fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 

ARARAQUARA/SP - No início da noite desta quinta-feira (22), uma pessoa foi atropelada no quilômetro 272 da rodovia Washington Luís, na cidade de Araraquara.

O SAMU foi acionado no trecho que fica próximo a base da Polícia Rodoviária, no sentido capital/interior, onde uma pessoa havia sido atropelada por um veículo.

No local os socorristas encontraram um homem de aproximadamente 60 anos, sem identificação, que já estava sem vida.

Policiais rodoviários também estavam no local afim de levantar mais informações sobre o acidente. A condutora envolvida no acidente, parou na base para prestar esclarecimentos. A mulher de 47 anos, conduzia um Corolla, branco, com placas de Jandira-S.P..

Uma equipe de perícia foi acionada para apurar as reais causas do acidente. Ainda não foi esclarecida a identidade do atropelado, que aparenta ser morador de rua.

 

 

*Por: PORTAL MORADA

ARARAQUARA/SP - O Governador João Doria anunciou nesta última segunda-feira (19) investimentos de R$ 6 bilhões na reestruturação da malha ferroviária de São Paulo. A expectativa é que essa modernização gere cerca de 134 mil empregos diretos e indiretos ao longo da concessão. Grande parte das obras deverá ser concluída nos seis primeiros anos e vai proporcionar a expansão de capacidade da ferrovia de 35 milhões para 75 milhões de toneladas por ano.

A boa notícia para Araraquara é que a retirada da oficina da área central da cidade foi incluída no pacote. Essa é a etapa final do projeto de retirada dos trilhos do perímetro urbano, que teve início em 2008 com o contorno ferroviário. O projeto não especificou o cronograma de realização dessa nova etapa.

O empreendimento será realizado pelo Grupo Rumo Logística. Além de Araraquara, os investimentos na nova malha ferroviária vão atender 71 municípios paulistas, entre eles Campinas, Catanduva, Cubatão, Limeira, São Carlos, São José do Rio Preto e Votuporanga.

 

As obras

Estão previstas duplicações e reativações de trechos, ampliação de pátios, modernização da via e melhora na mobilidade nas cidades cortadas pela ferrovia (contornos ferroviários, viadutos, passarelas). Essa modernização irá gerar mais segurança e eficiência operacional, maior capacidade para o sistema ferroviário, redução no tempo de trânsito das composições e redução do custo operacional.

Além disso, os investimentos eliminarão os conflitos entre ferrovia e zonas urbanas em 32 municípios do estado, entre eles Campinas, Catanduva, Cubatão, Limeira, São Carlos, São José do Rio Preto e Votuporanga.

Entre as intervenções previstas, destacam-se:

 

  • Ampliação e implantação de pátios de cruzamento entre Rubinéia e Itirapina
  • Duplicação de trechos entre Itirapina, Boa Vista Velha e Perequê, passando por municípios como Sumaré, Limeira, Rio Claro e Americana
  • Retirada de oficina de manutenção da área urbana de Araraquara
  • Retirada de oficina de manutenção da área urbana de Rio Claro
  • Contorno ferroviário atendendo os municípios de Mirassol, São José do Rio Preto e Cedral. O contorno ferroviário que ficará a 10 km da área central de São José do Rio Preto. Serão feitas 25 obras de artes (5 pontes e 20 viadutos ferroviários)
  • Contorno ferroviário em Catanduva: serão cerca de 18 km de trilhos e um novo pátio
  • Reativação do ramal ferroviário Colômbia-Pradópolis (158,6 km), que passa por entroncamentos logísticos em Bebedouro e Barretos
  • Reativação do ramal ferroviário Panorama-Bauru (369,1 km), que atravessa cidades importantes como Bauru e Dracena
  • Passarelas, viadutos e pontes (rodoviárias e/ou ferroviárias) em várias cidades paulistas

 

Trechos reativados

A Malha Paulista forma junto com a Malha Norte o principal corredor de exportação do agronegócio brasileiro. Essas duas malhas conectam a cadeia produtiva do Centro-Oeste do País ao Porto de Santos. Com os investimentos anunciados em São Paulo, serão recuperados dois ramais desativados: Colômbia-Pradópolis (185,6 km) e Panorama-Bauru (369,1 km), que cortam o estado em direção ao Porto de Santos. No primeiro caso, o ramal passa por entroncamentos logísticos em Bebedouro e Barretos; no segundo, atravessa cidades como Bauru e Dracena.

"Com os investimentos e modernização da Malha Paulista, São Paulo volta ao protagonismo como principal eixo de ferrovia do país", destacou João Alberto Abreu, Presidente da Rumo.

 

 

*Por: Luís Antonio / PORTAL MORADA

Com visual novo, loja contará com equipamentos mais modernos, novas parcerias para atender todos os estilos de consumidores e sessão de hortifrúti dedicada a oferecer produtos orgânicos, sempre em busca de conveniência, qualidade e bom atendimento

 

ARARAQUARA/SP - Para garantir maior comodidade e praticidade aos clientes, a loja MaxFácil Araraquara, localizada na Avenida Dom Carlos Carmelo, 716, no bairro Cidade Jardim, está fechada desde o dia 12 de outubro para passar por melhorias. O objetivo é reunir tudo o que os clientes precisam no dia a dia em um só lugar, facilitando a rotina para que todos aproveitem melhor o seu tempo e oferecendo uma experiência de compra ainda mais agradável.

 Ampliando as operações no segmento de alimentação, o MaxFácil trabalhará com um mix de produtos diferenciados de marcas já conhecidas do consumidor, como DeCecco, St Dalfour, Maille, Jules Destrooper, St Pellegrino, Don Perrier, Acqua Panna, entre outras.

Além do novo portfólio de produtos, algumas linhas também serão ampliadas, como é o caso das marcas Nivea, Bom Peixe e Fazenda do Futuro. “Também teremos uma linha completa de produtos selecionados na padaria e confeitaria, com um toque caseiro. Nosso hortifrúti oferecerá produtos 100% orgânicos em verduras e legumes. No novo layout, a adega será reformulada e o mercado ganhará uma cafeteria no ambiente interno da loja, para que os clientes possam fazer refeições no local”, conta Felipe Buttignon, diretor-presidente do Grupo Palomax.

E, para oferecer uma experiência de compra ainda mais diferenciada e que atenda aos mais variados estilos de vida, o MaxFácil e a Etna - loja especializada em artigos para o lar, decoração e utensílios domésticos -firmaram uma parceria inovadora no varejo: a loja MaxFácil comercializará uma linha exclusiva de produtos Etna; utensílios HomePet para cuidado, proteção, higiene, beleza e limpeza de animais de estimação, além de livros infantis educativos da Ciranda Cultural. “Agora, o araraquarense que consome produtos Etna, por exemplo, não precisará mais ir até Campinas, onde está localizada a loja física mais próxima”, comemora Marcelo Carbonaro, gerente comercial do grupo. 

Com a reforma, O MaxFácil implantará ainda o serviço de self-checkout sistema de caixa autônomo, para facilitar e agilizar a rotina do consumidor. O objetivo é sanar as filas nos caixas e oferecer aos clientes uma opção moderna e tecnológica para sua experiência de compra.

“Com as novidades, nossos clientes vão encontrar uma loja renovada, prática e agradável para uma reunião com amigos e a família. Desejamos que a loja se torne cada vez mais um ponto de encontro. Nossa expectativa é atrair novos clientes de diferentes regiões da cidade e satisfazer, ainda mais, àqueles que estão conosco desde o início”, pontua Buttignon.

 

Serviço:

 

MaxFácil

Endereço: Av. Dom Carlos Carmelo, 716 - Cidade Jardim, Cep: 14805-122, Araraquara - SP

Informações: http://mercadomaxfacil.com.br/

ARARAQUARA/SP - Um homem de 31 anos foi acusado de estupro pela mãe de uma adolescente de 13 anos, no Jardim Água Branca, na cidade de Araraquara, nesta última segunda-feira (12).

De acordo com informações, a mãe da garota procurou a Polícia após a filha contar que havia mantido relações sexuais com o tio. Questionada, a garota disse que fez sexo com o tio por curiosidade, há três dias.

A adolescente foi levada ao IML para exames.

O caso foi registrado como estupro de vulnerável e será apurado pela Polícia Civil.

 

 

*Por: PORTAL MORADA

ARARAQUARA/SP - Um rapaz de 26 anos, identificado como Kleiton Ferreira Muller, morreu na madrugada desta segunda-feira (12), após ser esfaqueado em Furnas.

De acordo com informações, a PM foi acionada na UPA Central, onde Kleiton deu entrada com um ferimento causado por faca. Ele não resistiu e morreu.

De acordo com testemunhas, Kleiton foi esfaqueado após um tumulto no “pancadão”, por indivíduos que teriam fugido em um GM Kadett, de cor vinho.

A perícia foi acionada. O corpo foi encaminhado ao IML.

O caso será investigado.

 

 

*Por: PORTAL MORADA

ARARAQUARA/SP - Um adolescente de 16 anos é acusado de esfaquear um rapaz de 19 anos durante uma briga no início da madrugada deste domingo, dia 11, no Jardim São Rafael, em Araraquara. O fato ocorreu por volta de 1h da madrugada durante um evento em uma área de lazer.

Uma mulher, identificada no Boletim de Ocorrência da Polícia Civil como responsável pelo evento, relatou que a briga ocorreu depois que três pessoas discutiram do lado de fora da festa. Na ocasião, o adolescente de 16 anos queria sair do evento com sua namorada, também menor de idade. Mas a responsável pela festa não permitiu, pois ela não tinha autorização do pai da garota para deixa-la sair da área de lazer.

Houve então um desentendimento entre a organizadora do evento e o adolescente. Outras duas pessoas interviram e conseguiram controlar a situação. Porém, pouco tempo depois, começou uma briga entre o mesmo adolescente de 16 anos e um rapaz de 19 anos. O menor pegou uma faca que estava na mochila e feriu o outro jovem no abdômen, que precisou ser socorrida para UPA – Unidade de Pronto Atendimento do Valle Verde, aparentemente sem gravidade.

O menor chamou um motorista de aplicativo e deixou o local. Ele foi localizado pela Polícia Militar na casa da namorada e levado para a delegacia. O adolescente confessou a agressão a faca, mas justificou dizendo acreditar que a vítima estava com algo para ataca-lo.

Segundo o Boletim de Ocorrência (B.O), autor e vítima não têm histórico criminal. O agressor foi liberado a mãe, que compareceu na delegacia e que o filho estuda, faz curso técnico e trabalha registrado como menor aprendiz.

O delegado de plantão, Gustavo Maio, justificou que não determinou a apreensão em flagrante do adolescente “porque não foram apresentadas importantes testemunhas do fato, ficando impossível apura, neste momento, os reais motivos da briga, a proporção entre a agressão e a defesa. Ele analisou também o fato de o menor trabalhar, estudar e, aparentemente, não se encontrar em situação de risco, como estabelece o ECA – Estatuto da criança e Adolescente.

 

 

*Por: Chico Lourenço / PORTAL MORADA

ARARAQUARA/SP - Na manhã desta sexta-feira (18), uma briga entre casal terminou com uma casa incendiada, no Parque São Paulo, na cidade de Araraquara.

A vítima, uma mulher de 47 anos, disse que seu esposo, um homem de 54 anos, chegou em casa embriagado e passou a discutir com a vítima. Para não ser agredida, ela saiu de sua residência e foi para a casa da filha, que mora ao lado.

Durante a madrugada, a vítima escutou barulhos dentro de casa e, quando percebeu, a casa estava em chamas. O Corpo de Bombeiros foi acionado e dois caminhões Auto Bomba foram usados para conter as chamas.

Uma parede da casa caiu e a estrutura sofreu danos graves. O local foi interditado para o trabalho da perícia e da Defesa Civil.

O autor desapareceu.

 

 

*Por: Marcelo Bonholi / PORTAL MORADA

De acordo com a gastroenterologista Amanda Morêto Longo, substâncias costumam ser usadas sem prescrição médica para aumentar massa muscular.
 

ARARAQUARA/SP - Os hormônios são substâncias essenciais para o bom funcionamento do nosso corpo e, se estiverem em falta, podem prejudicar muito a qualidade de vida do paciente. Contudo, o abuso dessas substâncias – seja devido às doses irregulares de reposição ou para a aceleração do ganho de massa – pode ser extremamente prejudicial ao fígado.
De acordo com a gastroenterologista Amanda Morêto Longo, o fígado é um órgão localizado no lado direito do abdome, que possui diversas funções, sendo que uma delas, e uma das mais importantes, é o comando metabolismo do corpo humano, incluindo as substâncias ingeridas ou injetáveis. Dessa maneira, o fígado é o grande maestro da metabolização das altas doses de hormônios inseridas no corpo.
“Existem hormônios femininos e masculinos e ambos podem resultar em problemas hepáticos se repostos de maneira inadequada e sem vigilância. No entanto, a situação mais comum de lesão no fígado associada a essas substâncias é o uso de hormônios esteroides, mais conhecidos como anabolizantes, ou seja, a testosterona, para aumentar a massa muscular”, diz.
Segundo a médica, a reposição de testosterona sem indicação pode trazer diversos problemas, tais como infertilidade, problemas psiquiátricos, câncer hepático, além de poder desencadear problemas do coração e nos rins.
As lesões hepáticas por uso de anabolizantes podem gerar quatro principais sinais: alteração nos exames básicos do fígado sem trazer sintomas; coloração amarelada na pele (icterícia); lesões hipervasculares no fígado, chamadas de Peliose Hepática, que podem causar sangramentos no abdome; e também os tumores hepáticos.
“A alteração das enzimas do fígado e a pele amarelada, na grande maioria das vezes, são reversíveis quando interrompemos o uso do anabolizante, podendo demorar algum tempo até a normalização total. Já a Peliose Hepática é parcialmente reversível, enquanto os tumores, quando são formados, são mais difíceis de desaparecerem”, explica.
De acordo com Amanda, o tratamento dessas lesões, infelizmente, é feito apenas com o suporte clínico e vigilância laboratorial, por parte do médico. O primeiro passo é interromper a droga e fazer o acompanhamento com o especialista, que é capaz de dar o diagnóstico certeiro e diferencial de outras doenças.
“O que os hepatologistas e os gastroenterologistas veem quando chega um paciente por uso abusivo de hormônios é só a ponta do iceberg. Se tivesse o acompanhamento de um endocrinologista, por exemplo, a gente não encontraria essas alterações, porque elas são previsíveis e passíveis de intervenção precoce, pois existem indicações precisas da reposição de testosterona. O foco no aumento de massa magra, definitivamente não é uma dessas indicações. Quando o uso é feito sem orientação médica, o paciente chega muito fora dos padrões e descompensado, clinicamente”, explica.
 
Reposição acompanhada
Existem várias situações em que os médicos podem solicitar a reposição dos hormônios com acompanhamento, como durante a menopausa, no caso das mulheres, ou pela dificuldade em produção da testosterona devido a alguma doença nos testículos, no caso dos homens.
​“As reposições são ditadas por ginecologistas e endocrinologistas e são constantemente monitoradas. Por isso, na grande maioria das vezes, a gente consegue antever esses problemas com relação ao fígado e, normalmente, intervir antes que evoluam”, explicou.
​Para evitar lesões hepáticas graves devido ao uso de substâncias, a gastroenterologista aconselha que os pacientes que precisam de reposição procurem um profissional especializado e evitem consumir sem prescrição médica.
​“Qualquer substância que a gente ingira, seja remédio, erva, substâncias injetáveis ou mesmo o anabolizante podem prejudicar seriamente o fígado. Por isso, é importante que um médico seja consultado para fazer o acompanhamento das condições hepáticas e de possíveis danos ao bom funcionamento do organismo”, diz.
 
Quem é Dra. Amanda Morêto Longo?
Formada em 2012 pela Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória (EMESCAM), Amanda Morêto Longo fez residência de clínica médica pelo Hospital da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e, na sequência, de Gastroenterologia pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.
Possui fellowship na Unidade de Gastroenterologia do Hospital Clinic de Barcelona, na Espanha. É especialista titulada pela Federação Brasileira de Gastroenterologia e também é doutoranda em Hepatologia pela Faculdade de Medicina da USP.
Atualmente, faz parte do corpo clínico da GastroVita Araraquara, é médica assistente do Hospital Estadual de Américo Brasiliense e professora da disciplina e do internato de Gastroenterologia, do curso de medicina, da Universidade de Araraquara (Uniara).

ARARAQUARA/SP - Uma mulher de 45 anos acusa um homem de 49 anos, com quem mantém um relacionamento amoroso, de agressão e ameaças. Em boletim de ocorrência (BO), na Polícia Civil a vítima contou que o namorado é usuário de álcool e drogas ilícitas e, que sempre após o consumo de entorpecente, ele fica muito violento.

Ela disse que no final de semana, enquanto estavam juntos, o homem pediu dinheiro para comprar droga. E, ao dizer que não daria o dinheiro, o namorado ficou transtornado e partiu para cima dela e passou a agredi-la com uma pá. A mulher disse para a polícia que sofreu vários golpes na cabeça e no braço esquerdo, que deixaram ferimentos.

A doméstica disse ainda que ficou inconsciente por alguns momentos, sendo que o acusado aproveitou para fugir do local do as chaves da casa, R$ 580 em dinheiro e seu telefone celular. Ela ressaltou que não mora junto com o agressor e também não tem filho com ele.

A vítima, após as agressões, foi socorrida para UPA – Unidade de Pronto Atendimento do Valle Verde, onde passou por atendimento médico. Na delegacia ela recebeu requisição para realizar exames no ILM – Instituto Médico Legal. A mulher não soube informar onde estaria o agressor. A Polícia Civil registrou boletim de ocorrência de lesão corporal, violência doméstica, ameaça e furto.

 

 

*Por: Chico Lourenço /  PORTAL MORADA

ARARAQUARA/SP - A família de Lucas Rodrigues dos Santos, o Lukita, de cinco anos de idade, lançou uma vaquinha online para colaborar com um tratamento que exige uma grande quantia de recursos. O menino araraquarense foi diagnosticado em maio com Sarcoma de Ewing, um tipo de câncer que afeta os ossos e arredores, mas especificamente no caso dele atingiu a coluna, que o fez perder os movimentos.

Desde então, são quatro meses de luta. Ele já passou por duas cirurgias para retirada do tumor, porém está em tratamento com quimioterapia no Hospital de Amor, em Barretos. O garoto ficou sem andar porque o tumor comprimiu a medula e fez com que ele perdesse os movimentos, porém conseguiu recuperá-los com sessões intensas de fisioterapia e terapia ocupacional. Ele ainda tem dificuldades nos movimentos, mas já consegue caminhar.

Lucas é filho de pais separados. Sua mãe, Mariane Rodrigues Machado, reside na Vila do Servidor, em Araraquara, e o pai Pablo Vinicius dos Santos mora em Matão. Mariane não trabalha, então se dedica integralmente aos cuidados do filho. Como hoje eles estão na casa de apoio, o hospital não fornece o remédio que ele precisa, o que gera um custo a mais para a família. A mãe se reveza com o pai para poder vir a Araraquara e ver a outra filha, Júlia.

A vaquinha tem o propósito de custrar medicamentos, fraldas e ajudar na locomoção da mãe, pois ela tem muito gasto com Uber, já que não possui condução própria. "No tratamento tem quimioterapia, fisioterapia, dentista, psicólogo, terapia ocupacional, nutricionista, fisiatra, tem todos os cuidados que precisa. E graças a tudo isso, ele evoluiu bastante já. E acredito na cura. Vamos vencer essa batalha", diz Mariane.

O tempo do tratamento pode levar até 24 meses em Barretos e a família não tem condições de ajudar em tudo, por isso fez essa vaquinha para que as pessoas pudessem ajudar Lukita a passar essa fase com mais tranquilidade. Quem se interessar em contribuir pode fazer a doação pelo site da Vaquinha ou realizar depósito em uma das contas abaixo:

Nubank

Agência 0001

Conta corrente 15751579-9

Caroline Rodrigues Machado

CPF 40874026814

 

Caixa econômica

Agência 0282

Conta poupança 00194930-2

Caroline Rodrigues Machado

CPF 40874026814

 

CLIQUE AQUI para acessar o site da Vaquinha.

 

*Por: Carlos André de Souza / PORTAL MORADA

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Outubro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31