fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Ivan Lucas

Ivan Lucas

 Jornalista/Radialista

URL do site: https://www.radiosanca.com.br/equipe/ivan-lucas E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

NOVA YORK - A cidade de Nova York desconectou na segunda-feira (23) sua última cabine de telefone público de moedas, as famosas "payphone booth", que têm sido substituídas durante anos por terminais de Wi-Fi gratuitos.

Contudo, os fãs do Superman podem ficar tranquilos: Manhattan conservará quatro cabines telefônicas fechadas, nas quais o jornalista Clark Kent entra para se "transformar" em super-herói.

Nesta segunda pela manhã, Nova York pôs fim a um mito que sobreviveu na cultura popular durante décadas em quadrinhos, fotos, cinema e televisão.

Diante dos jornalistas, as autoridades municipais e o presidente (equivalente a subprefeito) do bairro de Manhattan, Mark Levine, testemunharam a desmontagem, e a remoção em cima de um caminhão, da última "booth" (cabine) com dois telefones, que, durante anos, ficou situada na esquina da 7ª Avenida com a Rua 50, no centro da Big Apple, marcada pelo símbolo da campainha azul da empresa de telecomunicações Bell System.

"Estive aqui hoje para o último adeus do famoso - ou vergonhoso? - telefone público de NYC. Não vou sentir falta de seus tons de discagem, mas tenho que reconhecer que senti um nó no estômago nostálgico ao vê-lo partir", escreveu Mark Levine no Twitter.

O democrata disse que realmente não sente falta da época em que esses telefones funcionavam uma a cada duas vezes, quando era preciso procurar uma moeda de 25 centavos nos bolsos ou fazer fila para usar o telefone em plena rua e à vista dos transeuntes.

Os telefones públicos começaram a desaparecer da paisagem nova-iorquina no início dos anos 2000, na medida em que os telefones celulares se popularizavam, e se acelerou a partir de 2010 com a explosão dos telefones celulares inteligentes, os "smartphones".

A partir de 2015, Manhattan acelerou a instalação de milhares de terminais LinkNYC que oferecem Wi-Fi e chamadas locais gratuitas. Estes novos pontos de acesso serão progressivamente conectados à rede 5G.

"Realmente é o fim de uma era, mas também, esperamos, o início de uma nova era com um acesso mais igualitário à tecnologia", disse Levine, em alusão aos bairros do norte de Manhattan, em particular o Harlem, com pior cobertura de redes de telefonia e internet.

Segundo a imprensa local, Manhattan conservará quatro cabines telefônicas antigas no Upper West Side, na avenida West End, na altura das ruas 66, 90, 100 e 101.

 

 

AFP

SÃO CARLOS/SP - A DIG (Delegacia de Investigações) foi informada de que uma arma de fogo de fabricação caseira estava escondida em uma residência na Avenida Júlio Francisco, no bairro Planalto Verde, em São Carlos.

Os Policiais foram averiguar a denúncia e ao chegar ao local fizeram uma varredura na casa que está abandonada, quando no forro do imóvel foi confirmada a informação e a arma foi localizada.

Ninguém foi detido, mas o caso será investigado.

ARARAQUARA/SP - Na manhã de segunda-feira (23), um estudante de 16 anos foi agredido por criminosos durante um roubo, no Centro da cidade de Araraquara.

O jovem estava na calçada da Avenida Brasil, por volta de 06h30 da manhã e aguardava seu amigo para irem juntos à escola. De repente, ele foi surpreendido por dois elementos em uma moto escura.

O garupa foi em direção à vítima e o agrediu com socos no peito e no rosto, atingindo seu olho esquerdo e em seguida, roubou seu aparelho celular. Em seguida, os ladrões fugiram do local.

As características da motocicleta, assim como as dos criminosos, foram passadas para a Polícia. Na delegacia, foi registrado o Boletim de Ocorrência e o celular foi bloqueado através do fornecimento do IMEI.

A Polícia Civil deve investigar o fato.

 

 

PORTAL MORADA

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO/SP - Um homem de 31 anos foi preso após cortar o rosto da namorada com um estilete, no último domingo (22), em uma casa do bairro Jardim Urano, na cidade de São José do Rio Preto.

Segundo o boletim de ocorrência, o homem passou a discutir com a mulher, de 37 anos, por ciúme. Em seguida, pegou o estilete e cortou da boca até a orelha da vítima.

A mulher foi socorrida por um vizinho e levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Tangará. O estado de saúde dela não foi informado.

O agressor chegou a fugir após o crime, mas voltou para a residência e foi preso em flagrante. O caso foi registrado na Central de Flagrantes.

 

 

REGIÃOSP

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Maio 2022 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          
Aviso de Privacidade

Este site utiliza cookies para proporcionar aos usuários uma melhor experiência de navegação.
Ao aceitar e continuar com a navegação, consideraremos que você concorda com esta utilização nos termos de nossa Política de Privacidade.