fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Todos os adultos de SP serão vacinados até o fim de outubro, diz governo estadual (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Todos os adultos de SP serão vacinados até o fim de outubro, diz governo estadual

Escrito por  Jun 02, 2021

SÃO PAULO/SP - O governador de São Paulo, João Doria, afirmou que todos os brasileiros acima de 18 anos residentes no Estado de São Paulo receberão pelo menos a primeira dose da vacina contra a covid-19 até o fim de outubro. O anúncio foi feito em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 2.

O prazo para a imunização completa, com as duas doses, vai depender do tipo de vacina aplicada. O intervalo entre as doses de coronavac é de quatro semanas, enquanto a segunda dose das vacinas da AstraZeneca e da Pfizer é aplicada 12 semanas após a primeira. Veja a programação da aplicação da primeira dose:

  • 55 a 59 anos: 1º a 20 de julho;
  • Profissionais da educação: 21 a 31 de julho;
  • 50 a 54 anos: 2 a 16 de agosto;
  • 45 a 49 anos: 17 a 31 de agosto;
  • 40 a 44 anos: 1º a 10 de setembro;
  • 35 a 39 anos: 11 a 20 de setembro;
  • 30 a 34 anos: 21 a 30 de setembro;
  • 25 a 29 anos: 1 a 10 de outubro;
  • 18 a 24 anos: 11 a 31 de outubro

A projeção é baseada nas informações do Ministério da Saúde. "Temos a certeza de que se a entrega for feita de acordo com aquilo que está projetado pelo ministério, e até com uma possível redução de doses, poderemos completar o calendário vacinal", disse Regiane de Paula, coordenadora do Programa Estadual de Imunização.

Doria também anunciou que a vacinação para pessoas com comorbidade e com deficiência será apliada no dia 7 de junho. Pessoas acima de 18 anos com essas condições poderão se vacinar.

O governador também disse que a vacinação para professores entre 45 e 46 anos foi antecipada e começará no dia 9 de junho.

Doria pediu ao parlamento europeu e à presidência da União Europeia que autorizem a entrada de pessoas imunizadas com a coronavac. O imunizante foi aprovado para uso emergencial pela OMS na terça, mas ainda não entrou na lista das vacinas que dão "luz verde" para os turistas entrarem na Europa. "Por enquanto, nós precisamos que a comissão europeia faça essa aprovação (da coronavac)", disse Patricia Ellen, secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Rui Curi, diretor-presidente da fundação Butantan, disse que mais seis mil litros de IFA para a produção da coronavac será enviado ao País no dia 28 de junho. Isso será suficiente para produzir 10 milhões de doses.

Com o feriadão que começa nesta quinta, Doria fez um apelo para que a população não faça aglomerações. Até esta quarta, pelo menos 3.314.631 pessoas já foram infectadas pelo coronavírus no Estado e 112.927 pessoas morreram em decorrência da covid. Os leitos de UTI têm taxa de ocupação de 81,2% no Estado e 79,9% na Região Metropolitana de São Paulo.

 

 

*Por: Mariana Hallal / ESTADÃO

Ivan Lucas

 Jornalista/Radialista

Website.: https://www.radiosanca.com.br/equipe/ivan-lucas
E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Top News

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Junho 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30        
Propagandas gratuitas right 2