fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 
Homem acusado de violência doméstica mata coelhos de estimação na presença dos filhos Divulgação

Homem acusado de violência doméstica mata coelhos de estimação na presença dos filhos

Escrito por  Fev 20, 2021

PIRACICABA/SP - Um ajudante de pedreiro de 50 anos foi preso pela Polícia Militar após ser acusado de ameaçar de morte sua esposa. Ele também teria matado quatro coelhos de estimação na presença dos filhos 9 e 13 anos, na residência da família, no bairro Mário Dedini, anteontem. Segundo o boletim de ocorrência, os animais foram mortos por sufocamento e golpes com uma pá. O agressor teria causado intenso sofrimento às crianças, pois pegou uma faca e alegou que também mataria sua esposa. A própria vítima avisou a Polícia Militar e o acusado foi preso. Ele responderá as acusações de ameaça, resistência, violência doméstica e maus-tratos. O homem permaneceu detido até ser apresentado à audiência de custódia.

A vítima, uma balconista de 39 anos, relatou à PM, que seu companheiro chegou em casa durante a madrugada embriagado e sob efeito de drogas. Teria feito várias ameaças de morte com uma faca nas mãos. Ele teria permanecido alterado durante todo o dia. Por volta das 16h, o ajudante teria ficado mais alterado e mais uma vez. O homem foi até ao quintal e matou os animais de estimação. Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, a cada coelho que matava, ele jogava-o em um terreno baldio ao lado da casa. A mulher correu para buscar abrigo em uma vizinha. Posteriormente, o ajudante saiu da casa e foi até a um bar. A polícia foi acionada e localizou o suspeito no interior do estabelecimento.

Continua depois da publicidade

A polícia relatou que o suspeito resistiu a abordagem e tentou agredir um dos PMs, mas foi contido e algemado. A vítima relatou que diante da “atrocidade praticada” com a morte dos animais e ainda por cima presenciada pelos filhos, ela gostaria que o companheiro permanecesse preso, pois considera que é a única maneira de manter sua família em segurança. Ela também pediu a medida protetiva para o afastamento do agressor. O delegado Airton Jaguanharo Correa autuou o ajudante em flagrante e já pediu na Justiça que a prisão fosse convertida em preventiva.

A protetora da causa animal e vereadora Alessandra Bellucci (Republicanos) disse que mais uma vez, os maus-tratos com os animais pode ser um reflexo do que amanhã aconteça para uma criança, mulher ou homem. “É preciso que vejam os maus-tratos de uma maneira mais séria. Quem faz isso com um animal faz com uma pessoa amanhã. Infelizmente essas crianças terão traumas pelo resto da vida”, desabafou Alessandra.

 

OUTRAS AGRESSÕES

A balconista disse que o companheiro sempre demonstrou comportamento agressivo e que em 2014 já foi preso por violência doméstica. A mulher relatou que se separou do marido, mas seu filho menor começou a apresentar transtornos. Ela foi informada por uma psicóloga que o garoto sofria pela falta do pai, e por isso acabou aceitando voltar com o convivente.
 

 

*Por: Cristiani Azanha / JORNAL DE PIRACICABA

Ivan Lucas

 Jornalista/Radialista

Website.: https://www.radiosanca.com.br/equipe/ivan-lucas
E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Top News

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Março 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        

Comércio e Serviços em Geral