fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 

SÃO CARLOS/SP - A forte chuva que caiu em São Carlos na tarde de hoje, 02, causou alguns transtornos na cidade, pontos de alagamentos e árvores que caíram.

Uma foto chegou em nossa redação da árvore que caiu defronte à escola Estadual Maria Ramos Professora, na rua Maestro Adolpho Raimundo Caputo, 340 - Vila Boa Vista.

Por algum tempo alguns professores e funcionários da escola ficaram impossibilitados de sair, esperando o Corpo de Bombeiros para cortar o tronco e galhos da árvore que estava caída.

Felizmente ninguém se machucou.

 

ARARAQUARA/SP - No sábado (02), uma chuva forte atingiu a cidade de Araraquara e provocou queda de árvores e vários pontos de alagamento.

O Corpo de Bombeiros recebeu diversas notificações de moradores por problemas provocados pelo temporal. Muitos registraram imagens de locais tomados pela água que assustou moradores.

Na Vila Xavier, foi registrada chuva de granizo. Houve quedas de árvore em diversos locais, entre eles na Rua Uchoa, no Jardim América, no cruzamento da Avenida Vaz Filho com a Alameda Paulista, e na Avenida Manoel de Abreu, que liga Araraquara a Américo Brasiliense, trecho que precisou ser interditado em um dos sentidos.

Apesar dos transtornos, não houve registro de feridos.

 

 

*Por: Marcelo Bonholi / PORTAL MORADA

O trânsito no local será liberado a partir da manhã desta quinta-feira

 

SÃO CARLOS/SP - A Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria de Serviços Públicos, concluiu na tarde desta quarta-feira (09/12), as obras de recuperação da rua Episcopal, próximo ao Calçadão. Com a conclusão da obra, o trânsito de veículos será liberado a partir da manhã desta quinta-feira (10/12).
Os trabalhos de reparo dos estragos causados pelas enchentes na região central da cidade tiveram início na última sexta-feira (04/12), e contou com a substituição do asfalto danificado pela força das águas e a reconstrução das galerias de águas pluviais destruídas. Além da rua Episcopal, também estão sendo recuperados outros pontos atingidos pelas enchentes, como alguns trechos da avenida Comendador Alfredo Maffei, próximo as ruas José Bonifácio, Aquidaban e Jesuíno de Arruda; e posteriormente a região do bairro Lagoa Serena e do Parque do Bicão.
Com investimento no valor de R$ 1.050.000,00, a recuperação dos estragos causados pelas enchentes do último dia 26 de novembro, está sendo feita por uma empresa contratada por meio do Decreto de Situação de Emergência, que permite mais agilidade no processo de recuperação dos estragos. Durante a conclusão dos trabalhos na rua Episcopal, o secretário municipal de Serviços Públicos, Mariel Olmo, conferiu com engenheiros da empresa contratada os serviços realizados, e destacou o tempo de conclusão da obra.

“Fizemos o trabalho de recuperação dos estragos da enchente na Episcopal em tempo recorde. Logo após a publicação do decreto, corremos para agilizar o processo burocrático e devolver a normalidade no tráfego de veículos na região central da cidade o quanto antes. Finalizando os trabalhos aqui no centro, vamos arrumar os estragos causados no bairro Lagoa Serena, e também, na rua Ananias Evangelista no Parque do Bicão”, concluiu o secretário.
O prefeito Airton Garcia ressalta que essas obras emergenciais estão sendo realizadas com recursos próprios. “Prometemos recuperar a área central o mais rápido possível, por isso já utilizamos recursos do próprio município. Mas também já passamos o chapéu tanto no Governo do Estado como em Brasília para fazer obras estruturais”.

MUDANÇAS - Além dos trabalhos de recuperação das vias danificadas, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Serviços Públicos, também realizou obras de readequação da Praça Ângelo Luporini, no cruzamento das ruas Jesuíno de Arruda, José Bonifácio e Geminiano Costa, retirando um canteiro central. A mudança foi necessária após a constatação da retenção de água da chuva, que contribuía para que as enchentes ficassem mais perigosas naquela região.
De acordo com o secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, João Muller e o secretário de Serviços Públicos, Mariel Olmo, a rotatória que compõe a praça permanece, só que agora, ao invés de um canteiro central, foi instalado um tubo de 1.500 mm com um ralo de ferro, que funcionará como válvula de escape para jorrar a água em excesso no caso de enchente, evitando que a força da água estoure o concreto e o asfalto.
“Foi a solução que encontramos para solucionar um problema que estava incomodando os comerciantes, que inclusive, fizeram um abaixo assinado pedindo a retirada do canteiro central”, acrescentou João Muller.

{https://soundcloud.com/radio-sanca/whatsapp-audio-2020-12-09-at-172857}

SÃO CARLOS/SP - Após a chuva que ocorreu no dia 27 de novembro de 2020, que causou o alagamento da Região Central de São Carlos, destruindo lojas, casas, e outros pontos de alagamento, agora todas as vezes que o céu escurece, sinalizando que vem chuva, os São-Carlenses ficam em alerta, pois, ninguém esperava que a chuva do dia 20 fosse causar tantos estragos, e ser considerada até o momento a pior enchente que São Carlos já teve.


Neste dia 07 de dezembro, o nosso reporter Maicon Ernesto flagrou grandes nuvens escuras, se aproximando da cidade, rapidamente mandou para a redação da Rádio Sanca o registro, que pode visto tanto em vídeo quanto em fotos abaixo da matéria. Nos tentamos contato com o Diretor da Defesa Civil, mas até o momento não tivemos retorno.


De qualquer forma, é de suma importância que seja observado os locais que tem risco de alagamento, e evita-los. Também é fundamental ter cuidado com raios, uma vez que essas nuvens estão carregadas de descargas elétricas, procurar ficar longe de árvores e lagos. 

IBATÉ/SP - Em solidariedade à situação de calamidade causada pela forte chuva da tarde desta última quinta-feira (26) em São Carlos, a Prefeitura de Ibaté enviou para a cidade, neste primeiro momento, dois caminhões basculantes e um caminhão pipa para auxiliar nas primeiras providências de limpeza pós-enchente, além de agentes de sua Guarda Civil Municipal, para ajudar com a segurança nos locais afetados.

SÃO CARLOS/SP - Quem mora na Região da Vila Prado enfrentou uma forte chuva, neste final de domingo (25).

Segundo informado por nossos ouvintes, a chuva foi tão forte na região da Vila Prado, Cruzeiro do Sul, entre outros pontos, que houve até queda de árvore na Av. Tancredo Neves. 

Porém em outros pontos da cidade já não choveu da mesma maneira, como no Douradinho e no Jardim Tijuca, que apenas chuviscou.

Essas chuvas são chamadas de chuvas convectivas, de rápida formação, devido ao calor. Esse tipo de chuva pode ser perigosa, pois em pouco tempo se chove bastante e ainda pode conter raios. Em caso de chuva forte e importante abrirgar-se e evitar os pontos de alagamento. 

SÃO CARLOS/SP - A primavera de 2020 começa nesta 3ª feira (22), às 10h31, no horário de Brasília, e prossegue até às 7h02 do dia 21 de dezembro. Em quase todo o Brasil, a primavera é uma estação de transição do clima seco e frio do inverno para o clima quente e úmido do verão.

Neste ano, porém, o cenário deve ser diferente devido ao fenômeno La Niña, que modifica o padrão de chuva e de temperatura em diversas regiões do planeta. A expectativa é de que este evento seja fraco e de curta duração, mas provoque temperaturas abaixo da média.

Em São Carlos, o dia começou chuvoso, mas o sol aparece entre nuvens, mas pode chover a qualquer momento. Segundo o Clima Tempo, em São Carlos a mínima é de 15° e a máxima de 22°.

Tendência climática para a Primavera 2020

 

 

SÃO CARLOS/SP - Segundo a previsão do tempo feita pela Defesa Civil de São Carlos, as noites prometem ser frias e o final de semana pode ser chuvoso. 

Segundo previsto, durante o dia, as temperaturas podem chegar a 26ºC porém ao entardecer, as temperaturas durante a noite podem chegar até 11ºC, portanto não esqueça o cobertor.

Ainda segundo previsto, durante o final de semana, teremos chuva, que se inicia no sábado (27), podendo durar até domingo (28). 

 

SÃO CARLOS/SP - Na noite desta quinta-feira (14) a chuva resolveu dar as caras em São Carlos. Após meses sem chover, uma chuva caiu sobre o centro da cidade, deixando as ruas molhadas e melhorando a qualidade e a umidade do ar.

A chuva também pode ser sinal de baixas temperaturas, com a proximidade do inverno, os próximos dias podem ser de muito frio, e tempo fechado.

Após um começo de ano muito complicado para a cidade, que foi duramente castigada com as chuvas de Janeiro e Fevereiro, São Carlos ficou aproximadamente 3 meses sem chuvas, o que se encerrou com a garoa neste final de tarde e início de noite de quinta-feira.

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Setembro 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      

Comércio e Serviços em Geral