fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 

BRAGANÇA PAULISTA/SP - Chegou ao fim a invencibilidade de oito jogos sem derrota do São Paulo. Neste domingo, o Tricolor Paulista perdeu por 1 a 0 para o Bragantino no Nabi Abi Chedid, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi marcado pelo lateral Luan Cândido, na segunda etapa.

Com a derrota, o São Paulo segue na 13ª colocação, com 34 pontos. Já o Bragantino se consolida na quinta colocação, com 46.

Essa foi a primeira derrota do São Paulo com Rogério Ceni nesse seu retorno. A equipe fez um primeiro tempo equilibrado, mas perdeu muitas chances. Na segunda etapa, o time foi muito superado pelo Bragantino.

Na próxima rodada, o São Paulo receberá o Internacional no domingo (31), na Morumbi. O Bragantino receberá o Sport na quinta-feira.

 

O JOGO

O primeiro tempo foi bem movimentado. A primeira chance de gol do jogo foi do Bragantino, com Artur, que recebeu cruzamento e finalizou em cima de Tiago Volpi, que fez boa defesa. O São Paulo respondeu aos seis minutos, com finalização forte de Reinaldo nas mãos de Cleiton.

Aos 20 minutos, Pablo perdeu chance clara para o São Paulo. O atleta aproveitou uma bola sobrada na área e, sem goleiro, mandou por cima do gol.

Aos 26, Pedrinho fez Volpi trabalhar novamente, dessa vez com chute de média distância. Aos 37, foi a vez de Helinho assustar com cabeçada, que por pouco não encobriu o goleiro tricolor, que fez grande defesa.

Aos 46, o São Paulo voltou a assustar, dessa vez com Gabriel Sara. O meia recebeu na grande área e, com espaço, finalizou em cima de Volpi. Dois minutos depois, Sara finalizou da mesma região e acertou Luan Cândido, que salvou o Bragantino de sofrer o gol.

 

SEGUNDO TEMPO

Aos 4 minutos, o Bragantino chegou a abrir o placar com Luan Cândido, mas o lateral estava impedido em lance de bola parada.

No entanto, aos 11 minutos Luan Cândido conseguiu fazer seu gol, novamente em bola parada. Artur cobrou escanteio na cabeça do lateral, que deslocou completamente Volpi.

Aos 23, Jadsom teve boa chance, finalizando da entrada da área. Com a vantagem, o Bragantino passou a apostar em jogadas de velocidade. Em lance assim, Cuello quase marcou, finalizando de média distância e acertando a trave.

Aos 30, enfim, o São Paulo assustou. Marquinhos arrancou em velocidade, driblou Léo Ortiz, mas bateu em cima do goleiro Cleiton.

O São Paulo ficou mais com a bola na reta final de partida, mas pouco assustou. A equipe não conseguiu ter o volume ofensivo da primeira etapa e viu o Bragantino administrar a vantagem.

 

 

*Por: GAZETA ESPORTIVA

ESPANHA - O Real Madrid venceu o Barcelona por 2 a 1 no primeiro El Clásico da temporada, diante de 86.422 torcedores no Camp Nou, no domingo (24). Um chute sensacional do defensor David Alaba e um gol no fim de Lucas Vázquez deram os três pontos ao time de Carlo Ancelotti.

O Barcelona controlou a posse de bola no primeiro tempo, mas o Real foi letal no contra-ataque, abrindo o placar quando Alaba começou a jogada com um desarme e a finalizou no outro lado do gramado com um chute cruzado de perna esquerda da entrada da área.

O técnico do Barcelona, Ronald Koeman, introduziu Philippe Coutinho no intervalo, e os atacantes Sergio Agüero e Luuk de Jong também entraram no decorrer do segundo tempo para tentar buscar o gol de empate.

O árbitro deu sete minutos de acréscimo, e o Real dobrou sua vantagem quando Marc-Andre ter Stegen salvou um chute de Marco Asensio, em outro contra-ataque, mas Vázquez marcou no rebote.

O Barça descontou, aos 52 minutos, com Sergiño Dest cruzando para Agüero na pequena área. O argentino completou, mas foi apenas um gol de consolação. O Real chegou provisoriamente à liderança do Campeonato Espanhol, com 20 pontos.

O Barcelona está em oitavo lugar, cinco pontos atrás.

 

 

Por Staff - REUTERS

SANTOS/SP - O tricampeão mundial Pelé publicou no sábado (23) vídeo em uma rede social no qual agradece os votos de saúde, no dia em que ex-jogador completa 81 anos.

"Aproveito essa oportunidade para agradecer a todos os meus amigos brasileiros, não só do Brasil, mas de todo o mundo, que desejaram saúde para mim, que desejaram felicidade nesse dia do meu aniversário", disse Pelé.

 

"[É o] dia em que estou ficando mais jovem do que mais velho. Por isso eu tenho que agradecer, de coração, a todos vocês, desde a criancinha de zero anos até a de 200 anos, eu tenho que agradecer o carinho e a maneira que vocês me tratam, tá? Fiquem com Deus e até a próxima", acrescentou.

Considerado por muitos o maior jogador de futebol de todos os tempos, Pelé esteve internado no Hospital Albert Einstein em São Paulo, em setembro, e os médicos afirmaram que ele passaria por quimioterapia após a retirada de tumor no cólon, detectado em exames de rotina.

Único homem a conquistar o título da Copa do Mundo por três vezes como jogador, Pelé sofreu uma série de problemas de saúde na última década, principalmente no quadril, e não consegue andar sem ajuda.

 

 

Por Leonardo Benassatto / REUTERS

SÃO CARLOS/SP - O prefeito Airton Garcia recebeu na quinta-feira (21/10) a confirmação oficial do presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos, a confirmação de que a cidade poderá sediar da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2022. A Federação também confirmou a participação do São Carlos Futebol Clube e do Grêmio Desportivo São-carlense na competição.
No último dia 7 de outubro o prefeito Airton Garcia esteve reunido na capital paulista com o Reinaldo Carneiro Bastos, quando colocou à disposição da Federação a cidade para sediar 52ª edição da Copinha e também a participação do São Carlos Futebol Clube e do Grêmio Desportivo São-carlense na competição. O prefeito estava acompanhado do secretário de Esportes e Cultura, Luiz Lopes, do chefe de gabinete da Prefeitura de São Carlos, José Pires (Carneirinho) e do chefe de gabinete da pasta, Leandro Severo.
“Diante da estrutura que sempre oferecemos, mais uma vez contamos com o apoio e confiança da Federação para sediar novamente a competição, considerada a principal oportunidade para se descobrir futuros craques do futebol brasileiro”, disse o prefeito Airton Garcia ao saber da aprovação da cidade como sede do evento esportivo.
Airton Garcia garantiu, ainda, que todos os protocolos sanitários serão exigidos. “Vamos solicitar a nossa Secretaria de Saúde um protocolo rigoroso em virtude da COVID-19. A competição só começa em janeiro de 2022, data na qual todos devem estar vacinados, porém continuaremos com todos os cuidados para a segurança do públicos, atletas e dirigentes”.
São Carlos também recebeu da FPF o Termo de Compromisso que deve ser devidamente assinado em parceria com os clubes representantes da cidade e enviado até o próximo dia 26 de outubro.
Em 2019 a cidade sediou a 50ª edição da Copinha com a participação de 128 times, divididos em 32 chaves, com mais de três mil jogadores. Trinta cidades receberam partidas e todos os estados brasileiros estavam representados. A primeira vez que a cidade recebeu a Copinha foi em 2005.
Em 2022 a Copa São Paulo de Futebol Júnior começa no dia 3 de janeiro e como de costume, a final será disputada no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, no Pacaembu.

PARAGUAI - O argentino Guillermo Barros Schelotto foi designado como novo técnico da seleção paraguaia de futebol, com a difícil tarefa de retirá-la em tempo recorde das últimas colocações da tabela de classificação das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 para mirar pelo menos na repescagem para o Mundial.

"A Associação Paraguaia de Futebol anuncia a contratação da equipe técnica que ficará a cargo da Seleção Paraguaia. A mesma é chefiada pelo professor Guillermo Barros Schelotto e secundada pelo professor Gustavo Barros Schelotto", disse a federação em nota. "Esses profissionais começarão suas tarefas à frente da Albirroja de maneira imediata, apontando para os próximos compromissos pelas Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2022 do Catar", acrescentou a nota divulgada na quarta-feira.

O contrato é válido até o final da Copa América 2024.

O técnico vai substituir o compatriota Eduardo Berizzo, que deixou o cargo na semana passada após a derrota humilhante do Paraguai para a Bolívia por 4 a 0 em La Paz, na 12º rodada das eliminatórias para a Copa do Mundo. A equipe é a oitava na tabela com 12 pontos, à frente apenas de Peru e Venezuela.

O Paraguai não vai a uma Copa do Mundo desde 2010 e seus últimos resultados o afastam da possibilidade de estar no Catar. Gestores e jogadores acreditam, porém, que podem brigar pela quinta colocação para disputar uma repescagem contra uma seleção de outro continente.

Nas próximas partidas, em novembro, o Paraguai terá que enfrentar o Chile em casa e a Colômbia como visitante.

 

 

Por Daniela Desantis / REUTERS

BELO HORIZONTE/MG - O Atlético-MG abriu uma grande vantagem na disputa por uma vaga na final da Copa do Brasil após golear o Fortaleza por 4 a 0, na noite de quarta-feira (20) no estádio do Mineirão.

Com este resultado, o Galo pode até perder por três gols de diferença, na próxima quarta-feira (27) no estádio do Castelão, que chega à grande decisão. Ao Fortaleza, apenas um triunfo por cinco gols de vantagem garante a classificação nos 90 minutos. Em caso de vitória por quatro gols de vantagem do Tricolor do Pici haverá disputa de pênaltis.

A equipe da casa iniciou o confronto em alta rotação, e conseguiu uma vantagem de três gols na etapa inicial. O placar foi aberto aos 18 minutos quando o lateral Guilherme Arana aproveitou sobra de bola para pegar de muito longe e acertar o ângulo do gol defendido por Felipe Alves.

Oito minutos depois Keno cobrou escanteio e Réver acertou de cabeça para ampliar. Gol importante para o zagueiro, que completou 300 jogos defendendo o Galo. O terceiro veio aos 40 minutos, quando Zaracho avançou pela direita e cruzou para Hulk, que, com muita categoria, cabeceou para deixar o dele, assumindo desta forma a artilharia da competição com 5 gols, ao lado de Rigoni, do São Paulo, e Rossi, do Bahia.

O Atlético-MG manteve o ímpeto ofensivo após o intervalo, e logo no primeiro minuto da etapa final marcou o quarto com Zaracho, que aproveitou bola má afastada de Felipe Alves para fechar o placar.

Antes do jogo da volta, o Fortaleza recebe o Athletico-PR no Castelão no sábado. Um dia depois o Galo mede forças com o Cuiabá no Mineirão.

 

 

Por Agência Brasil

CURITIBA/PR - O Flamengo arrancou um empate de 2 a 2 com o Athletico-PR no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil, na noite de quarta-feira (20) na Arena da Baixada.

Com isso, na partida de volta, na próxima quarta-feira (27) no estádio do Maracanã, quem vencer, por qualquer placar, avança. Em caso de empate por qualquer placar haverá disputa de pênaltis.

Flamengo e Athletico-PR fizeram um jogo muito movimentado desde o início, com ligeira vantagem do time da Gávea na etapa inicial. E esta superioridade se traduziu em gol aos 14 minutos, quando Gabriel Barbosa chutou e Thiago Maia dominou a bola no meio do caminho e bateu de esquerda para superar Santos.

Com a desvantagem no marcador, o técnico Alberto Valetim posicionou sua equipe de forma mais avançada na etapa inicial, marcando a saída de bola adversária. E o empate não demorou a acontecer. Aos 2 minutos Pedro Henrique subiu muito após cobrança de escanteio para marcar.

Com o placar igualado, o Furacão se animou de vez na partida e passou a pressionar o Rubro-Negro. E, de tanto tentar, conseguiu a virada aos 25 minutos. Abner cruzou na área e Renato Kayzer superou Léo Pereira no alto para cabecear para o fundo do gol defendido por Diego Alves.

Porém, o Flamengo não se abateu, e conseguiu empatar no último lance da partida, em gol em cobrança de pênalti (marcado com auxílio do árbitro de vídeo) do atacante Pedro, que entrou no segundo tempo no lugar de Gabriel Barbosa, que deixou o campo após sentir uma lesão no tornozelo direito.

Agora, o Flamengo entra em campo pelo Campeonato Brasileiro, onde faz o clássico com o Fluminense no próximo sábado (23). No mesmo dia o Athletico-PR enfrenta o Fortaleza no Castelão.

 

 

Por Agência Brasil

RIO DE JANEIRO/RJ - A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou uma atualização do Protocolo de Recomendações para Retorno do Público aos Estádios, cuja principal novidade é a permissão da presença de torcedores visitantes em estádios que já recebem público.

Segundo o documento divulgado a presença dos torcedores visitantes seguirá o mesmo protocolo dos apoiadores da equipe da casa, com a comprovação da vacinação completa para o novo coronavírus (covid-19) e a realização de teste antígeno não reagente.

Esta atualização do protocolo também libera a presença de mascotes das equipes nas partidas e trata da dinâmica da entrada das equipes nos estádios.

 

 

Por Agência Brasil

SÃO PAULO/SP - O São Paulo venceu o Corinthians na noite de segunda-feira, por 1 a 0, no Estádio do Morumbi, em clássico pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A vitória manteve a série invicta do Tricolor, agora de oito jogos, e acabou com a sequência de seis empates, além de manter o tabu, em casa, contra o arquirrival, para quem não perde desde 2017.

 

Na tabela

O resultado fez o São Paulo saltar para a 12ª colocação, com 34 pontos, seis acima da zona de rebaixamento.

O Corinthians, por outro lado, com 40 pontos, estacionou na sexta posição e perdeu a chance de ultrapassar o Bragantino.

 

Resumo

O São Paulo começou a partida aceso, ligado, contra um Corinthians apenas morno. Assim, Luciano marcou logo no primeiro minuto, mas o gol foi anulado por um impedimento milimétrico.

O susto não bastou para acordar os visitantes. Pouco depois, Reinaldo teve liberdade na esquerda e cruzou para Calleri completar e abrir o placar em lance que João Victor e Gil vacilaram.

A partir daí, o Tricolor deu um passo atrás para especular os contra-ataques. Em um deles, Igor Gomes quase ampliou.

O Corinthians se mostrou dependente de Renato Augusto e Giuliano, com os três homens de frente e Cantillo presos na marcação. A dupla criou a melhor oportunidade alvinegra, mas a bola acabou escapando de Giuliano, a tempo de Volpi ficar com ela.

Antes do intervalo, Du e Liziero se estranharam e provocaram uma confusão generalizada. No fim, apesar dos pedidos dos corintianos pela expulsão do são-paulino, o árbitro deu um amarelo para cada lado e encerrou a questão.

Na etapa final, o jogo caiu muito. Aliás, também ficou muito tempo parado. Apenas após as primeiras substituições as chances de gol começaram a ser criadas.

O São Paulo, apesar de recuado, foi quem mais assustou, com uma bomba de Luciano na trave. O Corinthians, mesmo com a bola, sofreu pela falta de criatividade.

Assim, em um Majestoso sem muito brilho, o Tricolor fez a festa no final graças aos três pontos fundamentais para o time descolar do Z4.

SÃO PAULO/SP - O São Paulo empatou em 1 a 1 com o Ceará, na noite de quinta-feira (14) no estádio do Morumbi, na partida que marcou a reestreia do técnico Rogério Ceni pelo Tricolor.

Com o resultado na partida que encerrou a 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo ficou na 13ª posição com 31 pontos. Já o Vozão é o 14º, com 30.

Sob o comando de Ceni, o Tricolor mostrou mais vontade desde o início, criando a primeira oportunidade clara com Igor Gomes no primeiro minuto. O tempo foi passando, e o São Paulo desperdiçando chances.

E, como diz o ditado, quem não faz leva. Aos 22 minutos o volante Fabinho aproveitou sobra de bola na entrada da área e pegou forte, de primeira, para marcar um belo gol para o Ceará.

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Outubro 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31