fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Praia Clube escapa de nova virada, vence Sesi-Bauru e avança às semifinais da Superliga Foto: Eliezer Esportes/Praia Clube

Praia Clube escapa de nova virada, vence Sesi-Bauru e avança às semifinais da Superliga

Escrito por  Abr 03, 2024

UBERLÂNDIA/MG - O Praia Clube é semifinalista da Superliga Feminina 2023/24. No jogo decisivo da série melhor de três contra o Sesi-Bauru, as atuais campeãs da Superliga abriram 2 sets a 0, sofreram o empate assim como no segundo jogo, mas venceram por 3 a 2 (25/17, 25/16, 21/25, 24/26 e 15/12) e vão enfrentar o Sesc-Flamengo em datas ainda a definir. A outra semifinal terá Minas e Osasco.

Embalado pela torcida, o Praia Clube se impôs e venceu os dois primeiros sets com tranquilidade. Mas a vantagem não era garantia de classificação - afinal, nos dois jogos anteriores da série, quem abriu 2 a 0, saiu com a derrota. E o temor de uma nova virada aumentou quando o Sesi-Bauru ganhou o terceiro e o quarto sets.

Mas a história não se repetiu: contando com entrada providencial da capitã Claudinha, as donas da casa venceram o tie-break e carimbaram a classificação. Mesmo jogando no sacrifício por conta de uma lesão no pé, a levantadora incendiou o duelo e comandou a equipe mineira na parcial decisiva. Outro destaque foi a central Adenízia, que marcou 13 pontos de bloqueio na partida e foi eleita a melhor atleta em quadra.

Com a vitória, o Praia Clube se garantiu nas semifinais da Superliga pela oitava temporada consecutiva. Já o Sesi-Bauru se despediu nas quartas-de-final pela segunda vez seguida - no ano passado, o time paulista caiu diante do Minas nessa mesma fase.

O jogo

1º set

Um ataque na diagonal de Monique abriu o primeiro set. Na sequência, Kuznetsova e Adenízia ampliaram a vantagem do Praia Clube para 4 a 0. Aos poucos, o Sesi-Bauru igualou as ações e encostou em 5 a 4. As donas da casa responderam e reconquistaram a vantagem de quatro pontos em 9 a 5, forçando o técnico Marcos Miranda a pedir tempo.

A pausa não freou o ímpeto do Praia, que manteve o ritmo forte e chegou a 11 a 6 com ataque de Kasiely. Depois, bloqueios consecutivos de Adenízia e Kuznetsova levaram o placar para 16 a 9. O Sesi-Bauru parou o jogo de novo, mas logo na volta do tempo, a ponteira russa do Praia marcou mais um ponto. Com tranquilidade, a equipe mineira abriu 22 a 12. As visitantes ainda esboçaram reação e encostaram em 22 a 16, mas o time de Uberlândia se recuperou e fechou a parcial em 25 a 17.

 

2º set

Embalado pelo triunfo no set anterior, o Praia começou bem a segunda parcial e abriu 4 a 2. As equipes seguiram trocando pontos, até que um bloqueio de Adenízia levou o placar para 8 a 5. Tentando mudar o panorama da partida, Marcos Miranda acionou a oposta Fran para o lugar de Edinara no Sesi. A mexida não alterou o ritmo forte das atuais campeãs da Superliga, e em ponto com duas grandes defesas de Natinha e largadinha de Kuznetsova, o time abriu 13 a 9.

Com dificuldade na virada de bola, o Sesi-Bauru viu as adversárias deslancharem no placar: 18 a 11. Foi a vez do Praia oscilar, e Maiara Basso fechou a porta para Kuznetsova no bloqueio e diminuiu para 18 a 14. A resposta foi quase imediata: Adenízia bloqueiou Mayany e fez 20 a 14. Assim como no primeiro set, as donas da casa mantiveram o controle do jogo na reta final e fechou a segunda parcial com bola de xeque de Milka: 25 a 16.

 

3º set

Buscando a sobrevida na competição, o Sesi-Bauru foi para o terceiro set com Milena na vaga de Karina na ponta. Sem querer repetir a virada sofrida no jogo anterior, o Praia abriu 3 a 1, mas viu as adversárias assumirem a liderança para 4 a 3 em bloqueio de Edinara. As duas equipes seguiram se alternando no comando do placar, até que um toco de Milena em Monique fez o Sesi abrir 9 a 7.

Com 12 a 9 contra, Paulo Coco pediu tempo para reorganizar o time. Mas foi o Sesi-Bauru quem voltou melhor da pausa e chegou a 15 a 10. Nesse momento, a levantadora Claudinha entrou no lugar de Milla pela primeira vez no jogo - ela se recupera de uma lesão crônica no pé. A presença da capitã em quadra reanimou o Praia Clube, que encostou em 15 a 14.

A partir daí, o jogo cresceu em emoção. O Praia Clube teve a chance de encostar de novo em 18 a 17, mas Tainara atacou para fora, e o placar foi para 19 a 16. Com a vantagem, o Sesi-Bauru continuou com o ritmo forte e fechou a parcial em 25 a 21.

Continua depois da publicidade

4º set

O quarto set começou nervoso e equilibrado. Com dois bloqueios seguidos do Praia, o placar foi a 3 a 3, mas Bauru engatou uma boa sequência e abriu 6 a 3. De novo, Claudinha foi para o jogo, e pelas mãos dela, as donas da casa empataram em 7 a 7. E foi com uma bola de segunda da levantadora que o Praia passou a frente em 10 a 9 e incendiou as arquibancadas em Uberlândia.

Empurrado pela torcida, o time mineiro abriu 13 a 10, mas viu o Sesi-Bauru igualar em boa sequência de Dani Lins no saque. Depois, Monique atacou para fora, e a equipe paulista virou para 16 a 15. O Praia seguiu na cola no placar, e conseguiu empatar em contra-ataque definido por Milka: 19 a 19.

A reta final se tornou eletrizante. Após longo rally, Adenízia bloqueou Maiara Basso, e o Praia virou para 21 a 20. Depois, Kuznetsova atacou na diagonal e ampliou para 22 a 20. Bauru respondeu e conseguiu virar para 24 a 23. No set point, Maiara Basso sacou na rede e levou o jogo para 24 a 24. Mas a segunda chance não foi desperdiçada: no bloqueio de Larissa, o Bauru faturou o quarto set em 26 a 24.

 

5º set

Larissa trancou a rede para Adenízia e deu início ao tie-break. O Praia respondeu com Kuznetsova e passou a frente em 3 a 2. De novo com Sofya, as donas da casa ampliaram para 6 a 4 e, depois, chegaram a 8 a 5 com Adenízia no bloqueio.

Os dois times trocaram de lado, mas o Praia seguiu com ritmo forte e ampliou para 10 a 5. Sesi-Bauru ainda encostou em 10 a 7, mas as donas da casa reassumiram o controle do jogo e abriram 13 a 9. De novo, a equipe paulista buscou a reação e se aproximou em 13 a 11. Edinara ainda teve a chance de fazer o 12º ponto, mas atacou para fora. Na sequência, Milka deu números finais ao set: 15 a 12 no tie--break e 3 a 2 na partida.

 

 

GE

Ivan Lucas

 Jornalista/Radialista

Website.: https://www.radiosanca.com.br/equipe/ivan-lucas
E-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Top News

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Abril 2024 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30          
Aviso de Privacidade

Este site utiliza cookies para proporcionar aos usuários uma melhor experiência de navegação.
Ao aceitar e continuar com a navegação, consideraremos que você concorda com esta utilização nos termos de nossa Política de Privacidade.