fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 

ARARAQUARA/SP - Adotado em diversos municípios brasileiros, o passaporte da vacina estabelece a obrigatoriedade do comprovante de vacinação contra a covid-19 para o ingresso em shows, eventos esportivos, culturais e de lazer e outros espaços. A medida visa incentivar a vacinação, além de conter os casos de internações e mortes pela doença com a retomada das atividades econômicas.

Em Araraquara, a medida foi sugerida pelo prefeito Edinho Silva (PT), no último dia 16 de outubro, durante a plenária final da V Conferência Municipal da Juventude. Para o chefe do Executivo araraquarense, o jovem tem o direito de frequentar espaços de lazer e diversão e, por isso, a exigência da vacinação é uma das formas de garantir a segurança. Ao comentar o assunto, Edinho se dirigiu ao vereador Guilherme Bianco (PCdoB) e sugeriu que ele elabore um projeto de lei para discussão na Câmara Municipal.

“Guilherme, faz uma lei criando o passaporte da vacina, que eu vou sancionar essa lei. O passaporte é uma garantia pro jovem ir pro esporte e lazer, porque ele está vacinado. Acaba incentivando todo mundo a se vacinar. O jovem tem direito ao pancadão do fim de semana, mas nós não queremos que ele fique doente”, declarou o prefeito.

Alguns municípios brasileiros já adotaram esse recurso. Na prática, o acesso a determinados espaços de uso coletivo só seria autorizado mediante a apresentação do comprovante de vacinação, como ocorre também em outros países. 

Apesar da defesa pública e do apoio antecipado do prefeito, o projeto ainda não foi apresentado na Câmara de Araraquara.

 

 

Luís Antonio / PORTAL MORADA

ARARAQUARA/SP - A programação do Mês Municipal da Cidadania LGBTQIA+, iniciada no último 13, se encerra no final de semana, no domingo (24), com a 12° edição da Parada do Orgulho LGBTQIA+, realizada de forma digital a partir das 13 horas. A programação poderá ser acompanhada pelo Facebook (Prefeitura de Araraquara, Coletivo Mais Plural) e YouTube (Prefeitura de Araraquara e Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo) de forma gratuita.

O tema desta edição é "Em defesa da vida, da família, da diversidade religiosa e pelo Estado laico", e a realização do evento é uma organização do Coletivo Mais Plural e do COPO (Comissão Organizadora da Parada do Orgulho LGBTQIA+), tendo como grandes parceiros e apoiadores as instituições públicas Prefeitura Municipal de Araraquara por meio das Secretarias de Cultura e Direitos Humanos e Participação Popular, e do Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria Estadual de Cultura e Museu da Diversidade, onde o projeto foi contemplado no edital do "Mais Orgulho" da Secretaria do Estado de Cultura.

De acordo com a assessora de Políticas LGBTQIA+, Erika Matheus, a programação da parada conta com uma roda de conversa no início das atividades, direcionando as falas políticas e apresentações do evento. "O objetivo é justamente festejar politicamente por estarmos vivas e recarregar as energias para as lutas cotidianas", enfatiza.

"O tema desta edição nunca foi tão oportuno. Pessoas LGBTs defendem a vida, afinal, o Brasil é o país que mais violenta esta população é, sobretudo, mais mata a população trans no mundo motivada por transfobia. Pessoas LGBT's defendem a família, visto muitos de nós termos vínculos rompidos devido a discriminação, e sabemos o quão importante são tais vínculos afetuosos. Pessoas LGBT's defendem a diversidade religiosa pelo direito de sua identidade de gênero e orientação sexual, que dissuade do que a normatividade pega, não os privem de cultivar sua fé e espiritualidade. E, por fim, defendemos a laicidade do Estado justamente para que nossas vidas não sejam balizadas por dogmas outros. Nossa lei e condução deve sempre ser a Constituição, as leis que lutam pelos Direitos Humanos."

A 12ª Parada do Orgulho LGBTQIA+ será virtual devido a pandemia e reunirá um elenco diversificado da região de Araraquara onde, por meio da arte, terá como proposta e objetivo fazer o debate de gênero e sexualidade.

A programação que aborda as pautas específicas do debate, terá a participação de: Blair, Bruno Caldeira, Ellyn Top, Jenny, Ju Fernandes e Sabrina Rocco, Lara Mullers, Lígia Maria e Leandro di nizo, Luna Dee, Maya Montinegro,  Optcha Vrá, Paulo Junior, Peppy Typer,  Polyanna Cobban, Storm Drag Queen e Yagô Devil.

Já as apresentações artísticas contam com: Ana Emília & Sarah Trajanovich, Málaga e Wilton; e no comando do som estarão os DJs: Marcus, Raíssa Assunção,Ulisses Philippelli, e Will.

A programação é gratuita. Vale lembrar que o Mês Municipal da Cidadania LGBTQIA+ contou com atividades gratuitas realizadas digitalmente, presencialmente e também de forma híbrida. A programação diversificada e representativa foi composta por palestras, rodas de conversas com especificidades necessárias, mesas de debate, além da finalização nesta semana com a exibição da 12ª edição da Parada do Orgulho LGBTQIA+. O Mês Municipal da Cidadania LGBTQIA+ foi instituído por meio da Lei Municipal 8546/2015 e implementada pela gestão da Assessoria Especial de Políticas LGBTQIA+ de 2017-2020.

"O Mês Municipal da Cidadania LGBTQIA+ é importante em razão de temas considerados que trazem aspectos específicos da população LGBTQIA+. Precisamos ter em mente que existem necessidades dentro e fora da comunidade que precisam ter voz, como particularidades referentes à saúde, educação, segurança, etc. E, debater tais questões sob o viés da identidade de gênero e orientação sexual, não de nota privilégios e, sim, expõe a exclusão sistêmica que tal população é submetida, havendo ser necessária reparação por meio da luta da pauta e do pleitear de Direitos", finaliza a coordenadora de Políticas LGBTQIA+.

 

SERVIÇO:

Exibição da 12ª Parada do Orgulho LGBTQIA+

Data: 24/10 (domingo)

Horário: 13 horas

Canais: Prefeitura de Araraquara (Facebook e YouTube), Coletivo Mais Plural (Facebook) e Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo (Secretaria de Cultura do Est. SP)

https://www.facebook.com/prefeituraararaquara

https://www.facebook.com/maispluralararaquara

https://www.youtube.com/PrefeituradeAraraquaraOficial

https://www.youtube.com/c/CulturaEstadoSP

 

 

*Por: PORTAL MORADA

Nesta sexta-feira e sábado as unidades do Sesi receberão eventos musicais e de artes cênicas  

ARARAQUARA/SP - Após um ano e seis meses sem receber programação cultural devido a quarentena para evitar a disseminação do novo coronavírus, as unidades do Sesi de São Carlos e Araraquara voltam a oferecer opções culturais gratuitas de lazer ao público dos municípios e da região. 

A entrada dos eventos é gratuita, com ingressos reservados pelo Meu SESI, https://www.sesisp.org.br/meu-sesi. As apresentações seguirão todos os protocolos de segurança e terão capacidade reduzida para manter o distanciamento social necessário.  

 

Edital Extra de Cultura 

Os espetáculos integram o Edital Extra de Cultura do SESI-SP, que visa incentivar e apoiar ao setor cultural tão afetado pela pandemia. 

 

São Carlos

Programação de sexta-feira 

Na sexta-feira, 22 de outubro, às 20h, a unidade do Sesi de São Carlos receberá o espetáculo musical Coisas do interior. A entrada é gratuita e aberta para todos os públicos. 

Produzido por João Oliveira em parceria com Kabé Pinheiro, ambos pesquisadores da cultura popular brasileira, o show é composto por diferentes arranjos que vão desde ritmos afro-brasileiros como samba, jongo, batuque, moçambique e congada a ritmos de outros lugares, como a música gnawa (Marrocos), o flamenco e o jazz.  

O repertório conta com músicas autorais e releituras de canções populares, representando a energia, a espontaneidade e a força rítmica da música popular brasileira fusionada com músicas do mundo. 
Linguagem: Música - MPB
Classificação: Livre
Duração: 80min
Música: Rosa Branca - João Oliveira e Kabé Pinheiro
https://www.youtube.com/watch?v=p3I01HU4qtU

 

Ficha Técnica 

Voz e violão: João Oliveira | Percussão e dança: Kabé Pinheiro | Técnico de som: Régis Augusto | Técnico de luz: Silvestre Garcia | Produção executiva: Luciana Passarini  

 

Programação de sábado 

Na tarde de sábado (23), às 15h, o Sesi São Carlos recebe o espetáculo de dança africana Nimba, produzido pela Trupe Benkady. A apresentação utiliza dos elementos e simbologias femininas da natureza em diálogo com a dança africana, e busca gerar a reflexão desta essência maternal existente em cada um de nós e que tem o poder de se manifestar no tempo e espaço que quiser.  

Nimba é uma homenagem ao espírito feminino existente em todos os seres e tem como proposta trazer informações da cultura ancestral africana, principalmente a Mandingue. Integram o espetáculo 5 dançarinos e 4 músicos que tocam instrumentos originários da cultura africana (Djembe, Dununs, Sangban, Balafon).   

Linguagem: Dança
Classificação: Livre
Duração: 50min 

Apresentação: Nimba - 
Trupe Benkady
https://www.youtube.com/watch?v=ZhO9v6uOKTc

 

Ficha Técnica 

Dançarinos: Flavia Mazal Simhon, Kleberton Moura Dos Anjos, Nathalia Fonseca Freitas, Rafael Rodrigues dos Santos e Victor Dias da Silva | Djembe: Hiles Moraes de Oliveira | Trio de Dununs: Leandro Barbosa dos Santos | Balafon: Rogerio Nascimento da Silva | Direção e concepção: Flavia Mazal Simhon | Direção musical: Hiles Moraes de Oliveira | Produção executiva| Leonete Regina Accetto 

O Sesi São Carlos está localizado na Rua Cel. José Augusto de Oliveira Salles, nº 1325, no bairro Vila Izabel. 

-

Araraquara

Programação de sexta-feira 

Nesta sexta-feira o Sesi Araraquara será palco de uma verdadeira festa da cultura nordestina. Às 20h começa o Baile dos Cabras, apresentado pelo grupo Os Cabra, um show musical diferenciado, onde os ritmos do sertão 

nordestino, principalmente o forró pé de serra, ganham um sotaque e uma pitada do universo caipira do interior de São Paulo.  

O repertório conta com obras e interpretações de Luiz Gonzaga, João do Vale, Alceu Valença, Raimundo Fagner, Jackson do Pandeiro. Elba Ramalho, Genival Lacerda, Zé Ramalho, Geraldo Azevedo, Gilberto Gil, Dominguinhos, Caetano Veloso, entre outros. 

Linguagem: Música - Forró pé de serra
Classificação: Livre
Duração: 90 minutos
 

Baile dos Cabras – Os Cabra
https://www.youtube.com/watch?v=0HbsEBsQ-K0&t=5s


Ficha Técnica
 

Voz e violão: João Gabriel Menezes | Voz e acordeão: Netinho | Triângulo e percussão: Tico Baterista | Zabumba: Bruno Santos | Produção Geral: Pimenta Cultural Produções Artísticas | Técnico de som: Pita Junior 
 

Programação de sábado 

No sábado à tarde, o público está convidado a escutar, brincar, rir e se encantar com Beethoven e a música, através do espetáculo infanto-juvenil Beethoven em fá para menor, produzido pela Bricabraque.  

A apresentação, que começa às 15h,conta a história do músico, compositor, pianista e maestro Ludwig Van Beethoven (1770-1827), navegando por sua vida – da infância até tornar-se um dos mais conhecidos compositores de todos os tempos – e estabelecendo uma direta comunicação com o público ao unir a música clássica e as referências musicais contemporâneas, através de muito dinamismo, humor e interatividade. Uma marcante experiência que busca a construção de um futuro mais humano, sensível e conectado à história. 

Linguagem: Teatro
Classificação: Livre
Duração: 50 minutos 

Espetáculo Beethoven em fá para menor – Bricabraque
https://www.youtube.com/watch?app=desktop&v=tDxZawxScoA&feature=youtu.be

Ficha Técnica: 

Concepção artística: Thomas Marcondes e Kauan Scaldelai | Direção e dramaturgia: Thomas Marcondes | Elenco: Thomas Marcondes e Fagundes Emanuel | Direção musical: Kauan Scaldelai | Figurinos: Karen Brusttolin | Iluminação: Cesar Pivetti | Assistência de direção, desenho e operação de som: Dugg Mont | Fotografia: Priscila Prade | Produção: Priscila Prade, Thomas Marcondes e Marlene Salgado  
O Sesi Araraquara está localizado na Avenida Octaviano de Arruda Campos, nº 686, no Jardim Floridiana. 

  

Protocolos 

  • O uso de máscara é obrigatório; 
  • Atentar-se quanto ao distanciamento social necessário de, no mínimo, 1,0m; 
  • A entrada está condicionada à aferição da temperatura no limite máximo permitido de 37,5°C; 
  • Totens com álcool em gel para higienização das mãos estão disponíveis em todos os nossos espaços; 
  • O SESI-SP pratica o distanciamento na disposição dos assentos diante a pandemia da Covid-19 e sua fase atual vigente, publicados nos decretos Estaduais e Municipais; 

ARARAQUARA/SP - Um casal de idosos que mora na Rua Padre Duarte (Rua 4), no bairro Santa Angelina na cidade de Araraquara, foi vítima de um golpe efetuado através de um aplicativo de mensagens.

O senhor de 72 e sua esposa de 69 anos, procurou o 2º DP na sexta-feira (15), para registrar o crime sofrido por eles na manhã de quinta-feira (14).

O autor do golpe, se passando por filho das vítimas, entrou em contato com os mesmos através de aplicativo de mensagens dizendo que havia mudado de número.

ARARAQUARA/SP - Na tarde de quinta-feira (14), criminosos armados levaram R$ 25 mil, carro e eletrônicos em um assalto em residência no bairro Santa Angelina, na cidade de Araraquara.

A Polícia Militar foi acionada pelo próprio morador após o crime cometido em sua casa, localizada na Rua Pedro Martini.

O homem, de 47 anos, passou momentos de terror ao ser rendido ao chegar em sua residência por quatro criminosos que estavam armados com revólver.

A vítima foi trancada em um dos cômodos da casa enquanto os bandidos reviravam o local em busca de eletrônicos e dinheiro.

ARARAQUARA/SP - Um sentinela que guardava a área do Tiro de Guerra, na Vila Xavier, na cidade de Araraquara, acionou a Polícia Militar após ouvir um disparo de arma de fogo, na madrugada desta quinta-feira (14).

Segundo informações, após patrulhamento, policiais militares localizaram um morador de rua caído próximo ao local com um grave ferimento na perna, provocado por uma arma de fogo. Alexandre Batista Menezes, de 36 anos, foi socorrido as pressas por uma viatura do SAMU, para a Santa Casa de Araraquara e segue internado.

Antes de ser socorrido, ele relatou aos policiais que um indivíduo “moreno, gordo e de boné” desceu de um Fiat/Pálio de cor branca dizendo “Tá me tirando?” e passou a agredí-lo com coronhadas na cabeça. Antes de fugir, o homem efetuou um disparo que atingiu a perna da vítima.

Relatório aponta que, de janeiro a setembro deste ano, o número de exportações na regional de Araraquara foi maior do que de importações

 

ARARAQUARA/SP - As exportações da regional de Araraquara do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) registraram movimentação de US$ 1,22 bilhão entre os meses de janeiro a setembro de 2021, um aumento de 8,3% na comparação interanual. Já as importações somaram US$ 397,3 milhões, o que significa uma queda de 3,3% frente ao mesmo período do ano passado.

Os números positivos acompanham a balança comercial brasileira, que também apresentou superávit de U$$ 56,4 bilhões nos nove primeiros meses de 2021, com crescimento de 38,3% em relação ao mesmo período de 2020, de acordo com o relatório divulgado pelo Ministério da Economia no início de outubro. O superávit ocorre quando o país realiza mais exportações do que importações, totalizando um saldo positivo.

ARARAQUARA/SP - O padre responsável pela Paróquia de São Dimas, localizada no Jardim Eliana, procurou a delegacia nesta quarta-feira (06), para registrar um boletim de ocorrência de furto.

Segundo o pároco, de 65 anos, na manhã do dia 29/09/2021, uma colaboradora o avisou por telefone do crime.

A mulher relatou que ao chegar na igreja, na Rua Papa João XXIII, por volta de 05h45, notou que a porta estava arrombada e que haviam furtado dinheiro do local. A quantia ainda não foi contabilizada.

 

ARARAQUARA/SP - A Polícia Civil de Araraquara tenta localizar dois criminosos que invadiram a residência de uma idosa de 95 anos e agrediram a vítima no bairro São Geraldo, na cidade de Araraquara, na noite de sábado, dia 2.

Segundo relatos da idosa, a porta da frente do imóvel foi arrombada e dois homens com roupas escuras invadiram a sua casa e exigiam dinheiro. A mulher disse que foi jogada ao chão, os ladrões ainda taparam sua boa, impedindo que ela gritasse por socorro.

A vítima teve a casa toda revirada e, durante o registro da ocorrência, não conseguiu informar o que os bandidos roubaram. Os criminosos não foram localizados.

 

 

Chico Lourenço / PORTAL MORADA

 

ARARAQUARA/SP - O prefeito Edinho, o vice Damiano Neto e secretários municipais protocolaram na Câmara Municipal, na quinta-feira (30), um projeto de lei que concede incentivos fiscais e viabiliza a vinda da cervejaria espanhola Estrella Galicia para Araraquara. Será o maior investimento da história de Araraquara, chegando a US$ 2 bilhões (equivale a aproximadamente R$ 10 bilhões).

O documento foi entregue pelo prefeito diretamente ao presidente da Câmara Municipal, Aluisio Boi (MDB), no plenário da Câmara, com presença também de outros dez parlamentares. Agora, o projeto de lei será apreciado e votado no Legislativo.

A fábrica da Estrella Galicia será a primeira da cervejaria fora da Espanha e, por consequência, a primeira unidade na América Latina. Contribuiu para a escolha de Araraquara por parte da empresa a infraestrutura e a logística do município, principalmente o tratamento de água e esgoto, além da qualidade de vida da população.

O investimento inicial por parte da cervejaria está previsto em R$ 530.590.953,00, com obras começando em maio de 2022 e início das operações para dezembro de 2023. A estimativa de produção, já em 2024, é 72,4 milhões de litros de cerveja. Até a implementação total da fábrica, os investimentos devem superar os R$ 10 bilhões, com produção de 300.000.000 de litros de cerveja.

A aquisição do terreno da futura cervejaria e a implantação da Estrella Galicia têm apoio do Investe SP, Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade, ligada ao Governo do Estado de São Paulo.

“Desde meados do ano passado, nós tomamos conhecimento de que a cervejaria Estrella Galicia estava prospectando uma cidade brasileira para instalar sua unidade fora da Espanha. É uma cervejaria que tem sede em La Coruña, na Espanha, e é uma das maiores do mundo. Fizemos contato com a direção da cervejaria e credenciamos Araraquara a concorrer nesse processo. E foi um processo longo, porque eram várias cidades importantes do estado de São Paulo e do Brasil”, explicou Edinho aos vereadores.

“Graças à infraestrutura que Araraquara tem, a qualidade da nossa água, conseguimos demonstrar que Araraquara tem condições de sediar a cervejaria, além do ponto de vista logístico — o novo contorno ferroviário, o gasoduto, o entroncamento rodoviário. Depois de todo esse processo, Araraquara foi escolhida. A empresa está concretizando a compra da área”, complementou o prefeito.

Edinho destacou o potencial do investimento na geração de empregos e no aumento da arrecadação de ICMS [repassado pelo Governo do Estado] no município nos próximos anos. O prefeito também ressaltou a participação da Câmara Municipal na concretização da vinda da empresa, com a apreciação e votação do projeto de lei.

“Quem está criando as condições, neste momento, para que a cervejaria se instale em Araraquara, são o Poder Executivo e o Poder Legislativo. Nós vamos dar um passo fundamental para o futuro de Araraquara, fazendo com que Araraquara gere empregos, arrecade mais e gere mais qualidade de vida para o nosso povo”, concluiu Edinho.

Aluisio Boi também destacou a importância da vinda da cervejaria na geração de emprego e renda neste momento de retomada econômica após a superação da pandemia da Covid-19. “É um investimento que causa um impacto muito forte. É um dia marcante, um dia especial para Araraquara e para a Câmara Municipal”, disse o presidente do Legislativo.

 

Incentivos

O projeto de lei protocolado na Câmara prevê a isenção total de ITBI (Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis) que venha a incidir sobre a aquisição dos imóveis destinados à instalação da cervejaria; a isenção total de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) sobre os mesmos imóveis pelo prazo de 20 anos; a isenção total do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) incidente sobre as obras para a construção da unidade industrial e futuras ampliações, pelo prazo máximo de 15 anos, contados a partir da concessão do benefício; e a isenção total das taxas municipais relacionadas aos trabalhos de construção, implementação, constituição ou licenciamento do empreendimento industrial da empresa em Araraquara.

O projeto de lei também autoriza a isenção total das taxas de poder de polícia relacionadas ao início das atividades da cervejaria e a redução, a 2%, da alíquota do ISSQN incidente sobre as atividades desenvolvidas pela empresa e sobre os serviços por ela importados de empresas do mesmo grupo econômico.

Excluem-se dos benefícios fiscais de que trata o projeto de lei qualquer isenção de taxas, tarifas ou preços públicos decorrentes da prestação, ou da disponibilização, de serviços públicos pelo Daae.

A concessão dos benefícios fiscais previstos no projeto de lei fica condicionada ao recolhimento de todos os tributos, contribuições, preços públicos ou tarifas incidentes sobre a implementação do empreendimento ou sobre as atividades econômicas desenvolvidas pela empresa e, também, ao atendimento das obrigações assumidas pela cervejaria no Protocolo de Intenções por ela celebrado com a Prefeitura de Araraquara e o Daae.

A justificativa do documento protocolado na Câmara esclarece que o projeto de lei se encontra em conformidade com os entendimentos prevalentes do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e a Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar Federal nº 101, de 4 de maio de 2000).

 

 

*Por: PORTAL MORADA

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Outubro 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31