fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
 
Radio Sanca Web TV - Quinta, 03 Dezembro 2020

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirma nesta sexta-feira (04/12) mais duas mortes por COVID-19 no município, totalizando neste momento 64 óbitos.

Trata-se de uma mulher de 89 anos, internada em 21/11, com resultado positivo para COVID-19 e que morreu na noite desta quinta-feira (03/12). Também foi registrado o óbito de uma mulher de 94 anos que deu entrada nesta quinta (03/12) na urgência e emergência já com parada cardiorrespiratória, realizado exame, o resultado foi positivo para o novo coronavírus.

São Carlos contabiliza neste momento 4.564 casos positivos para COVID-19 (48 resultados positivos foram divulgados hoje), com 64 óbitos confirmados e 92 descartados.

Dos 4.564 casos positivos, 4.232 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 4 óbitos sem internação, 328 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 255 receberam alta hospitalar e 60 positivos internados foram a óbito. 4.262 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 17.329 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (122 resultados negativos foram divulgados hoje).

Estão internadas neste momento 40 pessoas, sendo 23 adultos na enfermaria (10 positivos, 9 suspeitos e 4 negativos). Na UTI adulto estão internadas 11 pessoas (8 positivos, 2 suspeitos e 1 negativo). Na enfermaria 5 crianças estão internadas, 3 com resultado negativo e 2 com suspeita da doença. Na UTI pediátrica 1 criança está internada com resultado negativo para COVID-19. Oito pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos. A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS está hoje em 32,1% (9 pessoas estão internadas em leitos de UTI/SUS). Na enfermaria/SUS estão internadas 18 pessoas. Na rede particular 10 pessoas estão internadas na enfermaria e 3 na UTI.

 

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 23.772 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 21.198 pessoas já cumpriram o período de isolamento de 14 dias e 2.574 ainda continuam em isolamento domiciliar.

A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal (quadro respiratório agudo, caracterizado por pelo menos dois dos seguintes sinais e sintomas: febre - mesmo que referida -, calafrios ou dor de garganta ou dor de cabeça ou tosse ou coriza ou distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos), sendo que 14.585 pessoas já realizaram coleta de exames, sendo que 11.484 tiveram resultado negativo para COVID-19, 2.906 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 195 aguardam resultado de exame.

O boletim emitido diariamente pela Vigilância Epidemiológica de São Carlos contabiliza as notificações das unidades de saúde da Prefeitura, Hospital Universitário (HU), Santa Casa, rede particular e planos de saúde.

Publicado em Coronavírus

O trabalho de recuperação do asfalto e das galerias de águas pluviais, também será realizado em outros pontos da avenida Comendador Alfredo Maffei e no Bairro Lagoa Serena

 

SÃO CARLOS/SP -  Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria Municipal de Serviços Públicos, iniciou da tarde desta sexta-feira (04/12), as obras de recuperação do asfalto e das galerias de águas pluviais na rua Episcopal, próximo ao calçadão.

Todas as obras de recuperação dos estragos causados pelas enchentes, na região central da cidade, faz parte do Decreto de Situação de Emergência declarado pelo município para que os locais públicos atingidos sejam recuperados com recursos próprios o mais breve possível.

Durante vistoria no local, o secretário municipal de Serviços Públicos, Mariel Olmo, conversou com a equipe de engenheiros da empresa contratada para realizar emergencialmente os serviços, e conferiu a retirada do asfalto deteriorado pelas chuvas e as galerias de águas pluviais danificadas.

“Pelo que analisamos, não tivemos prejuízos com as galerias de esgoto, apenas em parte das galerias de águas pluviais e do asfalto. Já estamos trocando todas as tubulações danificadas e reestabelecendo a base do asfalto. Vamos trabalhar o final de semana todo para liberar o acesso para aos carros o quanto antes. É uma determinação do prefeito Airton Garcia”, garante o secretário.

Além da rua Episcopal, o secretário também acrescentou que os trabalhos irão se estender para outras ruas danificadas na região central, como três locais da avenida Comendador Alfredo Maffei, e também, vias do bairro Lagoa Serena. 

A previsão é que os trabalhos na rua Episcopal sejam concluídos a partir da próxima semana, e no prazo aproximado de 30 dias, todos os locais públicos danificados pelas enchentes.

Publicado em Outras Notícias

SÃO CARLOS/SP - O vereador Marquinho Amaral (PSDB) solicitou a realização de uma Audiência Pública para discutir as mudanças anunciadas pela Secretaria Municipal de Educação, para a Rede Municipal de Ensino, e para que a secretária de Educação preste um esclarecimento sobre as mudanças e alterações adotadas.

Marquinho destaca que é fundamental e necessária a existência da transparência na Administração Pública, mas a secretária de Educação, Cilmara Aparecida Seneme Ruy, anunciou algumas alterações sem ouvir as categorias dos professores e dos especialistas na área de educação.

O vereador salientou ainda, que a Câmara Municipal de São Carlos não participou, através da Comissão de Educação, das discussões sobre as mudanças que serão realizadas. E segundo Marquinho, o sindicato da categoria também não foi ouvido.

Publicado em Política


Vídeos que circulam nas redes sociais mostram policiais trocando socos durante uma briga na Santa Efigênia, nesta sexta-feira (4)

 

SÃO PAULO/SP - Vídeos que circulam nas redes sociais mostram dois policiais durante uma briga da Santa Efigênia, no centro de São Paulo, nesta sexta-feira (4). Nas imagens um agente chega a apontar uma arma para o rosto do colega.

A região, conhecida pelo comércio popular de eletrônicos, estava lotada nesta manhã quando os dois agentes começaram um discussão na esquina da rua Santa Efigênia com a rua Timbiras.

Um deles acaba sacando a arma e apontado para o rosto do outro policial. Durante toda a discussão ele continua com arma apontada.

Populares, que filmavam a briga, gritam para que os agentes terem cuidado já que as ruas estão lotadas. Mesmo assim os dois acabando trocando socos no meio da rua. Ainda não se sabe o motivo que iniciou a discussão.

Questionada pela reportagem do R7, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) ainda não se posicionou. O caso deve ser registrado no 3º DP (Campos Elíseos).

Por R7

 

Publicado em Outras Notícias

As videoaulas de reforço foram gravadas nos estúdios cedidos pela USP

 

SÃO CARLOS/SP - A Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a USP (Universidade do Estado de São Paulo), campus São Carlos, lançou nesta quinta-feira (03/12), às 10h, no auditório da Fundação Educacional São Carlos (FESC), o Projeto “Educação Para Todos”. O objetivo do Projeto é ampliar o acesso dos estudantes às atividades pedagógicas não presenciais com a transmissão de videoaulas de reforço agora em dezembro pelo canal aberto da TV Educativa de São Carlos (TVE) e pelos canais fechados (TV a cabo) da USP, da Câmara Municipal e da TV Ônix.

Inicialmente foram gravadas dez aulas para cada área do conhecimento, contemplando os estudantes do ensino fundamental I (1º ano ao 5º ano) e estudantes do ensino fundamental II e EJA (6º ao 9º ano). Ainda serão transmitidas “Contação de Histórias”, visando às crianças da Educação Infantil e estudantes de 1º ao 3º ano. As videoaulas foram gravadas pelos professores da Rede Municipal em dois estúdios cedidos pela USP, a transmissão será de 2 horas diárias.

Durante o anúncio, as professoras da rede municipal de Ensino, Juliane Dias Guillen, Rosana Barcella e Luciana França Santana, falaram do desafio de gravar as aulas em estúdio, acrescentando que o material, além de apoiar no ensino dos alunos no ensino a distância, também poderá ser utilizado em salas de aula na pós-pandemia.

De acordo com a secretária de educação, Cilmara Seneme Ruy, o Projeto amplia o acesso dos estudantes às atividades pedagógicas não presenciais, pois seguramente a população que tem acesso à TV é bem maior do que a que tem acesso à internet. “Em razão da pandemia e pela preservação da vida, as aulas presenciais estão suspensas na rede municipal de ensino de São Carlos desde 23 de março. O ensino na rede municipal de ensino de São Carlos passou ser realizado com atividades pedagógicas não presenciais. As escolas municipais estão disponibilizando semanalmente às famílias e estudantes os arquivos das atividades não presenciais através do site da Educação. Para os estudantes que não possuem ou têm dificuldade de acesso à internet, as EMEBs (Escolas Municipais de Educação Básica) preparam quinzenalmente aos estudantes materiais impressos para a realização das atividades pedagógicas. Essas videoaulas só vêm acrescentar as opções de ensino a distância”, explica a secretária de Educação, Cilmara Seneme Ruy.

É importante reforçar junto aos pais ou responsáveis que o ano letivo não acabou e que as atividades pedagógicas continuam acontecendo, todas elas são planejadas pelos professores a partir dos objetivos essenciais de aprendizagem previstos na Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Neste sentido, o incentivo e acompanhamento dos pais ou responsáveis na realização das atividades não presenciais pelos estudantes são fundamentais, pois visa em primeiro lugar, evitar o retrocesso de aprendizagem por parte dos estudantes e a perda do vínculo com a escola, o que pode levar à evasão e ao abandono.

“Este é um ano diferente, mas que não está perdido. Mais do que nunca, é preciso garantir, a cada estudante, o acesso à escola, a permanência nela e a aprendizagem”, acrescentou a secretária de Educação de São Carlos.

Para o professor Vanderlei Salvador Bagnato, pesquisador e atual diretor do IFSC/USP, o Instituto de Física já realiza um programa de aulas pela internet e pela TV já há mais de duas décadas com sucesso absoluto. “Os estudantes, tendo o material disponível para ir além das aulas, ajuda muito. Hoje a realidade é diferente, as aulas pela TV e internet não constitui algo para complementar o que é repassado em sala de aula, mas para transmitir instrução e educação para os alunos que estão impedidos de frequentar a sala de aula em virtude da crise sanitária da pandemia. Se antes essas aulas ajudavam a complementar, a esclarecer dúvidas, agora elas são essenciais. As aulas pela televisão são democráticas porque a TV é um instrumento de comunicação que mais chega aos lares de São Carlos”, avalia Bagnato.

O superintende da TVE, Luiz Antônio Garmendia, destacou que o projeto faz parte de uma soma de ideias e esforços que começaram em abril quando as primeiras aulas da Fundação Educacional de São Carlos começaram a ser transmitidas. “A partir da ideia do nosso conteúdo de ensino, em setembro fomos procurados pela Secretaria Municipal de Educação e unimos esforços com outras instituições para viabilizar o projeto, só que agora, voltado para os alunos da rede pública de ensino.  O resultado são 10 conteúdos inéditos, que serão exibidos e também reprisados em um segundo momento, até que os novos programas sejam gravados e exibidos”, explicou ele.

Os programas do projeto educação para todos, passam a ser exibidos a partir da próxima segunda-feira (7/12). Os alunos podem acompanhar as aulas de segunda a sexta, a partir das 15 horas, logo após o programa Repórter Brasil Tarde, na TVE, sintonizada no canal 51.1 para TV aberta, canal 12 da NET, ou no canal 8 da C-Lig. Também serão transmitidas pela TV Câmara (canal 8 da NET) e pela TV Ônix (canal 26 da NET).

Publicado em Educação

Informação foi confirmada pelo SAMU de Itabira, que atendeu a ocorrência; veículo caiu de uma altura de 15 metros e ao menos 40 estavam no ônibus

 

JOÃO MONLEVADE/MG - Onze pessoas morreram e 29 ficaram feridas em um acidente de ônibus em João Monlevade, a 115 km de Belo Horizonte, na tarde desta sexta-feira (4). O veículo caiu de um viaduto de 15 metros que fica na altura do km 350 da BR-381.

De acordo com o coordenador do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) de Itabira, Júlio Lage, acionado para atender a ocorrência, uma carreta colidiu com o ônibus, que despencou do viaduto.

PublicidadeBotão para controlar o volume da publicidade

- Temos a informação que tinham 10 vítimas fatais, mas outras foram levadas por equipes de resgate voluntário, que chegaram primeiro ao local.

Segundo Lage, uma carreta se colidiu com o ônibus, que caiu da ponte.

Por R7

Publicado em Outras Notícias

Com a publicação que entra em vigor, o município segue favorável para o recebimento de verbas para recuperação dos estragos causados pela última enchente

 

SÃO CARLOS/SP - O Governo Federal publicou nesta sexta-feira (4/12), no Diário Oficial da União, o reconhecimento de situação de emergência na cidade de São Carlos devido às fortes chuvas e enchentes ocorridas no último dia 26 de novembro no município.
A portaria de número 3.025 do Ministério do Desenvolvimento Regional, da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, assinada pelo secretário Alexandre Lucas Alves, entra em vigor a partir da data da publicação, tornando favorável o recebimento de recursos para a recuperação dos estragos causados pelas enchentes no município, e posteriormente, a liberação de verbas para as obras de contenções.
De acordo com o chefe da Defesa Civil de São Carlos, Pedro Caballero, a publicação se concretiza a partir do grande esforço do prefeito Airton Garcia em suas visitas em Brasília, baseado no Formulário de Informações de Desastre (FIDE) da Defesa Civil, com o levantamento dos estragos ocorridos, e da situação de risco que o município enfrenta com os pontos de alagamentos e enchentes.
“Com a publicação do decreto já podemos anexar os documentos necessários junto ao FIDE, que é o relatório dos estragos ocorridos pela enchente. Isso viabiliza o quanto antes, a liberação de verba do Governo Federal para a reconstrução dos pontos mais afetados. Nesse momento, reconstruir esses locais é de grande importância para podermos enfrentar as próximas chuvas”, disse o diretor da Defesa Civil.
Para o prefeito Airton Garcia, a publicação do reconhecimento de estado de emergência já é um início do que pode ser conquistado junto aos governos, para amenizar os problemas das enchentes em São Carlos. “Desde a última enchente, que causou um grande estrago na cidade, estamos correndo atrás de recursos com todas as secretarias envolvidas para solucionar a situação. É só o começo de um grande trabalho, com certeza nos próximos dias teremos mais novidades positivas para realizarmos as obras necessárias de um problema, que há anos no preocupa”, concluiu o prefeito.

 FIDE - O Formulário de Informações de Desastre (FIDE) sobre os prejuízos causados com as fortes chuvas e alagamentos ocorridos no dia 26/11, e que afetou diversas áreas residenciais, comerciais e industriais, foi finalizado no dia 1º de dezembro.
O relatório, além de apontar a intensidade da chuva convectiva de 138 mm, considerada de extrema intensidade, com início às 17h30 com finalização às 18h40, causando enxurradas e alagamentos de até 1,70 metros nas regiões mais baixas da cidade, também detalha os prejuízos causados tanto no setor público, quanto no privado.
Entre os danos humanos registrados, foi o atendimento de uma pessoa com hipotermia e precisou ser atendida no centro da cidade, além de 18 que ficaram desalojadas. O levantamento também aponta que 32 casas foram afetadas, sendo que 3, totalmente destruídas. Na região, central da cidade, local mais atingido, o alagamento provocou danos em 130 lojas, com 33 veículos arrastados pela força da água, causando um prejuízo ao setor privado de R$ 42 milhões, incluindo mercadorias, infraestrutura dos prédios e veículos danificados.
Já o levantamento realizado por engenheiros e técnicos da Prefeitura, aponta que os estragos causados pelas enchentes chegam ao valor de R$ 1,2 milhão. Entre as obras apontadas estão a recuperação das vias, calçadas, sistemas de drenagens e galerias de águas pluviais na avenida Comendador Alfredo Maffei, próximo as ruas José Bonifácio, Aquidaban e Jesuíno de Arruda; na rua Episcopal, próximo ao Calçadão; e na região do Lagoa Serena.

Publicado em Outras Notícias

SÃO PAULO/SP - Gusttavo Lima e Andressa Suita assinaram os papéis de divórcio e, portanto, oficializaram a separação anunciada no começo de outubro. A informação foi confirmada pela assessoria do cantor à “Quem”. Eles estavam casados desde 2015 e são pais de Gabriel e Samuel.

Na quinta-feira (3), os fãs do sertanejo e da modelo celebraram a curtida de Gusttavo em uma foto de Andressa no Instagram. “Só eu reparei na curtida do Gusttavo? Posso começar a me iludir?”, comentou um fã. “Só consegui prestar atenção na curtida do Gusttavo”, escreveu um terceiro. “Teremos volta?”, perguntou mais um.

Apesar de uma separação inesperada pela modelo, na época Gusttavo negou uma suposta traição. “Confirmamos que o cantor Gusttavo Lima está separado da modelo Andressa Suita. O término do casamento ocorreu após um desgaste normal da relação. Informamos que não houve nenhuma briga ou traição e que qualquer informação que esteja circulando nesse sentido é inverídica. O artista não comentará mais o assunto. A amizade, o carinho e o respeito continuam, além da missão maior, a criação e educação dos dois filhos do casal. Contamos com a compreensão e respeito de todos”, comunicou a assessoria.

 

 

 

*Por: SHAYANE MEDINA / FAMOSIDADES

Publicado em Celebridades

ARARAQUARA/SP - Por volta de 7h da manhã desta sexta-feira (4), duas pessoas morreram em uma colisão frontal na rodovia Nelson Barbieri, entre Araraquara e Gavião Peixoto.

Segundo informações, um dos condutores tentou ultrapassar e acabou colidindo com o carro que vinha no sentido contrário. Ambos tentaram desviar pelo acostamento, mas não foi possível. As ocupantes do veículo GM/Corsa, que estava sentido Gavião Peixoto-Araraquara, morreram no local. Os Bombeiros precisaram cortar as ferragens para retirar os corpos.

As vítimas foram identificadas como Letícia Brito Amaral, de 25 anos, e Silvia Regina Brito, de 51 anos.

O Resgate do Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer as vítimas. Uma criança, que estava na cadeirinha, foi levada a um hospital particular. O condutor do Honda/Civic teve ferimentos leves. Ele estava a caminho de Gavião Peixoto.

O local foi isolado para o trabalho das equipes. A funerária Sinsef retirou os corpos e liberará para familiares realizarem o sepultamento.

 

 

*Por: PORTAL MORADA

Publicado em Araraquara

BELO HORIZONTE/MG - Para tentar conter a alta no número de casos de covid-19, a prefeitura de Belo Horizonte (MG) determinou uma “lei seca”. A partir de segunda-feira, 7, fica proibido o consumo de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes.

O decreto, publicado hoje, 4, no Diário Oficial, também altera o funcionamento do comércio na capital mineira. Padarias e lanchonetes poderão funcionar diariamente, entre 5h e 22h, com consumo no local liberado, exceto de bebidas alcoólicas).

Já restaurantes, cantinas, sorveterias, bares e similares podem funcionar de segunda a sábado, entre 11h e 22h, para consumo no local, exceto de bebidas alcoólicas.

A venda de bebidas alcoólicas nestes estabelecimentos para consumo em casa está permitida.

Até ontem, Belo Horizonte somava 55.039 casos confirmados do novo coronavírus e 1.675 mortes em decorrência de complicações da doença.

 

 

*Por: CATRACA LIVRE

Publicado em Ciência & Saúde

Classificados Imóveis

Alugo Apartamento

R$ 550,00

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Dezembro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31      

Comércio e Serviços em Geral