fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 
Radio Sanca Web TV - Sábado, 31 Julho 2021

 

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirma neste domingo (01/08), mais uma morte por COVID-19, totalizando 492 óbitos.

Trata-se de uma mulher de 43 anos, internada desde 25/06 em hospital privado.

Continua depois da publicidade

São Carlos continua com 25.803 casos positivos para a doença, uma vez que essa paciente já estava contabilizada na relação de positivados. 

Um paciente está neste momento em leito de estabilização do Centro de Triagem do Ginásio Milton Olaio Filho. A transferência para hospital público já foi solicitada junto a CROSS.

A taxa de ocupação dos leitos especiais de COVID-19 para UTI/SUS está em 88,64%.

Publicado em Coronavírus

SÃO CARLOS/SP - A Policia Militar com apoio do Departamento de Fiscalização da Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano realizou na noite de sexta-feira (30) e madrugada de sábado (31) a operação “Paz e Proteção“ nos bairros Cidade Aracy, Antenor Garcia,Jardim Gonzaga e Eduardo Abdenur.

 As equipes de Força Tática e os fiscais do Departamento de Fiscalização realizaram a operação com o objetivo de coibir aglomeração de pessoas, funcionamento irregular e fora do horário permitido dos comércios e para evitar pancadões e bailes funks nas vias públicas desses bairros.

O Comandante da Companhia de Força Tática Paulo Roberto Nucci Junior informou que a operação foi realizada devido a dezenas de reclamações de barulho e perturbação de sossego nas vias públicas nesses bairros.

Em um depósito de bebidas localizado na rua Evelyn Marketti no Bairro Eduardo Abdenur os policiais militar lograram êxito em localizar um revólver calibre 38, uma pistola calibre 765. O local foi interditado e um homem foi conduzido ao Plantão Policial.

Nesta operação 50 pessoas foram abordas e revistadas. Todas pessoas foram orientadas e foram embora para suas respectivas residências. Além disso um comercio de bebidas foi interditado e um deposito de bebidas foi multado por estarem funcionando fora do horário estipulado pelo Plano São Paulo.

Continua depois da publicidade

O Capitão Nucci disse que as operações têm como objetivo combater pancadões, perturbação do Sossego e quebra da Ordem Pública.

Publicado em Policial

Debate, que acontece virtualmente, inaugura a série de eventos "EdUFSCar no ar", com lançamento de livro

 

Inspirada com o clima dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que seguem até o dia 8 de agosto, a Editora da Universidade Federal de São Carlos (EdUFSCar), em parceria com a Assessoria para Comunicação Científica da Instituição, inaugura a série de eventos "EdUFSCar no ar" com o lançamento do livro "Leituras de gênero e sexualidade nos esportes", de autoria de Wagner Xavier de Camargo, pesquisador na Universidade desde 2013.

O debate, que acontece - virtualmente - em 6 de agosto, às 10h30, abordará questões da atualidade no âmbito do mundo esportivo, com um olhar voltado a novas perspectivas a partir da reflexão sobre gênero e sexualidade.

Na ocasião, o autor comentará casos e fatos recentes que apareceram na mídia esportiva - como, por exemplo, a participação da primeira atleta trans na história das Olimpíadas; o impactos de ocorrências como o caso de Douglas Souza, atleta do vôlei brasileiro que assumiu a homossexualidade e conquistou grande visibilidade em pouco tempo; e a quantidade recorde de participação de atletas que se autodeclaram LGBTQIAPN+ na competição, com destaque para biografias, envolvendo suas lutas e seus desafios nas práticas esportivas.

O convidado também tratará da lógica binária que atualmente impera nos esportes, e da importância de se ampliar os entendimentos sobre corpos, gêneros e sexualidades para além dela.

Continua depois da publicidade

Outras temáticas que constam em seu livro serão contempladas no encontro, como as características do que o autor chama de esporte-espetáculo, além de problematizações sobre o que é considerado senso comum nos esportes, partindo para a desconstrução de estereótipos (como cores e esportes pautados por sexo).

Com textos curtos, críticos e de fácil entendimento, a obra recém-lançada pela EdUFSCar é fruto de pesquisas de Camargo ao longo dos anos - de 2013 a 2019 como pesquisador de pós-doutorado na UFSCar, com financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapesp) e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

O autor cursa um segundo doutorado no momento, em Antropologia Social, e atua como docente voluntário no curso de graduação em Ciências Sociais da UFSCar. Tem se dedicado a investigar corpo, gênero e sexualidade na Educação Física e nos Esportes a partir de referenciais conceituais da Antropologia, da Sociologia e dos Estudos de Gênero.

A mediação do encontro será de Adriana Arruda, jornalista da Assessoria de Comunicação Científica da Universidade. A transmissão será feita via Facebook - (nas páginas facebook.com/ufscaroficial e facebook.com/editora.edufscar) - e YouTube (em youtube.com/ufscaroficial). A participação é aberta a todas as pessoas interessadas, que poderão apresentar questões ao convidado durante o debate.

O livro de Camargo está disponível para compra no site da Editora (edufscar.com.br), com desconto de 30% até a data do evento de lançamento do livro, em 6/8. Mais informações sobre a obra podem ser conferidas em matéria no Portal da UFSCar (https://bit.ly/3lePwOy).

Publicado em Educação

SÃO PAULO/SP - Está sem energia para cozinhar, pois a semana foi cansativa? Não se preocupe, o Guia da Cozinha tem a solução! Que tal preparar uma deliciosa torta de massa de pastel com recheio de palmito e frango? Além de ter um sabor único e especial, essa torta fica pronta em apenas 50 minutos! Dá para acreditar? Veja a receita abaixo, tome nota e coloque a mão na massa. Você não vai se arrepender!

Ingredientes da Torta fácil de massa de pastel

  • Manteiga para untar
  • 1 rolo de massa para pastel (500g)
  • 1 gema para pincelar
  • Recheio
  • 3 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 cebola picada
  • 2 dentes de alho amassados
  • 2 cubos de caldo de galinha
  • 2 tomates sem sementes picados
  • 2 xícaras (chá) de frango cozido e desfiado
  • 2 xícaras (chá) de palmito em conserva picado
  • 1 colher (sopa)de farinha de trigo
  • 1/2 xícara (chá) de água
  • Sal, pimenta-do-reino e cheiro-verde picado a gosto

Continua depois da publicidade

Modo de preparo

Para o recheio, em uma panela, derreta a manteiga, em fogo médio, e refogue a cebola e o alho por 3 minutos.

Junte o caldo de galinha e o tomate e refogue por mais 5 minutos.

Adicione o frango e o palmito e refogue por 2 minutos.

Dissolva a farinha na água e acrescente ao refogado, mexendo até engrossar.

Tempere com sal, pimenta e cheiro-verde e deixe esfriar.

Forre um refratário médio untado com parte da massa de pastel, cobrindo o fundo e laterais.

Espalhe o recheio, corte tiras com a massa e trance sobre o recheio.

Aperte as laterais e a borda da massa com um garfo para fechar.

Pincele com a gema e leve ao forno médio (180º C), preaquecido, por 20 minutos ou até dourar. Sirva em seguida.

 

 

COLABORAÇÃO: Ângela Cardoso/Fernando Santos

*Por: GUIA DA COZINHA

Publicado em Culinária

SÃO CARLOS/SP - Na tarde de sexta-feira (30), o vereador Rodson Magno do Carmo (PSDB), participou da reinauguração da Casa de Passagem, localizada na rua Rotary Club, 101, no bairro Vila Celina, que foi denominada em homenagem a “Reynaldo Bertolino Neto”, conforme projeto lei nº 117/19 de autoria do parlamentar.

Estiveram presentes também na solenidade o prefeito Airton Garcia, a secretária municipal de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Marques, e demais autoridades; os pais do homenageado, Reynaldo Bertolino Junior e Carmen Emília F. Bertolino; a irmã, Natália Bertolino Badendo; o cunhado, Luciano Donizette Bedendo; a avó, Leda Zavaglia Bertolino; tios e amigos.

Esse serviço tem por objetivo dar acolhimento a pessoas em situação de rua, proporcionando moradia temporária, condições de vida e cuidados pessoais – banho, alimentação, sono tranquilo, acompanhamento psicossocial, orientações, encaminhamento a serviços, entre outras atividades. Funciona em integração com outros serviços socioassistenciais, Centro Pop, bem como com políticas intersetoriais, como saúde, habitação, trabalho, emprego e renda.

Em especial essa unidade foi projetada para receber os cães que acompanham as pessoas em situação de rua.

“Foi um momento de muita emoção para este vereador, familiares e amigos que estiveram presentes na homenagem a este jovem que tão precocemente nos deixou”, declarou Rodson.

Reynaldo Bertolino Neto nasceu na cidade de São Carlos/SP, no dia 30 de julho de 1990, filho de Carmen Emília Ferreira Bertolino e Reynaldo Bertolino Junior, irmão de Natália Bertolino Bedendo, casada com Luciano Donizeti  Bedendo.

Autodidata na tecnologia da informática, tendo cursado o curso técnico na área. Desde sua infância demonstrou grande interesse pela tecnologia, sendo estimulado pelo seu pai Reynaldo. Realizou o seu sonho, tornando-se sócio proprietário da loja ”RR Informática e Acessórios”, localizada no centro da cidade, onde durante vários anos desenvolveu diversos softwares, programas, sites, sistemas e aplicativos para a toda cidade de São Carlos e região.

Pautou toda sua a vida praticando o amor ao próximo, constantemente, dava alimento a quem tinha fome, roupa pra quem tinha frio, sempre de maneira especial com extremo carinho e atenção para os moradores de rua.

Suas atitudes incentivaram a irmã a escrever um trabalho de conclusão de curso de Psicologia, sobre os motivos que levavam as pessoas a morarem na rua.

Continua depois da publicidade

Tinha como objetivo a criação de uma casa para acolhimento aos moradores de rua, infelizmente veio a falecer em um trágico acidente automobilístico, em 1º de outubro do ano de 2014 com apenas 24 anos.

Publicado em Política

Os entorpecentes estavam no porta malas de um carro

 

JARDINÓPOLIS/SP - Policiais civis da Delegacia de Polícia de Jardinópolis apreenderam 70 tijolos de maconha, por volta das 23h30, desta sexta-feira (30/7). Os entorpecentes estavam escondidos no porta malas de um veículo.

A equipe do Setor de Investigações recebeu a informação que o condutor de um Gol, vermelho, traria o ilícito de Ribeirão Preto, por volta das 22h de noite de ontem. Em posse da informação, os policiais montaram campana na entrada de Jardinópolis.

Continua depois da publicidade

O suspeito não obedeceu a ordem de parada, desembarcou do veículo e fugiu à pé.  O caso foi registrado na delegacia como tráfico de entorpecentes e localização/apreensão de veículo. As investigações prosseguem para identificar e prender o autor.

Publicado em Outras Cidades

O gigante do oriente começou sua invasão pela Escandinávia: indústria e instituições europeias precisam de um plano claro

 

CHINA - Não é segredo que a China tem estado de olho na indústria automobilística europeia há algum tempo, com foco, obviamente, nos carros elétricos. As notícias de embarques de novos modelos chineses para a Noruega, país que é modelo de eletrificação para o Velho Continente, vão crescendo mês a mês.

NIO, BYD e Xpeng abriram o caminho, mas logo poderiam ser seguidas por uma série de outras empresas, mesmo além das fronteiras da Escandinávia. Diante desta tentativa de "invasão" da Ásia, é evidente que as instituições e fabricantes europeus não podem se dar ao luxo de estar despreparados. A indústria automobilística é um setor crucial.

 

Janela de oportunidade

Criar uma situação favorável para a China é, antes de tudo, uma questão política. A União Europeia já mapeou seu roteiro para reduzir as emissões de CO2 de todos os setores, incluindo o transporte, mas está criando um projeto de longo alcance que talvez não "acompanhe" de forma adequada a indústria, com apoio e etapas intermediárias apertadas no curto prazo.

Este período "transitório" antes de uma conversão completa corre, portanto, o risco de deixar um lado descoberto, com motoristas mais conscientes sobre o meio ambiente que podem decidir acelerar a transição para veículos limpos, mas com um aceno aos carros 'Made in China' que, por sua vez, desembarcam cada vez mais na Europa.

Em tudo isso, há alguns "poréns", mas também algumas vantagens. Por um lado, há o fato de que os compradores de automóveis podem desconfiar de marcas chinesas das quais nunca ouviram falar, e ainda queiram manter a tradição.

Continua depois da publicidade

Por outro lado, as leis de mercado freqüentemente tendem a recompensar os interesses econômicos mais imediatos. Assim, quando confrontados com uma oportunidade particularmente lucrativa, alguns motoristas podem dar o "salto de fé" com uma marca chinesa, para somente depois tirar suas conclusões. O mundo da tecnologia, afinal, já começou a liberar muitos preconceitos europeus e americanos sobre os produtos chineses, incluindo os produtos de alta tecnologia. E já existe um precedente que tem recompensado os carros de origem asiática.

Considerações e questionamentos semelhantes aos que rondam os carros chineses atuais, já aconteceram no Ocidente nos anos 60 e 80, quando as marcas japonesas e coreanas, respectivamente, iniciavam sua 'invasão'. Décadas depois, os números mostram que os carros asiáticos tiveram um impacto retumbante no mercado, penetrando em todos os segmentos.

A chave para seu sucesso foi focar inicialmente no baixo custo e na praticidade. Um pouco como o que as marcas chinesas querem fazer agora, com a vantagem adicional de que o carro elétrico abalou os paradigmas do setor, estreitando a lacuna outrora intransponível entre eles e os fabricantes tradicionais. A Europa foi alertada: uma grande parte competitividade industrial local está em jogo no desenvolvimento da mobilidade elétrica.

 

 

*Por: Julio Cesar / InsideEVs

Publicado em Economia

SÃO PAULO/SP - Nenhum apostador acertou o prêmio principal do concurso 2.395 da Mega-Sena. As seis dezenas foram sorteadas na noite desse sábado (31), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

São as seguintes as dezenas sorteadas:

04 - 11 - 12 - 44 - 45 - 57.

O prêmio para o próximo concurso 2.396, cujo sorteio será realizado na próxima quarta-feira (3), é estimado em R$ 46 milhões.

A quina registrou 72 apostas vencedoras cada uma pagará R$ 51.378,77. A quadra apresentou 6.026 apostas ganhadoras e vai pagar individualmente um prêmio de R$ 876,97.

Continua depois da publicidade

As apostas para o próximo podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, nas casas lotéricas credenciadas peça Caixa, em todo o país ou pela internet.

 

 

*Por Agência Brasil

Publicado em Economia

SÃO PAULO/SP - O cantor Giovani gravou um vídeo ao lado da mulher, Anna Carolina Morais, para explicar o acidente que sofreram no sábado (31). O carro no qual o casal estava capotou três vezes na Rodovia Presidente Dutra na região de Arujá, em São Paulo, quando eles voltavam de Cuiabá.

"Estou passando, primeiramente, para agradecer o carinho de todos. Minha maior preocupação foi ela (Ana Carolina), não entendi bem o que aconteceu. Tenho muita experiência de estrada, dirijo bem. Quando olhei para o lado, para saber se ela estava bem, tive um apagão", iniciou o cantor, que faz dupla com Gian.

"Socorristas nos atenderam com carinho, fomos levados ao hospital, passei a tarde toda descansando. E se puder dar um conselho: usem cinto de segurança. Fez total diferença e protegeu nossas vidas", relembrou ele. Em seu Instagram, Anna Carolina compartilhou um vídeo do marido sendo atendido no Hospital Nipo Brasileiro, para onde foi levado pela CCR NovaDutra, concessionária que administra a via.

Continua depois da publicidade

Mulher do sertanejo achou que marido não tinha resistido: 'Desmaiou de verdade'

o lado de Giovani no vídeo, Anna Carolina contou que ficou desesperada ao ver o marido desacordado. "Giovani desmaiou de verdade, o carro apagou. A primeira coisa que pensei: 'estou viva'. Então comecei a chamar por ele e ele não respondia. Eu não conseguia sair do carro, não lembro como saímos. Não saímos pela porta, ela não abria, foi um pesadelo que vivemos", contou ela.

Em seu Instagram, Anna Carolina divulgou fotos do carro capotado e demonstrou emoção ao falar do ocorrido. "Hoje eu saí de manhã para cumprir uma agenda de compromissos do meu marido em Cuiabá. Nesse caminho, nosso carro capotou três vezes. Essa aqui sou eu inteira depois de um carro capotado. Senti Deus protegendo a gente. Sou católica, tenho muita fé em Deus, muita fé no amor que Deus tem pela gente. Meu olho está vermelho porque eu já chorei muito. Não quero fazer story chorando, mas eu e meu marido tivemos um livramento muito grande hoje", declarou ela, que mostrou o marido descansado em casa.

A assessoria de imprensa deu detalhes em nota de como foi o acidente: "Frisamos que o Giovani conduzia em baixa velocidade, com cinto de segurança, presando sua vida e de sua esposa e, para não colidir com o outro veículo, nas devidas circunstâncias, conduziu o veículo ao acostamento onde veio a capotar".

 

 

*Por: Laís Fernandes / PUREPEOPLE

Publicado em Celebridades

NOVA ZELÂNDIA - A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, apresentou neste domingo (1º) um pedido oficial de desculpas aos habitantes das ilhas do Pacífico, “injustamente assediados” por operações policiais nos anos 1970.

Ao longo da referida década, a polícia e os funcionários da imigração, muitas vezes acompanhados por cães, fizeram “batidas” para deter e expulsar pessoas, cujos vistos de trabalho haviam expirado.

Neste período, os habitantes originário das ilhas do Pacífico representaram um terço das pessoas, cujo visto havia expirado, mas 86% dos processados.

Os britânicos e americanos residentes na Nova Zelândia também representavam um terço das pessoas em situação ilegal, mas apenas 5% daqueles acionados na Justiça.

“Hoje eu apresento, em nome do governo da Nova Zelândia, um pedido oficial de desculpas e sem reservas às comunidades do Pacífico que foram discriminadas na aplicação das leis de imigração na década de 1970”, declarou Ardern em uma reunião de líderes do Pacífico, em Auckland.

Embora estes fatos tenham ocorrido há quase meio século, a primeira-ministra reconheceu que as vítimas se lembram destes episódios com sofrimento e que isso mina a confiança nas autoridades.

Depois da Segunda Guerra Mundial, a Nova Zelândia promoveu a migração dos habitantes das ilhas do Pacífico, como Samoa, Tonga e Fiji, para fazer frente à escassez de mão de obra em pleno crescimento econômico.

Na década de 1970, porém, os migrantes foram acusados de ocuparem postos de trabalho na Nova Zelândia.

O ministro dos Povos do Pacífico, William Sio, que emigrou com sua família de Samoa para a Nova Zelândia em 1969, classificou essas incursões de “atos racistas da pior espécie”.

Continua depois da publicidade

Ardern disse que a Nova Zelândia se comprometeu a pôr fim ao racismo.

 

 

*Por: ISTOÉ DINHEIRO

Publicado em Política

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Agosto 2021 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31