fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Radio Sanca Web TV - Terça, 27 Julho 2021

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirma nesta quarta-feira (28/07) mais 2 mortes por COVID-19 no município, totalizando 487 óbitos. Trata-se de um homem de 80 anos, internado em hospital público desde 13/07. Também foi lançado hoje no sistema de notificação a morte de um homem de 79 anos, internado em hospital de Pindamonhangaba em 23/02 e que evoluiu a óbito em 11/03.

São Carlos contabiliza neste momento 25.594 casos positivos para COVID-19 (112 resultados positivos foram divulgados hoje), com 487 óbitos confirmados e 131 descartados. Dos 25.594 casos positivos, 23.382 pessoas apresentaram síndrome gripal e não foram internadas, 48 óbitos sem internação, 2.164 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 1.587 receberam alta hospitalar e 439 positivos internados foram a óbito. 24.610 pessoas já se recuperaram totalmente da doença. 44.100 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus (238 resultados negativos foram liberados hoje).

Estão internadas neste momento 77 pessoas, sendo 13 adultos na enfermaria. 8 pacientes estão em Unidades de Cuidados Intermediários (UCI - Santa Casa), 2 estão em Unidade de Suporte Ventilatório (USV – HU/UFSCar). No total na UTI adulto estão internadas 52 pessoas, sendo 37 em leitos de UTI/SUS e 15 em leitos de UTI da rede particular. Na enfermaria SUS 2 crianças estão internadas neste momento. Nenhuma criança ocupa vaga de UTI/SUS. 10 pacientes de outros municípios estão internados em São Carlos neste momento. A taxa de ocupação dos leitos especiais para COVID-19 de UTI/SUS adulto está em 84,09% (37 adultos estão internados). 

Neste momento o município disponibiliza 44 leitos adulto de UTI/SUS para COVID-19, já que a Santa Casa voltou a operar com 30 leitos adulto para UTI/SUS, 20 leitos de UCI, 6 de UTI infantil e 8 de enfermaria o Hospital Universitário (HU/UFSCar) opera com 14 leitos de UTI/SUS adulto, 6 de Unidade de Suporte Ventilatório (USV) e 15 de enfermaria. 

Continua depois da publicidade

UPA – Nenhuma pessoa está sendo atendida neste momento em leito de estabilização da UPA do Santa Felícia. 

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 81.715 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 79.844 pessoas já cumpriram o período de isolamento e 1.871 ainda continuam em isolamento domiciliar.

A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes do tipo PCR em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal sendo que 55.299 pessoas já realizaram a coleta de exames, 38.252 tiveram resultado negativo para COVID-19, 16.858 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos). 189 pessoas aguardam resultados de exame.

Publicado em Coronavírus

SÃO PAULO/SP - O governador João Doria (PSDB) anunciou nesta quarta-feira, 28, a abolição do limite de horário de funcionamento e de ocupação em estabelecimentos comerciais a partir de 17 de agosto. Entre 1º de agosto e 16 de agosto, haverá uma "fase de transição", com a ampliação do horário máximo das 23 horas para a meia-noite e uma ocupação limite de 80%. Não haverá mais toque de restrição no Estado de São Paulo. A nova fase é chamada de "retomada segura" pelo Governo do Estado.

"(Os locais poderão ter ocupação máxima) Desde que tenhamos a garantia do distanciamento de um metro entre os que frequentam os espaços", destacou a secretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen. Os parques estaduais passarão a abrir em horário normal a partir de domingo.

Continua depois da publicidade

A vacinação da população de 18 anos ou mais contra a covid-19 foi adiantada de 20 para 16 de agosto, enquanto a de adolescentes teve o início antecipado de 23 para 18 de agosto. Em coletiva de imprensa, Doria disse que São Paulo se encaminhada para a retomada da normalidade. Os anúncios podem ser acompanhados na transmissão ao vivo abaixo:

O calendário estadual prevê a imunização da população de 28 a 29 anos desta sexta-feira, 30, até 4 de agosto, enquanto o público de 25 a 27 anos terá a vez de 5 a 9 de agosto. Já quem tem de 18 a 24 anos poderá procurar os pontos de aplicação de 10 a 16 de agosto.

Na sequência, a vacinação de 18 a 29 de agosto será focada no público de 12 a 17 anos com comorbidades, deficiências, gestantes e puérperas. De 30 de agosto a 5 de setembro, a campanha vai focar em todos os adolescentes de 15 a 17 anos, enquanto os de 12 a 14 anos receberão a primeira dose de 6 a 12 de setembro.

O Estado tem 4.015.426 casos e 137.740 óbitos por coronavírus confirmados. A taxa de ocupação é de 53% em UTI, de acordo com informações da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados Estatísticos (Seade).

Ao todo, São Paulo está com 5.907 de internados em UTI com quadro relacionado à covid-19. O número é de 5.555 hospitalizados em leitos de enfermaria. O secretário da Saúde, Jean Gorinchteyn, destacou que as internações caíram 62,7% e os óbitos em 57% em relação ao auge da segunda onda.

A média móvel (calculada com base nos últimos sete dias) foi de 321 novos óbitos diários pela doença na terça-feira, 27. Ela está em curva descendente desde abril, mas segue superior aos registros de janeiro e fevereiro deste ano e de todo 2020, quando a taxa mais alta foi de 219 mortes diárias, em 15 de setembro.

Já a média móvel de novas internações diárias foi de 1.153 na terça, a menor de 2021. Ela também está em curva decrescente, desde 12 de junho, quando marcava 2.760 novos hospitalizados por dia, e é semelhante aos registros do fim de novembro.

Estação de metrô abrigará pessoas em situação de rua nesta semana

O Governo do Estado anunciou, ainda, que a estação de metrô Dom Pedro II funcionará temporariamente como espaço de acolhimento para homens em situação de rua desta quarta até sábado, 31. O espaço receberá 400 pessoas entre as 20 e as 8 horas. Além disso, as vagas em centros de acolhidas serão ampliadas em 2 mil pelos próximos três meses em 134 municípios.

Presente na coletiva, o Padre Julio Lancellotti, da Pastoral Povo da Rua, anunciou que acompanhará o acolhimento a pessoas em situação de rua na estação e que espaços da Arquidiocese e da Congregação Israelita Paulista também estará abertos nas madrugadas. Ele fez um apelo para que a população também apoie, com agasalhos, bebidas quentes e outros itens caso encontre alguém em via pública.

 

 

*Por: Priscila Mengue / ESTADÃO

Publicado em Economia

JAPÃO - O carioca Hugo Calderano, número seis do mundo, está fora da disputa de medalha na chave de simples do tênis de mesa na Olimpíada de Tóquio (Japão). O brasileiro foi superado por 4 sets a 2 nas quartas de final pelo alemão Dimitrij Ovtcharov, 12º no ranking mundial da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF, sigla em inglês).

Apesar da eliminação, Calderano obteve o melhor desempenho do país na modalidade em Jogos Olímpicos - na Rio 2016 ele saiu nas oitavas. O mesatenista segue em Tóquio 2020 para o torneio de equipes, a partir das 2h30 (horário de Brasília) do próximo domingo (1º de agosto). Calderano lutará por medalha ao lado de Gustavo Tsuboi e Vitor Ishiy.

 

No duelo pelas quartas na manhã de hoje (28), Calderano começou arrasador. Sacando de forma impecável, ele abriu dois sets de vantagem contra o adversário, com parciais de 11/7 e 11/5. O brasileiro manteve a dianteira no início do terceiro set: ganhava por 8 a 4 quando o alemão se recuperou e virou o placar, fechando em 8/11. Era só o início da reviravolta massacrante de Ovtcharov, dono de quatro medalhas olímpicas. Ele venceu as três parciais seguintes (7/11, 8/11 e 2/11) e avançou às semifinais da chave de simples.

“Ele começou a jogar melhor e não consegui manter o que eu fiz nos primeiros sets. Num jogo desse nível, é importante manter a regularidade até o final. Me esforcei bastante para voltar quando perdi o terceiro set e quando liderei o quinto. Não foi desta vez”, disse Calderano ao site da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM).

O mesatenista foi o único latino-americano a chegar às quartas de final em Tóquio. Focado em chegar à final, o carioca não escondeu a decepção com o revés de hoje (28). Mas a eliminação da chave de simples ainda vai levao atleta t

Continua depois da publicidade

“É difícil descrever, é muita dor perder um jogo assim numa Olimpíada. Tive bastante oportunidades. É difícil assimilar. Depois vou ter que pensar com cabeça fria, mas tenho certeza de que vou voltar mais forte. Essa experiência só vai me fortalecer. Vou continuar lutando”, disse o atleta.

 

 

*Por Agência Brasil

Publicado em Esportes

TÓQUIO - Em dia infeliz, a seleção brasileira masculina de vôlei perdeu nesta quarta-feira (28) para o Comitê Olímpico Russo (ROC, na sigla em inglês) por 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 25/20 e 25/20. O duelo foi realizado na Arena de Ariake, na capital Tóquio.

Com este resultado, o Brasil caiu para a terceira colocação do Grupo B. Já o Comitê Russo assumiu a liderança, enquanto os Estados Unidos ocupam a vice-liderança. Apenas quatro dos seis componentes da chave passam de fase. Argentina, França e Tunísia são os outros países que lutam por vaga na chave.

Este foi o primeiro revés dos brasileiros na Olimpíada de Tóquio. Na estreia, eles venceram a Tunísia por 3 sets a 0 (25/22, 25/20 e 25/15) e a Argentina, em jogo eletrizante, por 3 sets a 2 ((19/25, 21/25, 25/16, 25/21 e 16/14).

Continua depois da publicidade

O próximo compromisso da seleção brasileira será contra os Estados Unidos. A partida acontecerá nesta sexta-feira (29), às 23h05 (horário de Brasília), na Arena de Ariake. Neste jogo, a vitória é importante para que na última rodada da fase de grupos, o Brasil não encare a França em situação delicada.

 

 

*Por Rafael Monteiro - Repórter da Rádio Nacional

AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Esportes

 

Lojas estarão abertas na sexta-feira (6 de agosto), antevéspera da data, até 22h e nos sábados (7 e 14 de agosto) até 17h, respeitando o limite de 40% da capacidade

 

SÃO CARLOS/SP - Para as vendas do Dia dos Pais, que será comemorado no domingo dia 8 de agosto, o Sindicato do Comércio Varejista de São Carlos e Região (Sincomercio) e o Sindicato dos Empregados do Comércio de São Carlos e Região (Sincomerciários) acordaram um horário especial de atendimento para o comércio de São Carlos.

Continua depois da publicidade

Na antevéspera da data, na sexta-feira (6), o comércio fica aberto das 9h às 22h e nos sábados (7 véspera do Dia dos Pais e 14 de julho) das 9h às 17h, respeitando o limite de 40% da capacidade de cada estabelecimento e seguindo todos os protocolos e cuidados sanitários necessários para o controle da disseminação do Coronavírus.

Publicado em Comércio

 

SÃO CARLOS/SP - A Farmácia de Alto Custo de São Carlos informa que possui mais um canal para facilitar o atendimento ao público. A partir de agora os pacientes que fazem uso desses medicamentos podem enviar mensagens por meio do aplicativo WhatsApp pelo telefone (16) 3364-5014.

Continua depois da publicidade

Com o novo canal, os pacientes podem entrar em contato direto com o setor para saber se o medicamento já está disponível para a retirada. Os medicamentos da Farmácia de Alto Custo são enviados pelo Governo do Estado, via Departamento Regional de Saúde de Araraquara (DRS III).
Com o serviço de WhatsApp, os pacientes não precisarão se deslocar até a farmácia só para saber se os medicamentos já foram disponibilizados pelo Governo do Estado, já que a consulta será feita por meio do aplicativo de mensagens.

Publicado em Outras Notícias

 

SÃO CARLOS/SP - A Prefeitura Municipal de São Carlos informou através de sua assessoria que a Secretaria de Transporte e Trânsito está mudando a sinalização da Avenida Comendador Alfredo Maffei, portanto os motoristas que estiverem trafegando pela referida Avenida, no crumzamento com as ruas Totó Leite e Major Manoel Antônio de Mattos, prestem atenção na nova sinalização, pois agêntes de trânsito estão pelo local para orientar sobre a nova sinalização.

Veja abaixo a nota enviada pela Prefeitura à imprensa:

Continua depois da publicidade

COMUNICADO SECRETARIA DE TRANSPORTE E TRÂNSITO - A Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) informa que iniciou nesta quarta-feira (28/07) mudanças na sinalização viária do cruzamento da Avenida Comendador Alfredo Maffei com as ruas Totó Leite e Major Manoel Antônio de Mattos, portanto solicita aos motoristas que respeitem a passagem de pedestres e redobrem a atenção no local até a conclusão das intervenções.

Publicado em Trânsito

 

População adulta de até 18 anos será imunizada até a 1ª quinzena de agosto. Adolescentes começam vacinação dia 20 de agosto


SÃO PAULO/SP - O governo de São Paulo vai antecipar o cronograma de vacinação para adultos e adolescentes nesta quarta-feira (28). A primeira dose da imunização será dada na população adulta de até 18 anos até a primeira quinzena de agosto. Antes, a data prevista pela administração estadual era para o dia 20.

 A vacinação de adolescentes com a vacina Pzifer, a única liberada pela Anvisa para essa faixa etária, começará no dia 20 agosto. A data foi antecipada em 3 dia em relação ao prazo divulgado anteriormente. O governador João Doria (PSDB), que retornou hoje ao trabalho presencial após a segunda infecção por covid-19, dará mais detalhes sobre a antecipação na coletiva de imprensa das 12h45, no Palácio dos Bandeirantes.

Continua depois da publicidade

Em relação à imunização de adolescentes, o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, afirmou que estão sendo elaborados, no momento, procedimentos para a modificação da bula da CoronaVac para essa faixa etária e espera a autorização da Anvisa para essa a aplicação do imunizantes para esse grupo. "O processo está em andamento e esperamos que em breve possa haver a autorização para estensão da vacina para a população dos 3 aos 17 anos", disse.

"Quando o governador e o vice-governador colocaram o dia da esperança para o dia 20 e temos todo um planejamento a seguir seguido, teremos uma nova reunião para rediscutir estratégias. Hoje na coletiva de imprensa teremos novidades para passar a todos quanto ao dia da esperança e quanto a eventual antecipação em alguma outra faixa etária", afirmou Jean Gorinchteyn, secretário de saúde estadual.

O vice-governador Rodrigo Garcia, que acompanhou a entrega de mais 1,5 milhão de doses da CoronaVac na manhã desta quarta-feira na sede do Instituto Butantan, afirmou que São Paulo está na melhor semana de combate a covid-19. Do total de doses, 339 mil permanecem em São Paulo. "Estamos fechando os números da última semana epidemiológica, e até o final da manhã definiremos as regras a partir de agosto e do cronograma vacinal a partir de hoje."

Ele afirmou que no final da manhã desta quarta-feira ocorrerá uma reunião entre membros do governo, do Comitê de Contingenciamento do Coronavírus e com a coordenadora do PEI, Regiane de Paula, para tratar da eventual antecipação do calendário de vacinação e eventuais mudanças nas regras do Plano São Paulo.

 De acordo com o governo, São Paulo aplicou 35 milhões de doses, cerca de 25 milhões referentes à primeira dose, o que provocou a queda no número de mortes, casos e internações. "Isso representa 75% da população alvo imunizada com a primeira dose e 57% de toda a população", afirmou Gorinchteyn.

Em relação ao envio de doses de vacinas pelo Ministério da Saúde, a coordenadora do PEI, Regiane de Paula afirmou que São Paulo recebeu na segunda-feira 475 mil doses do imunizante da Pfizer. "Entre o dia 20 e 26, o Ministério da Saúde recebeu 7 milhões de doses da Pfizer, São Paulo teria de 22,6% a 23% o que corresponde a 1.662 milhão de doses", disse.

"Recebemos na segunda-feira 475 mil doses. Do butantan, recebemos de forma regular e aguardamos a entrega da Astrazeneca. Pedimos celeridade na logística ao PNI. São 645 municipios que aguardam doses de vacina.  Do mesmo jeito que o PEI trabalha com planejameto e logística e coloca na rede as vacinas 24h depois que elas chegam, aguardamos o mesmo do Ministério da Saúde", afirmou Regiane.

Por R7

Publicado em Ciência & Saúde

TÓQUIO - A tenista Luisa Stefani voltou à quadra nesta quarta-feira (28), após igualar a melhor marca do Brasil na história do tênis olímpico.

Mas na segunda participação do dia, essa ao lado de Marcelo Melo, o Brasil acabou derrotado por 6/3 e 6/4 pela dupla da Sérvia (o melhor do mundo de simples, Novak Djokovic, e Nina Stojanovic), e foi eliminado do torneio de duplas mistas das Olimpíadas de Tóquio.

Mais cedo, Stefani e Laura Pigossi venceram os Estados Unidos, na chave feminina de duplas, e avançaram às semifinais do torneio.

Continua depois da publicidade

Assim, pelo menos igualam a performance de Fernando Meligeni, quarto lugar nos Jogos de Atlanta em 1996 o melhor resultado do país na história do tênis em Olimpíadas.

 

 

*Por: FOLHA

Publicado em Esportes

JAPÃO - A seleção brasileira perdeu para Espanha por 32 a 25, nesta quarta-feira (28) no handebol masculino das Olimpíadas de Tóquio. Com o resultado, terceira derrota na competição, o Brasil segue na quinta posição do Grupo A, fora da zona de classificação para as quartas.

A seleção brasileira começou a partida abrindo uma vantagem de quatro gols sobre os espanhóis nos primeiros 10 minutos. A equipe cometeu algumas faltas importantes e perdeu Thiago Ponciano por dois minutos, mas conseguiu se segurar.

O Brasil se manteve à frente no placar até os 22 minutos da primeira etapa, quando a Espanha conseguiu igualar o placar e as equipes seguiram na briga ponto a ponto. Nos dois últimos minutos, os espanhóis conseguiram a virada e o primeiro tempo terminou em 18 a 16 para a equipe europeia.

O início do segundo tempo foi mais complicado para o Brasil. A seleção tentou buscar o resultado, mas os espanhóis conseguiam manter a vantagem entre 2 e 4 pontos. Por vezes, a defesa sofreu com o contra-ataque veloz e o goleiro Ferrugem não conseguia fazer a defesa.

O ataque brasileiro também passou por um apagão e o Brasil passou mais de 10 minutos sem marcar gols. Com isso, não conseguiu superar os adversários, que deixaram o placar ainda mais elástico e conquistaram a vitória.

Continua depois da publicidade

Faltam dois jogos para o fim da fase de grupos e os quatro melhores colocados garantem vaga nas quartas. O próximo jogo do Brasil será contra a Argentina, que também tem três derrotas no torneio. A disputa acontece às 21h (de Brasília) desta quinta-feira (29). O último jogo será contra a Alemanha, às 7h30 do dia 1º de agosto.

 

 

*Por: FOLHA

Publicado em Esportes

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Julho 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31