fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 

Ação tem caráter emergencial e visa suprir escassez de produtos que usualmente não integram a parcela de excedentes nos estoques dos parceiros doadores;

Combinados às cestas de alimentos, 55 mil kits de produtos de higiene e limpeza também foram adquiridos para distribuição entre famílias em vulnerabilidade;

Durante a pandemia, o programa arrecadou mais de 1,3 mil  toneladas de alimentos, um acréscimo de 40% se comparado ao mesmo período de 2019, e passou a atender cerca de 68 mil famílias, além das instituições já cadastradas.

 

SÃO PAULO/SP - O Mesa Brasil é um dos programas do Sesc São Paulo que continua ativo durante este período de quarentena, com o objetivo de minimizar os impactos causados pela pandemia do novo coronavírus entre famílias em situação de vulnerabilidade social. E mais: dedicado à segurança alimentar e nutricional, o programa também foi ampliado e, no mês de junho, o Sesc adquiriu 55 mil cestas básicas para serem distribuídas, junto com kits de higiene e limpeza, às famílias assistidas pelas instituições cadastradas.

A aquisição de produtos para doação é algo inédito no programa, que tem como fundamento a coleta, junto a empresas parceiras, de alimentos excedentes ou fora dos parâmetros de comercialização, no que diz respeito à sua aparência – mas que ainda apresentam padrões sanitários adequados ao consumo –, para que sejam distribuídos entre entidades sociais. Essa nova prática foi adotada, em caráter excepcional, para que o programa possa suprir a demanda por itens não perecíveis, cuja presença costuma ser escassa nos estoques dos doadores, em comparação aos produtos perecíveis, cujas variações relacionadas ao aspecto, que figuram entre as medidas para a comercialização desses itens no varejo ou atacado, acontecem com maior frequência, proporcionando, assim, maior volume de excedentes a serem doados por essas empresas.

Danilo Santos de Miranda, diretor do Sesc São Paulo, esclarece que “O Sesc tem realizado algumas flexibilizações na operação do Mesa Brasil, com o objetivo de cumprir sua missão de responsabilidade social e ofertando, nesse momento, essas cestas de produtos não perecíveis, além dos kits de higiene pessoal e limpeza, tão necessários nesse momento instável e frágil”.  Marcia Bonetti, gerente da Gerência de Alimentação e Segurança Alimentar do Sesc São Paulo complementa: “Trata-se de uma ação emergencial, e não de rotina. O que temos observado, por conta das diversas medidas restritivas à circulação, é um número maior de pessoas com limitação de acesso ao trabalho, e, portanto, ao alimento, em um contexto de vulnerabilidade alimentar que se mostra potencialmente crescente. Entendemos que o Mesa Brasil é um programa essencial. E num momento como esse, ele se torna ainda mais importante”, complementa.

As 55 mil cestas básicas, e também os 55 mil kits de higiene e limpeza, já estão preparados para que seja iniciada a distribuição pelas unidades do Sesc que operam o programa no  estado de São Paulo.

“Para que os produtos cheguem às famílias, é necessária uma complexa operação logística de recebimento, organização, estocagem e entrega a cada uma das instituições atendidas”, detalha Marcia.

Desde o início de abril, circularam pelo Centro de Captação e Armazenagem do Mesa Brasil, que fica na Vila Leopoldina, zona oeste da capital paulista, mais de 1,3 mil toneladas de alimentos – um acréscimo de 40%, se comparado ao mesmo período de 2019. Apenas no mês de maio, o número de famílias atendidas teve um aumento de 23,5% em comparação ao mesmo período do ano passado, saltando de 55 mil para 68 mil. Até o último dia 5 de junho, já foram distribuídas mais de 1,3 toneladas de alimentos, entre verduras, legumes, frutas, leite, biscoitos, pães, queijos, laticínios, hambúrgueres, chocolate e outros, complementando mais de 5,3 milhões de refeições em 884 instituições sociais no estado. O programa já distribuiu também mais de 5 mil frascos de álcool gel, 32 mil frascos de alcool líquido (70%) e 293 mil itens de higiene e limpeza, entre detergentes, água sanitária e sacos de lixo.

Novos Doadores

Há, ainda, um trabalho em curso para atrair novas empresas interessadas em realizar doações para o Mesa Brasil, somando esforços às mais de 1,2 mil empresas já cadastradas, entre supermercados, restaurantes, centrais de abastecimento, sacolões, indústrias, padarias, feiras livres, distribuidores e outros. As equipes responsáveis pela coleta e entrega diária de alimentos foram especialmente capacitadas para os protocolos de prevenção à Covid-19, com todas as informações e equipamentos de proteção individuais e coletivos necessários para evitar o contágio.

Continua depois da publicidade

Em São Carlos

A unidade do Sesc São Carlos receberá uma remessa de cestas e kits de limpeza no próximo dia 15 de junho e encaminhará as doações para 11 instituições cadastradas, atendendo a 472 famílias.

Do início da pandemia até o dia 9 de junho o programa coletou 32 toneladas de alimentos e distribuiu para 23 instituições assistidas. As doações chegaram para 900 famílias e cerca de 4300 pessoas foram atendidas.

O Mesa Brasil tem capacidade para aumentar essa distribuição de alimentos, mas necessita ampliar as empresas doadoras. O programa reúne esforços para expandir sua rede de parceiros doadores em meio à crise causada pelo novo coronavírus.

Podem doar supermercados, atacadistas, padarias, confeitarias, produtores rurais, indústrias, varejões, distribuidores, cerealistas e outros que queiram realizar doações. Cestas básicas, alimentos, produtos de higiene pessoal e produtos de limpeza são os produtos que podem ser doados.

Informações sobre o Mesa Brasil no município de São Carlos e como doar podem ser obtidas pelo whatsApp 16 3373-2305 ou no e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

SOBRE O SESC SÃO PAULO

Com 73 anos de atuação no estado e 40 unidades operacionais, o Sesc São Paulo (Serviço Social do Comércio) desenvolve ações com o objetivo de promover bem-estar e qualidade de vida aos trabalhadores do comércio, serviços, turismo e para toda a sociedade. Mantido pelos empresários do setor, o Sesc é uma entidade privada que atua nas dimensões físico-esportiva, meio ambiente, saúde, odontologia, turismo social, artes, alimentação e segurança alimentar, inclusão, diversidade e cidadania. As iniciativas da instituição partem das perspectivas cultural e educativa voltadas para todas as faixas etárias, com o objetivo de contribuir para experiências mais duradouras e significativas. São atendidas nas unidades do estado de São Paulo cerca de 30 milhões de pessoas por ano. Hoje, aproximadamente 50 organizações nacionais e internacionais do campo das artes, esportes, cultura, saúde, meio ambiente, turismo, serviço social e direitos humanos contam com representantes do Sesc São Paulo em suas instâncias consultivas e deliberativas.

Saiba+: sescsp.org.br/sobreosesc

A entrega foi feita pelo presidente do Rotary Club São Carlos Clima. Em 3 meses, foram doadas 530 mil tampinhas plásticas

 

SÃO CARLOS/SP - O Provedor da Santa Casa, Antônio Valério Morillas Júnior, e o Diretor Técnico do hospital, o infectologista Vitor Marim, receberam a visita dos membros do Rotary Club São Carlos Clima. Na ocasião, foram entregues duas cadeiras de rodas arrecadadas através da campanha “Tampinha Solidária”. O projeto é uma parceria entre o Interact Club e Rotary Club São Carlos Clima.

A Campanha começou em fevereiro. Nesses três meses, foram coletadas 530.000 tampinhas plásticas que equivalem a 1 tonelada. As duas cadeiras foram trocadas pelo valor de R$ 1.400: “fizemos a coleta dos produtos, separamos por cores, vendemos para o reciclador, e, com o valor arrecadado, compramos as cadeiras de rodas. É uma satisfação enorme ajudar a Santa Casa com essas cadeiras que tanto vão beneficiar a população”, explica o rotariano, Luiz Renato de Lourenço.  

As cadeiras doadas vão ser usadas em um dos blocos das Enfermarias e no Pronto Socorro do hospital. Atualmente, a Santa Casa possui 11 cadeiras de rodas, mas para atender toda à demanda do hospital, o ideal seria ter pelo menos 23.

“Soubemos da necessidade do hospital e resolvemos ajudar. Nos orientaram sobre o modelo ideal e fizemos a compra. De tampinha em tampinha, vamos conquistar mais unidades para o hospital”, comenta a rotariana Maria Ofélia Di Lorenzo.

Para o Presidente do Rotary Club de São Carlos Clima, Sebastião Vicente Canevarolo Júnior, essa é uma ação que pretende angariar outras cadeiras ao hospital: “o Rotary tem como missão ajudar a sociedade em suas necessidades, e a Santa Casa é uma Instituição da cidade que necessita de todo apoio. Por isso, promovemos essa melhoria ao hospital, e ainda vamos conseguir outras cadeiras em razão do projeto ser a longo prazo”.

De acordo com o Provedor da Santa Casa, Antônio Valério Morillas Júnior, os Rotary Clubs são grandes parceiros e sempre abraçam as causas em prol do hospital: “é sempre muito importante o envolvimento da sociedade e a solidariedade que a população está demostrando para com a Santa Casa neste momento. O apoio dos Rotarys é fundamental para a Instituição. É uma campanha que, com a ajuda de todos, vai reduzir a falta de cadeiras do hospital oferecendo, assim, mais qualidade na locomoção dos pacientes”.

A consultora do Setor de Captação de Recursos da Santa Casa, Angela Oioli, ressalta que escolas e vários estabelecimentos comerciais aderiram à campanha.

“E mesmo com a pandemia da COVID-19, os serviços essenciais que mantiveram as portas abertas, como os supermercados, mantiveram as urnas nas suas unidades e essa ajuda foi extremamente importante para que conseguíssemos arrecadar essa quantidade necessária de tampinhas plásticas para trocar pelas 2 cadeiras de rodas”.

Vale ressaltar que a campanha continua. Podem ser doadas tampinhas plásticas de água, refrigerante, leite, maionese, achocolatados, remédios, creme dental, shampoo, condicionador, amaciante, sabão em pó e líquido, café, catchup, detergente, requeijão, leite, potes de sorvetes, dentre outros similares. O importante é que as tampas estejam limpas e sem nenhum rótulo de papel.

A entrega pode ser feita na Portaria do Estacionamento da Santa Casa (Portaria 5), que fica na Rua Maestro João Seppe, s/nº.

 

SERVIÇO:

CAMPANHA TAMPINHA SOLIDÁRIA

LOCAL DE ENTREGA – PORTARIA 5 DA SANTA CASA (PORTARIA DO ESTACIONAMENTO – RUA MAESTRO JOÃO SEPPE, S/N)

O QUE DOAR: QUALQUER TAMPINHA PLÁSTICA, LIMPA E SEM RÓTULOS

Mais de 40 cidades já foram beneficiadas com equipamentos de proteção produzidos no campus de São Carlos

 

SÃO CARLOS/SP - A produção de face shields surgiu, espontaneamente, logo no início da pandemia do novo Coronavírus. Servidores e estudantes da UFSCar voltaram esforços para apoiar quem está na linha de frente na luta contra a COVID-19: profissionais da saúde, da segurança e trabalhadores em atividades presenciais. Até o momento já foram entregues cerca de 14 mil protetores faciais a mais de 40 cidades de todo o Brasil.

O Professor Daniel Braatz, do Departamento de Engenharia de Produção (DEP), conta que as máscaras produzidas por seu grupo apresentam benefícios ambientais. "Parte do material é produzido com fibra de côco, o que diminui a quantidade de plástico utilizada", explica o Professor. Além disso, usabilidade e conforto ao usuário também são essenciais para o desenvolvimento das máscaras. "Fizemos diversos testes. Não é uma simples reprodução, houve um desenvolvimento próprio das face shields", finaliza o Daniel Braatz.

A viabilização da produção de máscaras, na Universidade, contou com o apoio da Reitora Wanda Hoffmann, que autorizou o uso do prédio do antigo Banco Santander, neste período, para a confecção dos protetores faciais. A Reitora também solicitou a reforma do prédio à Prefeitura Universitária (PU). "As ações dos servidores da UFSCar têm sido vigorosas. A luta contra o novo Coronavírus é de todos nós", afirma Wanda Hoffmann. 

A equipe da PU realizou as adequações necessárias no antigo prédio, que já foi disponibilizado ao projeto. "Foram feitos reparos na cobertura, readequações no forro, limpeza geral e higienização, dentre outras ações. Sempre que necessário nós colaboramos, também, com o transporte de materiais", acrescenta Alex Elias Carlino, Prefeito do campus São Carlos - UFSCar.

Doações - Todas as máscaras são entregues sem quaisquer custos aos municípios. Para que a produção continue, as doações são essenciais. "Municípios, unidades de saúde, policiais e penitenciárias nos agradecem pelas doações. Os relatos são emocionantes, pois está difícil de adquirir máscaras e os profissionais da linha de frente não podem ficar sem proteção. Mas este mérito é de todas as equipes que vêm produzindo máscaras, das empresas que trabalham em parceria conosco e dos doadores. É um trabalho coletivo a luta contra a COVID-19", afirma Rafael Aroca, Professor do Departamento de Computação (DC).

Para apoiar os projetos, acesse a Plataforma Institucional de doações aos projetos contra a COVID-19: http://www.fai.ufscar.br/noticia/doacao-covid-19.html

Empresas e Instituições parceiras (ordem alfabética): 1. 3M; 2. Anodiart; 3. Aquarela; 4. Bio Art; 5. Braskem; 6. CREARE; 7. Cruzeiro/ UNIFRAN; 8. Ennove; 9. Fiveltec; 10. GPE Construtora; 11. IFSP; 12. Intecmat; 13. NUMA - EESC/ USP; 14. Polimold; 15. Prefeitura Municipal de São Carlos; 16. SABIC; 17. Santa Casa de São Carlos; 18. Sartori; 19. Solis; 20. Tecnident; 21. UFTM; 22. UNESP; 23. Usifer.

SÃO CARLOS/SP - “Vocês não sabem a alegria que estou em ver vocês aqui em Ibaté conhecendo e reconhecendo o nosso trabalho com os bichinhos que tanto precisam de nós”, essas foram as palavras da cuidadora Ana Lucia C. Gimenes, ao receber a equipe Conselho Bruno Ganem, de São Carlos e Região, na tarde desta última 3ª feira (02).

Nossa reportagem fez uma matéria solicitando ajuda para Ana, pois ela cuida de 100 animaizinhos, entre gatos e cachorros, porém estava sem condições para comprar ração. Imediatamente o Conselho composto por Paula Bianco, Cleberson (Kekos), Maicon Ernesto e Ivan Lucas, fizeram a reportagem pela Rádio Sanca e conseguiram 8 sacos de 15kg da ração Especial Dog para cachorro e 03 sacos de 20kg da Nero Cat para os gatos.

“Ivan Lucas, vir até Ibaté e ver o sorriso no rosto da Ana, nos deixa feliz, pois essa mulher é uma batalhadora, pois é casada, tem 4 filhos e ainda consegue cuidar de todos esses bichinhos, um exemplo pra nós” disse Paula Bianco.

Quem puder ajudar com ração para os bichinhos, produtos de higiene para limpeza do local onde ficam, mantas ou roupinhas que ajude amenizar o frio que está chegando o inverno e alimentos para família, pode ligar no fone (16) 99794-0447.

Se alguém quiser fazer adoção de um gato ou cão pode entrar em contato diretamente com a Ana no fone (16) 99451-0377.

O Conselho Bruno Ganem, ainda visitou a ONG ASA (Amigos Salvando Amigos), em São Carlos, para conhecer o lindo trabalho que voluntariamente fazem, e ajudam os bichinhos indefesos.

AGRADECIMENTO

O Conselho Bruno Ganem de São Carlos agradece a Ana Cláudia e o Marcelo Sardelli, que fizeram a doação da ração.

SÃO CARLOS/SP - Uma ação solidária idealizada entre dois amigos de São Carlos será realizada na próxima sexta-feira (05), para ajudar as pessoas que mais precisam.

José Claudio Salvador e Clayton Renato Rangel dos Santos (Makale), querem juntar o útil ao agradável, onde tiveram a ideia de arrecadar alimentos e doar máscaras devido esta pandemia que estamos vivendo.

“Ivan Lucas, quem for dia 05 de maio, até o Pão de Queijo da Rua 9 de Julho, no numeral 1101, no Centro de São Carlos, e doar 1 kg de alimento não perecível vai ganhar uma máscara para se proteger contra o Covid-19” afirmou Makalé.

Já José Claudio, disse que a ação é realmente ajudar neste momento de crise. “Tem tanta gente passando fome e isso nos incomodou, onde conversei com Makalé e a ideia se torna ação nesta 6ª feira (05). Vamos arrecadar os alimentos e vamos proteger quem ainda não tem uma máscara” disse José Claudio.

Quem não puder doar Alimentos também ganhará uma máscara para se proteger.

Lembrando que a ação ocorrerá nesta sexta-feira (05), das 07 às 12h, no Pão de Queijo, localizado na Rua 9 de Julho, no Centro de São Carlos.

Participe.

Rede de shopping centers destina recursos em benefício das comunidades carentes e reforça o seu compromisso com a responsabilidade social
 

São Carlos/SP – Em meio ao cenário atual de incertezas causado pelo coronavírus, a Iguatemi Empresa de Shopping Centers tem se empenhado em promover ações que beneficiem a população menos favorecida e, consequentemente, mais atingida por essa pandemia no país.

Entre as medidas adotadas pela companhia para ajudar a mitigar os impactos da COVID-19, está a doação de R$8 milhões revertidos para a aquisição de 40 mil testes rápidos – atendendo inclusive o quadro de colaboradores -, 100 mil máscaras de proteção e milhares de cestas de alimentação e produtos de higiene que serão destinados para as cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Sorocaba (SP), Votorantim (SP), Ribeirão Preto (SP), Rio Preto (SP), Barueri(SP), São Carlos (SP), Brasília (DF), Novo Hamburgo (RS), Tijucas (SC) e Porto Alegre (RS).

A rede instalou também postos para coleta de água e itens de higiene em alguns dos shoppings localizados no Estado de São Paulo, entre eles o Iguatemi São Paulo, Market Place, Pátio Higienópolis, JK Iguatemi, Iguatemi Alphaville, Iguatemi Esplanada, Iguatemi Ribeirão Preto e Iguatemi Campinas. Esse movimento, resultado de uma parceria inédita com a Ambev e Cruz Vermelha de São Paulo, já arrecadou nas últimas semanas milhares de itens de necessidade básica e essenciais, em benefício de famílias vulneráveis.
Além disso, foi implementada uma campanha de doação de cestas básicas simbólicas em conjunto com a UniãoSP, iniciativa formada por diversos grupos da sociedade civil, dentro da plataforma de e-commerce da empresa, o Iguatemi 365.

Em outra frente de atuação, a rede de shopping centers aderiu a campanha “Conexão Solidária” da Fundação FEAC, Federação das Entidades Assistenciais de Campinas (SP), com o intuito de contribuir na contenção da crise humanitária na região. O projeto prevê a distribuição de um cartão alimentação mensal no valor de R$ 200, por um período de cinco meses, beneficiando famílias campineiras em situação de vulnerabilidade social.

A companhia também se uniu ao movimento #2em2, ação conjunta com outras grandes empresas para aplicação de testes de anticorpos ao COVID-19 no Brasil.

A cada teste
comprado, outro será doado, com o intuito de gerar informações para pessoas e autoridades e contribuir no combate à pandemia. Os testes são vendidos por meio de um aplicativo de delivery e coletados por uma equipe médica em um sistema drive thru montado no shopping Iguatemi São Paulo, em dia e horário pré-agendados no próprio aplicativo.

“Estamos vivendo uma situação inédita e de extrema vulnerabilidade que, de uma hora para outra, impactou todas as esferas da nossa sociedade. Nesse momento tão difícil, precisamos estar unidos e pensar no bem coletivo, agindo com generosidade em benefício daqueles que mais precisam da nossa ajuda. Esse é o único caminho para que possamos evoluir nos tornando um país melhor”, afirma Carlos Jereissati Filho, presidente da Iguatemi Empresa de Shopping Centers.

Paralelamente, shoppings como o Iguatemi Porto Alegre e o Iguatemi Brasília, disponibilizam as áreas de estacionamento para a instalação de postos de drive thru para vacinação e testagem da COVID-19. Mais informações sobre as iniciativas da Iguatemi e como ajudar podem ser encontradas no site www.iguatemi.com.br.

 

Sobre o Shopping Iguatemi São Carlos

O Iguatemi São Carlos é o segundo shopping da Iguatemi Empresa de Shopping Centers no interior de São Paulo. Inaugurado em setembro de 1997, consolidou-se como um polo de compras e entretenimento da cidade e região, reunindo o melhor do varejo nacional, opções gastronômicas diferenciadas, lazer e serviços.

Localizado no bairro Parque Faber, área nobre de São Carlos, são mais de 100 lojas que formam um mix completo para quem deseja realizar suas compras com comodidade e segurança. O shopping conta ainda com um cinema, desenvolve uma série de atividades culturais para toda a família e realiza iniciativas sociais para o município.

Mais informações você encontra no site do Iguatemi São Carlos: www.iguatemisaocarlos.com.br.

 

Serviço

Shopping Iguatemi São Carlos

Endereço: Passeio dos Flamboyants, 200, São Carlos

Informações: www.iguatemi.com.br/saocarlos

A contribuição vai ajudar a minimizar os custos com EPIs para os profissionais que atuam na linha de frente

 

SÃO CARLOS/SP - O Provedor da Santa Casa, Antônio Valério Morillas Júnior, e o Diretor Técnico do hospital, o infectologista Vitor Marim, receberam a visita do vereador Azuaite Martins de França (Cidadania 23), que entregou um cheque no valor de R$ 4.565,11.  Pelo segundo mês consecutivo, o vereador doa o salário integral que recebe da Câmara Municipal para ajudar o hospital no enfrentamento da COVID-19.

O recurso mais uma vez será investido na compra de rolos de TNT para confeccionar Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como máscaras e jalecos para os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate ao novo Coronavírus.

“Não acho justo ficar com esse valor já que as atividades da Câmara estão paralisadas devido à pandemia. Quero receber pelo trabalho desempenhado. Reafirmo meu apoio ao hospital, e ressalto que esse é um gesto solidário. Os voluntários que se apresentarem de alguma maneira pra ajudar o próximo, são os que realmente constroem e defendem a vida”, afirma o vereador.

O parlamentar citou ainda que, há mais de 20 anos, quando lançou a primeira lei para arrecadação de recursos voluntários através da conta do SAAE, o prefeito da época não implementou a ação, conforme previa a lei: “nesta legislatura, juntamente com o vereador Lucão Fernandes, apresentamos novamente o projeto e conseguimos aprovação de uma lei semelhante. Esperamos que o prefeito venha à utilizá-la em benefício da Santa Casa e da população”. 

A contribuição do parlamentar chegou em boa hora, pois a Santa Casa tem dependido muito da ajuda de doadores e empresários, uma vez que os recursos enviados pelo Estado não são suficientes para atender as despesas do hospital, principalmente em um momento de pandemia.

De acordo com o Provedor, o ato de solidariedade do vereador contribui para minimizar os custos com EPIs: “o vereador Azuaite sempre apoiou a Santa Casa. Desde 1997 ele luta para lançar a lei de arrecadação de recursos para ajudar o hospital. O vereador também foi o pioneiro a doar o seu salário ao hospital. Em seguida, tivemos outros exemplos como dos vereadores Leandro Guerreiro (Patriota) e Dimitri Sean (PDT). Os nossos agradecimentos mais uma vez pela sua demonstração de amor ao próximo que vai ajudar muito no atendimento da população e dos profissionais”.

O Diretor Técnico e Infectologista da Santa Casa, Vitor Marim, enaltece a iniciativa do vereador e afirma que é essencial essa ajuda ao hospital: “reforço o agradecimento ao vereador Azuaite, pois é um gesto muito nobre de pensar na saúde do próximo. Esse é um momento de união e de sensibilização de todos, de pensar no coletivo e cuidar do outro”.

RIO CLARO/SP - Duzentas cestas básicas de alimentos foram entregues na última terça-feira (26) a entidades rio-clarenses. As cinco toneladas de alimentos foram doadas por organizadores e patrocinadores do Campeonato Regional CBC Taurus de Tiro Esportivo, realizado no Clube de Campo, conforme explicou o diretor Ricardo Beraldo.

“É mais uma ação solidária para ajudar aqueles que mais precisam nesta pandemia. Agradecemos a todos que colaboraram”, disse o prefeito João Teixeira Junior ao participar da entrega, ao lado do presidente Pedro Ivo de Arruda Campos, presidente do Clube de Campo.

As cestas básicas foram entregues para o Abrigo da Velhice São Vicente de Paulo, Hospedaria Emaús, Sociedade Beneficente São João da Escócia (Casa das Crianças) e Lar Bethel.

 

 

*Por: PMRC

 

SÃO CARLOS/SP - No dia 9 de dezembro de 2019, Gabriel estava com os amigos em um barzinho que fica na Avenida Comendador Alfredo Maffei de esquina com a Rua Visconde de Inhaúma.
Uma discussão se iniciou dentro do local e Gabriel foi tentar apartar a briga quando recebeu um golpe de faca.
O autor e os envolvidos se evadiram do local e Gabriel foi socorrido com urgência devido ao seu estado.
Ele ficou internado em estado grave e após passar por 8 cirurgias no intestino, a família pede ajuda pois não tem mais condições financeiras de cuidar do jovem, que, apesar de estar em casa ainda não esta recuperado.
A mãe, que é técnica de enfermagem, contou que gasta muito material para a manutenção do curativo do rapaz e também com a alimentação, pois Gabriel pode comer apenas algumas frutas e toma um tipo de leite em pó especial chamado ensure.
Quem quiser fazer uma doação para o jovem pode entrar em contato com a mãe do Gabriel pelo seu facebook Elisabete Soares ou também pode doar para uma vaquinha virtual que foi criada para ajudar, basta clicar aqui
Seja solidário! O Gabriel precisa de sua ajuda! 

A empresária fez uma vaquinha virtual e cerca de 200 clientes participaram da ação

 

SÃO CARLOS/SP - A proprietária da Les Cloches, Luciana Hildebrand, doou R$ 10.443,30 à Santa Casa. Ela montou uma vaquinha virtual e para cada cliente que participasse doando a cota mínima de R$ 25 reais para o hospital, a empresária deu um cupom para que a pessoa que doou concorresse ao prêmio de R$ 2 mil reais em roupas das lojas.

“Quando a quarentena começou, eu fiquei muito preocupada e fiz a promessa de que, se as vendas continuassem, eu faria algo para ajudar a Santa Casa. O movimento das minhas lojas se manteve, por isso, resolvi criar a vaquinha. Foi uma forma de agradecimento também”, conta a empresária Luciana Hildebrand.

A coordenadora do Setor de Captação de Recursos da Santa Casa, Ariellen Guimarães, conta que “o hospital tem recebido ajuda de todos os setores. E essa “corrente do bem”, criada pela Luciana, também vai ser fundamental para que a Santa Casa continue adquirindo os equipamentos de proteção individual para que, assim, nossos profissionais de saúde mantenham o atendimento”.

SERVIÇO:

AJUDE A SANTA CASA

VAQUINHA ONLINE #TODOSPORSÃOCARLOS

https://www.vakinha.com.br/vaquinha/todosporsaocarlos-ajude-a-santa-casa

 

CONTAS BANCÁRIAS

CNPJ 59.610.394/0001-42

Banco Santander: Ag 3301 - Conta 13.000589-3

Caixa: Ag 3047 Op 003 - Conta 1001-3

Banco do Brasil: Ag 3062-7 - Conta 208000-1

Bradesco: Ag 3124 - Conta 30016-0

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Setembro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30