fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 

BRASÍLIA/DF - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta última sexta-feira (23) a importação de 6 milhões de doses da CoronaVac, vacina produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.

A licença, por enquanto, é apenas para importação do imunizante. A distribuição das doses, ainda sem registro, depende de autorização da própria Anvisa. O pedido de importação em caráter excepcional foi feito pelo Instituto Butantan.

 

Testes clínicos

A CoronaVac está na terceira fase de testes clínicos. Atualmente, 9.039 voluntários participam dos estudos clínicos da vacina, feitos com profissionais da área da saúde de sete estados.

Como a Anvisa já havia aprovado a ampliação do estudo para 13 mil voluntários, o governo paulista decidiu ampliar o número de centros de pesquisa. Na fase atual, metade dos participantes recebe a vacina e a outra metade, placebo.

Caso a última etapa de testes comprove a eficácia da vacina, o acordo entre a Sinovac e o Butantan prevê a transferência de tecnologia para produção do imunizante no Brasil.

 

Eficácia

Para comprovar a eficácia da vacina, é preciso que pelo menos 61 participantes do estudo, que tomaram placebo, sejam contaminados pelo vírus. A partir dessa amostragem, é feita então uma comparação com o total dos que receberam a vacina e, eventualmente, também tiveram diagnóstico positivo da covid-19.

Se o imunizante atingir os índices necessários de eficácia e segurança, será submetido a uma avaliação da Anvisa para registro e só então a vacina estaria liberada para aplicação na população.

 

 

*Por Agência Brasil

Pequeno Arthur havia se engasgado com leite materno e foi socorrido pela equipe do 50ºBPM/M

 

SÃO PAULO/SP - “Estávamos em patrulhamento quando vimos um veículo em alta velocidade e na contramão, vindo em nossa direção. A família pedia por socorro dizendo que o bebê, de apenas 21 dias, havia se engasgado com leite e estava com dificuldade para respirar” relembra o Cabo Ramiro, do 50º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M).

O policial seguia pela Avenida Paulo Guilguer Reimberg, na zona sul da Capital, na companhia do Soldado Nogueira quando foram surpreendidos pelos pais do pequeno Arthur.

Imediatamente a equipe realizou os procedimentos e aplicação da manobra de Heimlich para desobstruir as vias respiratórias do bebê. “Naquele momento a única coisa que passava pela minha cabeça era que eu precisava salvar aquela criança. Eu não queria que nada de errado acontecesse e quando me deparei com o Arthur chorando foi uma emoção muito grande, pois sabia que ele havia desengasgado.”, conta emocionado o PM.

Após os primeiros socorros, o pequeno foi encaminhado juto com sua família ao Pronto Socorro Balneário São José onde foram efetuados os demais cuidados médicos necessários.

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirma nesta quinta-feira (22/10) os números da COVID-19 no município.

São Carlos contabiliza neste momento 3.374 casos positivos para COVID-19 (23 resultados positivos foram divulgados hoje), com 51 óbitos confirmados e 86 descartados.

Dos 3.374 casos positivos, 3.111 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 3 óbitos sem internação, 254 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 187 receberam alta hospitalar e 48 positivos internados foram a óbito. 3.226 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 13.930 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (93 resultados negativos foram divulgados hoje).

Estão internadas neste momento 34 pessoas, sendo 15 adultos na enfermaria (9 positivos, 3 suspeitos e 3 negativos). Na UTI adulto estão internadas 15 pessoas (13 positivos e 2 suspeitos). Na enfermaria 4 crianças estão internadas, 1 com resultado positivo para COVID-19, 1 com suspeita da doença e 2 com resultado negativo. Na UTI pediátrica nenhuma criança está internada neste momento. Três pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos. A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS está hoje em 42,9% (12 pessoas estão internadas em leitos de UTI/SUS).

 

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 17.508 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 16.421 pessoas já cumpriram o período de isolamento de 14 dias e 1.087 ainda continuam em isolamento domiciliar.

A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal (quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sinais e sintomas: febre - mesmo que referida -, calafrios ou dor de garganta ou dor de cabeça ou tosse ou coriza ou distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos), sendo que 10.347 pessoas já realizaram coleta de exames, sendo que 8.128 tiveram resultado negativo para COVID-19, 2.162 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 57 aguardam resultado de exame.

O boletim emitido diariamente pela Vigilância Epidemiológica de São Carlos contabiliza as notificações das unidades de saúde da Prefeitura, Hospital Universitário (HU), Santa Casa, rede particular e planos de saúde.

Com a mudança, o serviço vai ser oferecido das 8h às 20h de segunda a sexta-feira

 

SÃO CARLOS/SP - A Santa Casa ampliou o atendimento da Ouvidoria e o serviço passa a ser chamado de Central de Relacionamento do hospital. Com a mudança, a equipe passa a receber as sugestões, dúvidas, críticas e elogios em horário mais amplo, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h (até então, os atendimentos eram feitos das 8h às 17h).

A Ouvidoria da Santa Casa foi criada em 2015. O objetivo do serviço é medir a satisfação dos pacientes e acompanhantes atendidos pelo hospital, a fim de aprimorar os serviços oferecidos. As dúvidas, sugestões, críticas ou elogios são encaminhados ao gestor da área em questão. Essas informações são compartilhadas, mensalmente, com o Centro Integrado de Humanização. A partir desses dados, a equipe discute ações para melhoria dos serviços. Todo esse processo contribui para a redução de queixas e possibilita a implantação de novas práticas. Para se ter uma ideia, neste ano, de janeiro a agosto, das 1159 reclamações recebidas pela Ouvidoria, 98% foram resolvidos.  

“O nosso trabalho é conhecer melhor a opinião da população em relação à Instituição e buscar, junto à Diretoria, aprimorar ainda mais a qualidade do atendimento, com base nas informações manifestadas. Por isso, decidimos ampliar o horário de atendimento e criar um canal de Comunicação, para fortalecer o serviço”, explica a Supervisora da Central de Relacionamento, Cleonice Faria.

 

SERVIÇO:

CENTRAL DE RELACIONAMENTO DA SANTA CASA

Segunda a sexta-feira – 8h às 20h

Telefone: (16) 3509-1379

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Site: www.santacasasaocarlos.com.br

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos informa nesta segunda-feira (19/10) os números da COVID-19 no município. 

São Carlos contabiliza neste momento 3.304 casos positivos para COVID-19 (02 resultados positivos foram divulgados hoje), com 49 óbitos confirmados, 1 suspeito e 85 descartados.

O óbito suspeito é de um homem de 80 anos, internado desde 15/10 e que morreu neste domingo (18/10), porém a Vigilância aguarda resultado do exame.

Outros dois óbitos foram descartados: mulher, 78 anos, internada em 30/09, com resultado negativo para COVID-19 e que morreu também neste domingo (18/10) e de outra mulher de 87 anos, internada em 18/10, com resultado negativo para COVID-19 e que morreu nesta segunda-feira (19/10).

Uma mulher de 89 anos de Ribeirão Bonito, internada em hospital de São Carlos desde 17/10, com resultado positivo para COVID-19, morreu neste domingo (18/10). De acordo com protocolo do Ministério da Saúde o óbito é computado para a cidade de origem.

Dos 3.304 casos positivos, 3.055 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 3 óbitos sem internação, 247 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 182 receberam alta hospitalar e 46 positivos internados foram a óbito. 3.201 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 13.517 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (05 resultados negativos foram divulgados hoje).

Estão internadas neste momento 31 pessoas, sendo 17 adultos na enfermaria (9 positivos, 6 suspeitos e 2 negativos). Na UTI adulto estão internadas 13 pessoas (12 positivos e 1 suspeito). Na enfermaria 1 criança está internada com resultado negativo para COVID-19. Na UTI pediátrica nenhuma criança está internada neste momento. Quatro pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos. A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS está hoje em 32,2% (9 pessoas estão internadas em leitos de UTI/SUS).

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 16.888 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 16.184 pessoas já cumpriram o período de isolamento de 14 dias e 704 ainda continuam em isolamento domiciliar.

A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal (quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sinais e sintomas: febre (mesmo que referida), calafrios ou dor de garganta ou dor de cabeça ou tosse ou coriza ou distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos), sendo que 10.163 pessoas já realizaram coleta de exames, sendo que 7.951 tiveram resultado negativo para COVID-19, 2.102 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 110 aguardam resultado de exame.

O boletim emitido diariamente pela Vigilância Epidemiológica de São Carlos contabiliza as notificações das unidades de saúde da Prefeitura, Hospital Universitário (HU), Santa Casa, rede particular e planos de saúde.

Até às 13h desta segunda-feira (19) o município tinha três casos ativos de Covid-19, todos se recuperando em domicílio 

 

IBATÉ/SP - Em boletim diário divulgado pela Vigilância Epidemiológica e pelo Gabinete de Prevenção e Monitoramento do Coronavírus de Ibaté, até às 13 horas desta segunda-feira (19),  o município contabilizava apenas três casos ativos de Covid-19, sendo que todos se recuperavam em domicílio.

O dado segue a tendência de diminuição no número de casos em Ibaté nas últimas semanas. Segundo relatório semanal da situação da Covid-19 em Ibaté, até o sábado (17), dos 390 casos positivos no município, 377 já estavam recuperados, o que representa 96,67%, e oito casos ativos, ou seja, 2,05%, um caso a menos em relação ao relatório da última semana. A Taxa de Letalidade (relação entre o número de óbitos e o número de casos diagnosticados) é de 1,28%, com cinco mortes.

O município está testando os casos suspeitos para o novo coronavírus, com 2569 exames já realizados.  Desse total, 2170 deram negativos, o que corresponde a 84,47% e 390 positivos, ou seja, 15,18%. Até o fechamento do relatório no sábado (17), nove pessoas aguardavam resultado, o que corresponde a apenas 0,35%.

Novas regras

Ibaté está classificada na Fase Amarela do Plano São Paulo para Enfrentamento à Covid-19, mas com o Decreto n◦. 2.890 de 13 de Outubro de 2020 a Prefeitura determinou mudanças no horário de funcionamento dos estabelecimentos, que passa de oito para dez horas de atividades diárias contínuas ou intercaladas, segundo novas regras do Governo do Estado.

O horário do comércio não essencial e de serviços de Ibaté voltou das 8h às 18h, de segunda a sábado. Para bares e restaurantes o atendimento presencial continua permitido no período das 7h às 22h, mas agora poderão trabalhar por dez horas com consumo no local até 22h e fechamento das portas às 23h.

A Prefeitura de Ibaté alerta que as medidas sanitárias exigidas devem continuar sendo respeitadas, como a capacidade limitada em 40% (exceto academias com 30%), filas com distância mínima de 1,5 metros entre uma pessoa e outra,  protocolos de higiene com o uso de máscaras facial e de álcool gel por funcionários e clientes e a colocação de cartaz sobre o uso obrigatório de máscara nos estabelecimentos.

Mulheres podem realizar papanicolau e mamografia em campanha realizada pela Prefeitura

 

IBATÉ/SP - Dentro do movimento Outubro Rosa, a Prefeitura de Ibaté por meio da Secretaria Municipal da Saúde, está realizando uma campanha de exames preventivos para a saúde da mulher.

Todas as sextas-feiras de outubro, das 12h às 15h30, as Unidades Básicas de Saúde (UBS), de Programa Saúde da Família (PSF) e o Centro de Referência da Saúde da Mulher (CRSM), mais conhecido como Casa Rosa em Ibaté, estão realizando coleta para papanicolau e avaliação para encaminhamento de  mamografia. 

A Secretária-adjunta da Saúde de Ibaté, Elaine Sartorelli Breanza, explicou que a campanha quer facilitar o acesso da mulher a esses exames, estimulando que sejam realizados como prevenção. "O papanicolau e a mamografia são os exames de rotina mais importantes para prevenção do câncer de colo de útero e de mama, mas muitas vezes a mulher não tem acesso. Mais que conscientizar sobre a prevenção, a Prefeitura de Ibaté está aproveitando o movimento Outubro Rosa para oferecer esses exames em demanda livre, ou seja, o mulher não precisa marcar, bastar chegar em uma unidade de saúde e ser atendida. A coleta e a avaliação para os exames são feitas pela própria enfermeira de cada unidade".

A coleta para papanicolau e a avaliação para encaminhamento da mamografia podem ser feitos às sextas-feiras até o fim de outubro, das 12h às 15h30. A mamografia de rastreamento, exame de rotina em mulheres sem sinais e sintomas de câncer de mama, é recomendada na faixa etária de 50 a 69 anos.

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos informa neste sábado (17/10) os números da COVID-19 no município. 

 

São Carlos contabiliza neste momento 3.302 casos positivos para COVID-19 (10 resultados positivos foram divulgados hoje), com 49 óbitos confirmados e 83 descartados.

 

O óbito descartado é de um homem, de 30 anos, internado em 14/10, com resultado negativo para COVID-19 e que morreu neste sábado (17/10).

 

Dos 3.302 casos positivos, 3.055 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 3 óbitos sem internação, 244 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 177 receberam alta hospitalar e 46 positivos internados foram a óbito. 3.153 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 13.512 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (44 resultados negativos foram divulgados hoje).

 

Estão internadas neste momento 32 pessoas, sendo 18 adultos na enfermaria (11 positivos, 5 suspeitos e 2 negativos). Na UTI adulto estão internadas 12 pessoas (11 positivos e 1 suspeito). Na enfermaria 2 crianças estão internadas, todas com resultado negativo para COVID-19. Na UTI pediátrica nenhuma criança está internada neste momento. Três pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos. A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS está hoje em 28,6% (8 pessoas estão internadas em leitos de UTI/SUS).

 

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 16.776 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 16.046 pessoas já cumpriram o período de isolamento de 14 dias e 730 ainda continuam em isolamento domiciliar.

A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal (quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sinais e sintomas: febre (mesmo que referida), calafrios ou dor de garganta ou dor de cabeça ou tosse ou coriza ou distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos).10.053 pessoas já realizaram coleta de exames, sendo que 7.946 tiveram resultado negativo para COVID-19, 2.100 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 07 aguardam resultado de exame.

 

O boletim emitido diariamente pela Vigilância Epidemiológica de São Carlos contabiliza as notificações das unidades de saúde da Prefeitura, Hospital Universitário (HU), Santa Casa, rede particular e planos de saúde.

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos informa nesta sexta-feira (16/10) a 49ª morte por COVID-19 no município.
Trata-se de um homem de 65 anos, internado desde 25/09 e que morreu no último dia 12 de outubro, porém a notificação do óbito confirmando COVID-19 somente foi repassada para a Vigilância Epidemiológica nesta sexta-feira (16/10).
São Carlos contabiliza neste momento 3.292 casos positivos para COVID-19 (12 resultados positivos foram divulgados hoje), com 49 óbitos confirmados e 82 descartados.
Dos 3.292 casos positivos, 3.047 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 3 óbitos sem internação, 242 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 174 receberam alta hospitalar e 46 positivos internados foram a óbito. 3.134 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 13.468 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (45 resultados negativos foram divulgados hoje).
Estão internadas neste momento 35 pessoas, sendo 18 adultos na enfermaria (11 positivos, 3 suspeitos e 4 negativos). Na UTI adulto estão internadas 15 pessoas (12 positivos, 1 suspeito e 2 negativos). Na enfermaria 2 crianças estão internadas, todas com resultado negativo para COVID-19. Na UTI pediátrica nenhuma criança está internada neste momento. Dois pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos. A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS está hoje em 42,9% (12 pessoas estão internadas em leitos de UTI/SUS).

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 16.752 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 15.953 pessoas já cumpriram o período de isolamento de 14 dias e 799 ainda continuam em isolamento domiciliar.
A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal (quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sinais e sintomas: febre (mesmo que referida), calafrios ou dor de garganta ou dor de cabeça ou tosse ou coriza ou distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos). 10.052 pessoas já realizaram coleta de exames, sendo que 7.903 tiveram resultado negativo para COVID-19, 2.090 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 59 aguardam resultado de exame.
O boletim emitido diariamente pela Vigilância Epidemiológica de São Carlos contabiliza as notificações das unidades de saúde da Prefeitura, Hospital Universitário (HU), Santa Casa, rede particular e planos de saúde.

Novo Centro de Apoio a Crianças vai oferecer atendimento diferenciado

 

SÃO CARLOS/SP - Pautada em sua Missão, Visão e Valores e por meio da demanda crescente de atendimentos a crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA), Síndrome de Down, Paralisia Cerebral (PC) e Bebês Prematuros, a Unimed São Carlos teve a iniciativa da implantação de um Centro de Apoio a Crianças, o Viver Bem Pediátrico, que irá trabalhar o comportamento e o desenvolvimento das habilidades infantis, oferecendo acolhimento diferenciado, reforçando a preocupação da cooperativa em aumentar seus serviços próprios e proporcionar, cada vez mais, qualidade, excelência e atenção a crianças com necessidades especiais.

A expectativa do Viver Bem Pediátrico é atender até 150 pacientes, com equipe multidisciplinar, oferecendo atividades como o Centro de Apoio a Crianças com Transtorno Psico Cognitivo - que terá como foco crianças com TEA (Transtorno do Espectro do Autismo), através da ciência ABA (Applied Behavior Analysis), incluindo os métodos de Integração Sensorial Bobath e Pediasuit/Therasuit - e a Oficina das Emoções - que irá proporcionar às crianças o aumento da percepção, ampliando a habilidade para relacionar emoções a situações e eventos em seu ambiente natural e social, auxiliando a expressão verbal dos sentimentos de forma apropriada.

O espaço amplo ainda conta com estrutura planejada minuciosamente para atendimento cuidadoso de seus pacientes, como salas individualizadas e especializadas para atendimento ABA e o Jardim Sensorial proporcionando o máximo de bem-estar e atenção aos seus pequenos beneficiários.

O Viver Bem Pediátrico fica na Rua São Sebastião, 2083 - Centro. O atendimento será de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, mediante encaminhamento médico prévio realizado por pediatra, neuropediatra ou psiquiatra infantil. Mais informações através do telefone (16) 2107 7699.

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Outubro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31