fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 

Aerado, Ganache de Limão e Churros ganham desconto em agosto

SÃO CARLOS/SP - Mesmo em época de isolamento social, o segundo domingo do mês de agosto é o Dia dos Pais e não pode passar em branco. A Sodiê Doces São Carlos escolheu 3 sabores para os filhos escolherem o bolo preferido dos papais. Os pedidos podem ser feitos diretamente nas lojas e retirados ou entregues via delivery.

De chocolate o eleito é o Bolo Aerado#2 que é produzido com massa de chocolate, recheio de mousse de chocolate e creme de chocolate branco aerado, cobertura de mousse de chocolate e raspas de chocolate preto e branco.

 De massa branca temos a opção Ganache de Limão#56, com recheio de creme gelado e ganache de limão, cobertura de marshmallow, raspas de limão e cerejas e o Bolo de Churros#119, traz recheios de creme de churros e mousse de canela, cobertura de mousse branco, creme de churros e crocante de canela.

 Além dos dois sabores da promoção Bolo do Mês, a maior franquia de bolos do país tem mais de 100 variedades de sabores de bolos de massa branca ou de chocolate, com recheios diversos que incluem morango, limão, coco, nozes, abacaxi, damasco, chocolate branco, chocolate ao leite, leite em pó, brigadeiro, doce de leite, leite condensado, entre outros e que agradam a todos os paladares.

 Os bolos ganham desconto de 1 a 31 de agosto em todas as lojas da marca no Brasil e exterior. Os preços podem sofrer variação de acordo com a região.  Os contatos de cada unidade podem ser obtidos no site oficial da marca: www.sodiedoces.com.br/lojas

 

Sodiê Doces

A Sodiê Doces maior franquia de bolo do país, possui atualmente mais de 316 lojas abertas no Brasil e uma unidade na cidade de Orlando, nos EUA. Em seu cardápio há mais de 100 variedades de sabores e uma linha Zero Açúcar especial. Os bolos são elaborados à base de pão de ló, matéria-prima de primeiríssima qualidade e frutas frescas. Capazes de conquistar todos os paladares, eles ainda têm um preço muito acessível e mensalmente a marca traz o Bolo do Mês, com dois sabores, que ganham desconto especial em todas as unidades da rede. A rede também ampliou seu portfólio de sabores das tradicionais balas de coco, hoje são 20 sabores.

Em 2017, a marca inaugurou a fábrica de salgados com sede em Boituva. O espaço tem 1,3 mil m2 e produz cerca de 80 mil salgados por dia que podem ser encontrados em todas as lojas da Sodiê Doces. Para este ano, os produtos também serão comercializados no setor de alimentação fora do lar: supermercados, padarias e lojas de conveniência.

 

Site: www.sodiedoces.com.br    

Fanpage: www.facebook.com/sodiedocesoficial

Instagram: @sodiedoces

SÃO CARLOS/SP - O Comitê Emergencial de Combate ao Coronavírus, coordenado por Mateus de Aquino, secretário de Comunicação da Prefeitura de São Carlos, recebeu na manhã desta terça-feira (28/07), no auditório do Paço Municipal, representantes de diversas academias da cidade. Na pauta da reunião o horário de funcionamento dos estabelecimentos.

O Plano SP permite que os municípios que estão na Fase Amarela, caso de São Carlos, podem consentir a abertura de academias por 6 horas diárias, porém com capacidade limitada em 30% e com agendamento prévio. Inicialmente ficou definido que as academias poderiam funcionar das 12h às 18h no município.

De acordo com os proprietários esse horário não atende o público que frequenta academias e por isso eles solicitaram uma flexibilização com turnos intercalados. O pedido foi de abertura em três horários (manhã, tarde e noite), porém respeitando os protocolos sanitários e às 6 horas diárias permitidas na Fase Amarela.

Após a discussão e sugestões passadas por membros do Comitê ficou acertado que cada academia poderá definir o seu horário, desde que às 6h diárias estejam distribuídas entre 6 da manhã e 10 da noite.

Para o presidente da Câmara Municipal, vereador Lucão Fernandes, esse trabalho do Comitê, sempre com a participação da Câmara, é importante para que as decisões sejam tomadas. “Trabalhamos para o fortalecimento da estrutura hospitalar, para o aumento dos leitos e estamos trabalhando para que a retomada das atividades aconteça com segurança para todos”, ressaltou Lucão.

As normas sanitárias são as mesmas para todos os segmentos: disponibilizar higienização para funcionários e consumidores com álcool gel 70% em pontos estratégicos; os funcionários devem utilizar máscaras durante toda a jornada de trabalho, assim como os clientes; o acesso e o número de pessoas nos estabelecimentos devem ser controlados; manter todas as áreas ventiladas; e o distanciamento entre as pessoas de no mínimo 1,5 metros.

Também participaram da reunião os secretários de Saúde, Marco Palermo, de Planejamento e Gestão, Caco Colenci, a diretora do Procon, Juliana Cortes, o diretor de Fiscalização, Rodolfo Penela e o procurador geral do município, Alexandre Carreira Martins Gonçalves, além dos vereadores Moisés Lazarine, Malabim e Edson Ferreira.

 

SÃO CARLOS/SP - Com a nova classificação da região central no Plano São Paulo, o comércio de São Carlos passou a funcionar das 10h às 16h, de segunda a sábado, duas horas a mais do que na fase anterior.

Além da ampliação do horário, outras atividades e serviços que estavam proibidos de realizar o atendimento presencial, agora na fase amarela, conseguiram autorização.

Para impulsionar as vendas no comércio local e valorizar o consumidor, a ACISC (Associação Comercial e Industrial de São Carlos) lançou nesta segunda-feira, 27, a campanha “Dia dos Pais ACISC, Compre e Ganhe”.

Para participar, o consumidor deve efetuar uma compra acima de R$ 300 em uma das lojas associadas ACISC e solicitar o cupom fiscal. Em seguida, se dirigir até a sede da entidade, na rua General Osório, 401, Jardim São Carlos, apresentar o cupom fiscal e CPF, no horário de funcionamento do comércio não essencial, de segunda a sexta-feira. para a retirada de um maravilhoso kit churrasco e presentear o seu pai. “Não é sorteio. Comprou, ganhou! É só comprar acima de R$ 300 nas lojas associadas, exigir o cupom fiscal e vir até a ACISC para retirar seu brinde”, contou o presidente da entidade, José Fernando Domingues.

A campanha está limitada a 300 kits. Caso o cupom fiscal ultrapasse o valor mínimo de R$ 300, o consumidor receberá apenas um kit. “Se você efetuar uma compra de R$ 600, por exemplo, terá direito apenas a um kit por CPF”, explica Zelão.

Vale lembrar que só serão aceitos cupons com o valor mínimo por compra efetuada nas lojas associadas, ou seja, não será permitido ao consumidor, juntar diversos cupons fiscais para chegar ao valor mínimo. Também só serão válidos cupons datados de 27 de julho em diante.

O presidente ressalta que o desejo era realizar uma promoção ainda maior para ajudar a impulsionar as vendas do comércio, porém, o momento é de incertezas. “Estamos vivendo uma incerteza muito grande por conta da pandemia de coronavírus. Semanalmente, nossa região passa por avaliações do governo do estado e não sabemos se o nosso comércio continua aberto ou fecha. Por este motivo, optamos na realização do “Dia dos Pais ACISC, Compre e Ganhe” como uma forma de, mais uma vez, estarmos ao lado dos nossos comerciantes, fomentando as vendas do Dia dos Pais”, afirmou.

Zelão lembra que a promoção do Dia das Mães teve que ser cancelada. “Estávamos com a campanha prontinha, porém, o comércio foi fechado e a ACISC ficou impossibilitada de realizá-la”, lembrou.

A ACISC prevê aumento nas vendas. “Agora com uma maior flexibilização do comércio não essencial e essa campanha da nossa entidade, acreditamos que teremos um Dia dos Pais mais animado para nossos comerciantes”, finalizou Zelão.

 

SÃO CARLOS/SP - A Força Tarefa composta pela Guarda Municipal, Departamento de Fiscalização, Procon , Vigilância Sanitária a partir desta segunda- feira( 27) intensificará os trabalhos de fiscalização no cumprimento  dos horários de funcionamento e protocolos das atividades na fase amarela do Plano São Paulo.

O Coordenador da Força Tarefa Samir Antônio Gardini informou que o manual de orientação já foi atualizado para todos os funcionários públicos envolvidos nas operações e que a partir desta segunda- feira todas as atividades, inclusive as academias,  salões de beleza, restaurantes,bares e lanchonetes serão vistoriados.

Gardini ressaltou há importância de que os proprietários dos estabelecimentos cumpram seus respectivos  horários de funcionamentos e que todos os protocolos e restrições do Plano São  Paulo sejam cumpridos.

O Diretor de Fiscalização Rodolfo Tiberio Penela disse que  a manutenção da retomada faseada e responsável, e que todos devem atentar-se às regras de higiene e sanitização, restrição de ocupação máxima e de horários, preservação de distância mínima entre pessoas.

Penela enfatizou que os trabalhos de fiscalização serão continuos e que os estabelecimentos comerciais que descumprirem as regras, poderão ser notificados e dependendo da gravidade até multados no R$ 1.126,21 reais e interditados.

Veja as principais mudanças:

 Consumo local (bares, restaurantes e similares) – O conceito “ao ar livre” fora escolhido para assegurar a existência de ventilação natural no local de alimentação, em que os comensais não utilizam máscaras de proteção. No entanto, caso existam áreas de alimentação arejadas, ainda que cobertas, é possível recomendar que o consumo local se dê nesses locais. Dessa forma, desde que a área possua ventilação adequada, na Fase Amarela, é possível recomendar a possibilidade de consumo local ao ar livre ou em áreas arejadas, com rigorosa observância das demais indicações a respeito de capacidade restrita e adoção dos protocolos padrão e setoriais específicos. Ademais, entendemos que a liberação de consumo local em tais ambientes na Fase Amarela deve estar condicionada ao horário limite de 17h. Assim, é possível garantir a oferta de alimentação a trabalhadores, durante a jornada laboral, mas sem incentivar o consumo local em bares, restaurantes e similares com fins de lazer e entretenimento, com potencial para gerar aglomerações e, portanto, ampliar o risco de contágio entre consumidores/ comensais  

 Academias – Tendo em vista os protocolos apresentados pelo setor, entendemos possível recomendar que as   academias de esporte de todas as modalidades e centros de ginástica possam atender ao público presencialmente, em um modelo que reduza consideravelmente o risco de contágio. Com isso, possível recomendar a inclusão dessas atividades na Fase Amarela, desde que a capacidade de cada estabelecimento seja restrita a 30%, número considerado adequado para evitar proximidade entre as pessoas, em um ambiente de exercício ou esforço físico, e desde que haja o prévio agendamento das atividades por parte dos clientes, evitando filas ou aglomerações nas academias e centros de ginástica. Ademais, aulas e atividades em grupo oferecem uma maior dificuldade para manutenção do distanciamento social e, consequententemente, um maior risco de contaminação, por isso deveriam ser suspensas, recomendando-se que aulas e atividades presenciais sejam apenas individuais. Recomenda- -se a adoção de horário reduzido de atendimento presencial ao público, limitado a 6 horas por dia, com observância das demais indicações a respeito de adoção dos protocolos padrão e setoriais específicos.


Para finalizar, o Coodernador do Comitês de Crise Mateus de Aquino enfatizou que é importante frisar que pessoas consideradas como grupo de risco, tais como os maiores de 60 anos, asmáticos ou portadores de comorbidades prévias, permaneçam em isolamento social, desempenhando apenas atividades essenciais, ainda que outros setores tenham retomado o atendimento presencial ao público na localidade em que habitam.Aquino disse que a tabela de horários e regras de horários devem ser seguidas por todos os estabelecimentos.

SÃO CARLOS/SP - O Shopping Center Iguatemi São Carlos informa que, a partir desta segunda-feira (27), passará a operar em novo horário das 11h às 17h, seguindo as novas diretrizes do Plano São Paulo.

O empreendimento reforça que segue as determinações das autoridades competentes e todos os protocolos de saúde e proteção como o uso obrigatório de máscaras, medição de temperatura, tapetes sanitizantes para a desinfecção dos solados de calçados nas entradas, reforço das rotinas de limpeza e álcool em gel à disposição.

Os restaurantes e praça de alimentação voltam a funcionar e, a fim de evitar aglomerações, o shopping irá operar nesse momento com capacidade máxima de 40% de público. A realização de eventos continua não sendo permitida.

SÃO CARLOS/SP - O Procon São Carlos iniciou uma operação nos postos de combustíveis da cidade. Com a retomada das atividades e abertura parcial do comércio, o preço dos combustíveis começou a subir e órgão de defesa do consumidor está notificando os estabelecimentos para analisar se o aumento foi abusivo.

Até o momento 7 postos já foram multados por aumento abusivo no preço, a operação ainda está em andamento e tem o objetivo de analisar o valor aplicado por cada local.

“Lembrando que o Procon de São Carlos já multou em operações anteriores, nos anos de 2017 a 2019, mais de 60 postos por aumento abusivo de preços e alguns postos continuam a elevar os valores sem justificativa, incorrendo na reincidência”, revela Juliana Cortes, diretora do Procon.

O Procon orienta ainda que todos os consumidores devem exigir nota fiscal que discrimine o valor pago por litro de combustível e a quantidade abastecida. Em casos de abuso no preço o consumidor precisa registrar a demanda no órgão.

As práticas abusivas ocorrem nos casos em que há elevação injustificada do preço aproveitando-se de uma determinada situação. Para tanto, é necessária uma avaliação de cada caso.

O Proncon São Carlos está atento à questão dos combustíveis, acompanhando e monitorando o preço nos postos de São Carlos e já entrou em contato com o Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC), para adoção de uma ação conjunta, uma vez que o problema é nacional e extrapola a competência do órgão municipal de defesa do consumidor.

 O Procon solicita, ainda, os consumidores para que ao se depararem com postos que elevaram os preços, comuniquem imediatamente o órgão por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou na página do Facebook acionando imediatamente a fiscalização.

SÃO CARLOS/SP - A ACISC (Associação Comercial e Industrial de São Carlos) comemorou a nova classificação de São Carlos no Plano São Paulo, anunciada pelo governador paulista, João Doria, durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, nesta sexta-feira, 24. A avaliação considera o número de casos, expansão da pandemia, número de óbitos e a taxa de internações de cada região.

Segundo Doria, a partir de segunda-feira (27), toda a região central passa para a Fase Amarela, com maior liberação de atividades comerciais e serviços não essenciais, além do aumento da capacidade limitada para 40% e também do horário para 6h seguidas (que será das 10h às 16h, de segunda a sábado, na cidade de São Carlos).

Para o presidente da ACISC, José Fernando Domingues, a nova classificação mostra que os comerciantes e consumidores, em sua grande maioria, souberam respeitar as medidas de distanciamento social e os protocolos sanitários. “Fizemos diversas campanhas, distribuímos máscaras e folders com os protocolos sanitários ao comércio, tivemos o apoio de toda a imprensa, enfim, foram várias ações para conscientização de todos e, graças a Deus, elas surtiram efeito, visto o anúncio do governador nesta sexta-feira”, afirmou.

Zelão ressalta, porém, que a atenção às normas sanitárias não pode ser relaxada. “Todos lembram que a nossa região estava na Fase Amarela quando o Plano SP começou e acabamos retrocedendo para a Fase Laranja. Por isso, não podemos achar que a pandemia acabou e deixar de respeitar os protocolos sanitários. Vamos seguir vigilantes”, lembrou.

Pela nova classificação, além das atividades comerciais e serviços não essenciais que já estavam autorizados a realizar atendimentos presenciais na Fase Laranja, agora, restaurantes, bares e similares, bem como, salões de beleza e estética e as academias, poderão retomar os atendimentos, mantendo as recomendações de segurança e adotando os protocolos padrões e setoriais específicos, a partir de segunda-feira (27).

Zelão enfatiza que as normas sanitárias são as mesmas para todos os segmentos: disponibilizar higienização para funcionários e consumidores com álcool gel 70% em pontos estratégicos; os funcionários devem utilizar máscaras durante toda a jornada de trabalho, assim como os consumidores; o acesso e o número de pessoas nos estabelecimentos devem ser controlados; manter todas as áreas ventiladas; e a fila deve ter distanciamento de 2 metros entre as pessoas.

Acompanhe as exigências das novas atividades permitidas, de acordo com o Plano SP:

Restaurante, bares e similares: uso de máscaras obrigatório em todos os ambientes; adoção de protocolos geral e específicos para o setor; ocupação máxima de 40% da capacidade dos assentos; funcionamento máximo por 6h diárias, até às 17 horas; limitação das operações à ambientes ao ar livre ou arejados, com obrigatoriedade de assentos.

Salões de beleza: uso de máscaras obrigatório em todos os ambientes; adoção de protocolos geral e específicos para o setor; ocupação máxima de 40% da capacidade; funcionamento máximo por 6h diárias;

Academias: uso de máscaras obrigatório em todos os ambientes; adoção de protocolos geral e específicos para o setor; ocupação máxima de 30% da capacidade; funcionamento máximo por 6h diárias; permitidas aulas e práticas individuais, mantendo-se as em grupo suspensas; suspensão da utilização dos chuveiros de vestiários, mantendo apenas banheiros abertos; entrada de clientes nas academias apenas com agendamento prévio; equipamentos devem ser limpos ao menos 03 vezes ao dia.

SÃO CARLOS/SP - Nesta sexta-feira (24) será anunciado pelo Governo do Estado de São Paulo (segundo fontes seguras da Rádio Sanca) que a DRS III de Araraquara (onde São Carlos está incluída) passará para a fase III do Plano São Paulo de Flexibilização, ou seja, a fase amarela.

O que muda?: A partir de segunda-feira (27) o comércio não essencial de São Carlos voltará à abrir das 10h até as 16h, de segunda à sábado, funcionando então 6 horas por dia, segundo acordado pelo Sindicato do Comércio Varejista de São Carlos e Região (Sincomercio), com a Associação Comercial e Industrial de São Carlos (ACISC) e a Prefeitura Municipal de São Carlos. 

Além dessa alteração, na fase III, conhecida como fase amarela, possibilita também a abertura de bares, restaurantes e similares, que podem abrir somente ao ar livre, funcionar com 40% da capacidade limitada; horário reduzido (6 horas seguidas) adoção dos protocolos padrões e setoriais específicos.

Salões de beleza e barbearias também estão incluídos na flexibilização, seguindo as seguintes recomendações: funcionar com 40% da capacidade limitada; horário reduzido (6 horas seguidas) adoção dos protocolos padrões e setoriais específicos.

As informações apresentadas nesta matéria podem sofrer alterações, pois, em decorrência da pandemia tudo pode mudar a qualquer momento

 

SÃO CARLOS/SP - Entre os dias 03 e 09 de agosto, a rede de franquias Casa de Bolos faz o simples virar extraordinário. É que a marca pioneira no segmento de bolos caseiros preparou um kit especial para deixar o Dia dos Pais muito mais gostoso. O kit traz o lançamento do mês: bolo Vó Sônia de Abacaxi, embalado numa caixa especial para presente, acompanhado de um cartão personalizado, totalizando R$ 34,00 somente durante a semana da promoção.

O bolo Vó Sônia de Abacaxi é preparado 100% artesanalmente, com frutas de verdade. A embalagem é biodegradável e o cartão é uma forma de incentivar a firmeza e a coragem que os pais precisam ter nesses novos tempos, além é claro de homenagear e proporcionar aquele carinho a mais.

E como os cuidados com o isolamento continuam sendo uma condição a ser considerada, vale aproveitar o delivery próprio da Casa de Bolos e encomendar o kit do Dia dos Pais. O aplicativo está disponível e pode ser baixado gratuitamente na App Store e Google Play.
 

*Preço válido somente de 03 a 09/08/20, após essa data entrar em contato com a Markable Comunicação 


 SOBRE A CASA DE BOLOS

Criada com muito carinho pelas mãos talentosas da Vó Sônia em parceria com seus filhos, a Casa de Bolos é pioneira no segmento de bolos caseiros. Contando com mais de 370 unidades pelo país, a rede mantém uma rigorosa qualidade dos bolos oferecidos. Natural de Ribeirão Preto, mãe e filhos começaram o negócio num pequeno salão no centro da cidade e, com o sucesso da loja, optaram pelo modelo de franquias. Hoje, a Casa de Bolos tem no cardápio mais de 100 sabores, incluindo versões diet, integral, funcional, Bolo Caseiro no Pote e bolos baby. Oferece também tortas, cucas e bolos de aniversário. Mais informações: casadebolos.com.br

SÃO CARLOS/SP - Com as academias fechadas, muitos alunos se perguntam como que ficam os pagamentos mensais, principalmente daqueles que possuem plano trimestral, semestral e até mesmo anual.

Planos mais extensos são atrativos por conta do desconto que o aluno recebe no momento da assinatura do contrato, mas diante da pandemia dúvidas surgiram e até mesmo em alguns casos não há informações básicas aos alunos sobre a continuidade da cobrança ou não.

No artigo de hoje, oriento o consumidor bem como os proprietários das academias, buscando uma sintonia entre ambos exatamente neste momento difícil que vivemos.

A recomendação é que as academias que permanecem fechadas renegociem os contratos de alunos.

O Consumidor pode optar pela manutenção dos pagamentos enquanto durarem as medidas de isolamento social, com compensação ao final do contrato.

No caso de cidades que autorizaram o retorno das atividades das academias, o consumidor deve ter a opção de escolher se vai voltar às atividades durante a pandemia.

O importante é as academias (fechadas ou abertas), apresentarem aos clientes a opção pela manutenção dos pagamentos enquanto durarem as medidas de isolamento social, mas com compensação ao final do contrato, ou a suspensão dos pagamentos durante o período de distanciamento para retomada após o retorno de todas as atividades.

As academias não devem cobrar multas contratuais quando o consumidor optar por rescindir o contrato durante a pandemia. Multas e juros por atraso de pagamento durante o período de isolamento social também não devem ser cobrados. Caso isso ocorra, o consumidor deve procurar o Procon local e formalizar a reclamação, uma vez que o mesmo não contribuiu para o rompimento do contrato.

Os estabelecimentos devem criar ainda canais remotos de comunicação para atendimento das demandas dos consumidores como dúvidas, negociações e reclamações.

A orientação é válida para as academias de musculação, centros de ginásticas e estabelecimentos semelhantes e se estende a todo o país.

Por hoje é só, até a próxima!

 

*Por: Dr. Joner Nery é advogado inscrito na OAB/SP sob o n° 263.064, pós-graduado em Direito e Processo do Trabalho e Especialista em Direito do Consumidor, ex-diretor do Procon São Carlos/SP e ex-representante dos Procons da Região Central do Estado de São Paulo, membro da Comissão Permanente de Defesa do Consumidor da OAB/SP.

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Setembro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30