. 
Podem receber a imunização contra a gripe os idosos acima de 60 anos; trabalhadores da saúde; crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes; puérperas; povos indígenas; professores; pessoas com comorbidades; pessoas com deficiência permanente; forças de segurança e salvamento e Forças Armadas; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; funcionários do sistema prisional; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade. 
Contra o Sarampo estão sendo vacinados os trabalhadores da saúde e crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias).
Em São Carlos todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e todas as Unidades de Saúde da Família (USF’s) disponibilizam tanto as doses contra a gripe como contra o sarampo. O horário de vacinação Em São Carlos todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e todas as Unidades de Saúde da Família (USF’s) disponibilizam a vacinação qualquer uma das unidades é das 8h às 16h.

Segunda, 06 Junho 2022 10:21

Rocam prende procurado pela Justiça

SÃO CARLOS/SP - A Polícia Militar conseguiu prender um sujeito que estava sendo procurado pela justiça neste último domingo, 05, na Rua Dr. Duarte Nunes, em São Carlos.

Os PMs de Rocam em posse de um mandado de prisão abordaram o indivíduo e o encaminhou à Central de Polícia Judiciária, após uma conversa com delegado, foi ver o sol nascer quadrado.

Publicado em Policial

SÃO CARLOS/SP - Nesta segunda-feira (06) comemora-se o Dia Nacional de Luta contra Queimaduras, instituído por lei em 2009 e que inicia as divulgações do Junho Laranja, mês de conscientização e prevenção aos acidentes com queimaduras.

Essa data torna-se cada vez mais necessária, pois no Brasil estima-se que a cada ano, cerca de um milhão de pessoas são vítimas de acidentes com queimaduras. Dados do Ministério da Saúde revelam que 77% dos casos acontecem em casa e 40% com crianças de até 10 anos. Na última década, mais de 3 mil crianças, de 0 a 14 anos, morreram em decorrência de acidentes com queimaduras e quase 221 mil foram hospitalizadas.

Em São Carlos, a situação também é preocupante: levantamento da Santa Casa do município, obtido com exclusividade, mostra que entre os meses de janeiro e abril deste ano houve um aumento de 300% no número de atendimentos a queimados, em comparação ao mesmo período de 2021: foram 9 atendimentos neste ano e apenas 3 no ano passado.

Segundo o cirurgião plástico e membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), Dr Daniel Sundfeld Spiga Real, a data é de extrema importância, mediante o elevado número de acidentes envolvendo queimaduras e que ocorrem principalmente no ambiente doméstico e com crianças. “Para demonstrar seu apoio ao Junho Laranja, a SBPC programou para o dia 6 a iluminação de monumentos importantes de todo o país, além da divulgação de informações sobre tais acidentes, que muitas vezes poderiam ser evitados com atitudes simples”, lembra.

Dr Daniel Sundfeld alerta que as sequelas, quando o atendimento inicial é inadequado, podem limitar e comprometer seriamente a qualidade de vida da vítima. Nos casos de queimaduras mais extensas e profundas, os primeiros socorros e a condução do tratamento são essenciais para garantir a saúde do acidentado. “O paciente que sofreu uma queimadura mais profunda só abandona o risco de morte quando passa por cirurgias denominadas de enxertias, que reestabelecem a barreira cutânea, reparam as lesões e evitam infecções severas”.

“Também cabe ressaltar que em muitos atendimentos, o principal agente causador das queimaduras é o líquido inflamável, em especial o álcool líquido, responsável por até 45% das causas de queimadura. A informação é especialmente relevante uma vez que a liberação da venda de álcool líquido 70% foi excepcionalmente autorizada no Brasil, devido à covid-19, aumentando os riscos de acidente”. 

Ainda de acordo com o cirurgião plástico, outra causa frequente de queimaduras em domicílio se dá por líquido fervente, principalmente em crianças. “Nas residências, a cozinha é o local de maior ocorrência de queimaduras. Quanto mais longe do fogão a criança estiver durante o preparo das refeições é melhor. A chapinha e o ferro de passar também são importantes agentes causadores de queimaduras”, menciona.

Por fim, Dr Daniel Sundfeld fornece orientações para casos leves: “Pare o processo da queimadura, lave com água corrente e proteja o ferimento. Em determinadas situações torna-se necessário ir ao pronto-socorro. São elas: queimaduras na cabeça, pescoço, pés e períneo; queimaduras por eletricidade; queimaduras extensas e queimaduras de segundo e terceiro graus”, finaliza.

Prevenção:

– Ao acender um fósforo, mantenha o palito longe do rosto. Assim, se escapar alguma chama, não vai atingir o cabelo ou a sobrancelha.

– Ao acender uma vela, observe se está longe de produtos inflamáveis, como botijões de gás, solventes ou tecidos.

– Mantenha as crianças longe da cozinha durante o preparo dos alimentos e sempre direcione o cabo das panelas para a área do fogão.

– Não manipule álcool, querosene, gasolina ou outros líquidos inflamáveis perto do fogo. Esses produtos devem ser guardados longe do alcance das crianças.

Público-alvo deve ter entre 7 e 16 anos e conseguir se locomover sozinho

 

SÃO CARLOS/SP - Uma pesquisa, desenvolvida no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), está promovendo tratamento fisioterapêutico gratuito voltado à mobilidade de crianças e adolescentes, entre 7 e 16 anos, que tenham paralisia cerebral. Os participantes devem conseguir andar sozinhos, sem ajuda de outra pessoa ou de equipamentos. A intervenção será realizada durante um mês, sendo três sessões semanais, com atendimento presencial no Campus São Carlos da UFSCar. 
A pesquisa é realizada pela doutoranda Isabella Sudati, juntamente com as alunas de mestrado Luana Oliveira e Ana Paula Zanardi e outros quatro estudantes de Iniciação Científica, sob orientação de Ana Carolina de Campos, docente do Departamento de Fisioterapia (DFisio) da UFSCar. O objetivo do estudo é descrever o desenvolvimento de um protocolo de intervenção e investigar os mecanismos neurais e biomecânicos associados às mudanças na mobilidade após um protocolo de terapia orientada à tarefa, denominado Mobility Intensive Training (Mob-IT), aplicado em crianças e adolescentes com paralisia cerebral. "Esse estudo é importante, pois estaremos propondo um tratamento intensivo para crianças com paralisia cerebral com foco na mobilidade desses participantes", relata Sudati. 
A doutoranda explica que a mobilidade compreende atividades de locomoção por diferentes ambientes, como andar, correr, desviar-se de obstáculos, subir e descer escadas, dentre outras. Sudati aponta que, segundo relatos coletados na literatura, a mobilidade é uma das principais metas do tratamento de crianças e adolescentes com paralisia cerebral. "Atualmente, existem alguns tratamentos intensivos sem embasamento científico ou aqueles que são baseados em evidências, mas que focam em atividades de membros superiores e atividades no geral. Entretanto, o nosso tratamento proporcionará atividades que beneficiem a locomoção dessas crianças e adolescentes por qualquer ambiente", explica a pesquisadora.
De acordo com Sudati, a hipótese da pesquisa é que os participantes atendidos apresentem melhora clínica na locomoção, além de mudanças benéficas na atividade cerebral e na qualidade do movimento. 
O tratamento ocorrerá de forma individualizada três vezes por semana, durante um mês e as sessões terão duas horas de duração. Os participantes serão avaliados antes e depois do tratamento. As sessões ocorrerão no DFisio e na Unidade Saúde-Escola (USE) da UFSCar, que ficam na área Norte do Campus São Carlos.
Interessados em receber o tratamento devem entrar em contato com as pesquisadoras por um dos seguintes telefones/WhatsApp: (55) 99998-8961, (35) 98401-9229 ou (16) 98110-1055. Projeto aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da UFSCar (CAAE: 51559421.6.0000.5504).
Publicado em Educação

Guarulhos, Ribeirão Preto, Araraquara e a capital São Paulo foram os beneficiados pelo PRÓ-DH, programa do Ministério da Mulher da Família e dos Direitos Humanos

 

RIBEIRÃO PRETO/SP - Araraquara, Guarulhos, Ribeirão Preto e a capital São Paulo ganharam um reforço para a execução de políticas públicas de promoção da igualdade racial. O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) fez a entrega de quatro automóveis para as prefeituras nesta quarta e quinta-feira (1º e 2). O investimento do Governo Federal na ação foi de R$ 208 mil.

"Continuamos na estratégia de fortalecer o Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial. Estamos priorizando os entes da federação que aderiram ao nosso sistema, para que possam conosco promover a igualdade em seus municípios”, enfatizou o titular da Secretaria Nacional de Promoção da Igualdade Racial (SNPIR/MMFDH), Paulo Roberto.

O diretor do Departamento de Direitos Humanos e Igualdade Racial de Ribeirão Preto, João Antunes Neto, disse que “é um dever, não só do município, mas de todos, combater com veemência qualquer forma de racismo, discriminação ou transgressão dos direitos fundamentais”.

O repasse dos veículos integra o Programa de Equipagem e de Modernização da Infraestrutura dos Órgãos, das Entidades e das Instâncias Colegiadas de Promoção e de Defesa dos Direitos Humanos (PRÓ-DH). Um deles foi adquirido com recursos de emenda parlamentar da deputada federal Bruna Furlan (PSDB-SP).

Publicado em Ribeirão Preto

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Junho 2022 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      
Aviso de Privacidade

Este site utiliza cookies para proporcionar aos usuários uma melhor experiência de navegação.
Ao aceitar e continuar com a navegação, consideraremos que você concorda com esta utilização nos termos de nossa Política de Privacidade.