fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Parada LGBTQIA+ tem homenagem a Paulo Gustavo e crítica a Patrícia Abravanel Divulgação Globo / Sbt

Parada LGBTQIA+ tem homenagem a Paulo Gustavo e crítica a Patrícia Abravanel

Escrito por  Jun 07, 2021

SÃO PAULO/SP - Por causa da pandemia da Covid-19, a Parada do orgulho LGBTQIA+ deste ano aconteceu de forma virtual. Exibida pelo canal GNT, a manifestação contou com uma homenagem ao ator Paulo Gustavo, que morreu de complicações em decorrência do Coronavírus, e com um desabafo da cantora Pepita, visto por internautas como uma alfinetada ao discurso considerado homofóbico de Patrícia Abravanel.

Marido de Paulo Gustavo, Thales Bretas, que relembrou momentos marcantes com os filhos com o ator, falou sobre a importância do trabalho do artista no combate ao preconceito contra os homossexuais. "O Paulo sempre mostrou a nossa relação nos filmes de forma romantizada, da forma bonita como era. Ele tinha essa capacidade de tocar as pessoas de várias classes e faixas etárias. A gente foi muito privilegiado de ter o apoio da família, sempre", afirmou o médico dermatologista.

Thales, que declarou publicamente seu amor ao marido durante a missa de 7º dia, aos pés do Cristo Redentor, ainda aconselhou quem, como eles, se descobriu homossexual: "Sejam felizes. O que importa é o amor acima de tudo. Se imponham, sempre. Quem precisar e valer a pena vai reconhecer e vai te amar do jeito que você é, precisa e merece ser amado".

A homenagem ao artista emocionou Hugo Gloss, um dos apresentadoras da atração. "Difícil de falar. O Paulo marcou muito a história. Não vou conseguir falar, desculpa", assumiu. Gil do Vigor, que também comandou o programa especial, revelou: "Sou muito fã de Paulo Gustavo. Consigo me identificar nele, na forma leve que ele conseguia mostrar as coisas. Conseguia ver muito de mim".

Cantora Pepita desabafa sobre comentário de Patricia Abravanel

Durante sua participação na Parada do Orgulho, a cantora Pepita fez um desabafo. "Eu quero que vocês entendam uma coisa: não fale de vivência se você não teve essa vivência. Não fale de pessoas se você não conhece. Não fale de letras que você não sabe nem se expressar. Você já me perguntou se eu aceito você como apresentadora de alguma coisa? Você já me perguntou se eu aceito você na minha rede social? Então porque você se acha no direito de opinar na minha vida? O dia que eu precisar de uma opinião, com certeza não vai ser a sua", disparou.

No Twitter, muitos internautas apontaram que a artista estava se referindo a Patrícia Abravanel, também criticada pelo sobrinho Tiago Abravanel, que a chamou para uma conversa esclarecedora sobre o tema. "Pepita esmurrando a Patricia Abravanel esse é o tweet", disse um. "A Pepita enterrando a Patrícia Abravanel no seu baú de preconceito", opinou outro. "A Pepita é muito necessária pra comunidade", concluiu mais um.

Após a apresentação, a cantora conversou no estúdio com Hugo Gloss e comentou o questionamento da filha de Silvio Santos que afirmou não saber como falar sobre homossexualidade com os filhos. "Não precisa explicar, só tem que ser mãe. É muito complicado esse posicionamento desse ser humano porque ela nunca me perguntou se eu queria ela como apresentadora. E eu acho que ela nunca quis aprender. Ela não precisa gostar, nem apoiar, mas ela precisa respeitar. Se você bota um microfone na boca e quer falar com a câmera você precisa ter certeza do que está falando".

 

 

 

*Por: Carmen Moreira / PUREPEOPLE

Ivan Lucas

 Jornalista/Radialista

Website.: https://www.radiosanca.com.br/equipe/ivan-lucas
E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Top News

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Junho 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30        
Propagandas gratuitas right 2