fbpx

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim
 

Interdições ocorrerão na segunda, terça e quinta-feira para realização de obras de melhorias no pavimento

 

CORDEIRÓPOLIS/SP - Dando sequência ao cronograma de obras na região, a Eixo SP Concessionária de Rodovias realizará obras de melhorias no pavimento em dispositivos de acesso localizados no km 161 da SP 310 - Rodovia Washington Luís, em Cordeirópolis. Os serviços serão realizados nesta segunda, terça e quinta-feira, dias 17, 18 e 20, e os acessos serão interditados durante os trabalhos.

 Na segunda e na terça-feira, a interdição será no dispositivo que fica no sentido sul (Interior-Capital) do km 161. Em razão do fluxo intenso de veículos no local durante o dia, os trabalhos serão executados apenas no período noturno, das 21h às 6h.

 A alternativa aos motoristas que precisarem acessar a rodovia nesse período é seguir pela avenida Aristeu Marcicano até a rua José Oliva Del Teso, próximo ao Lago União, passando em seguida pela rua Benedito Guimarães Cruz e rua Valdomiro Bertanha até o dispositivo de acesso à SP 310 (veja Figura 1).

 Na quinta-feira, a interdição ocorrerá no dispositivo que fica no sentido norte (Capital-Interior) do km 161, que dá acesso a Cordeirópolis. Neste dia, os serviços serão realizados das 7h às 17h, período em que o local estará fechado para o trânsito. Também neste caso, a alternativa sugerida pela concessionária aos motoristas é o retorno no dispositivo do km 164 (veja Figura 2).

 Durante as obras, a concessionária manterá o local sinalizado e monitorado para orientação e segurança dos usuários. Esta e outras obras realizadas pela Eixo SP possuem alinhamento com o cronograma da Artesp (Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo) e possui apoio do policiamento rodoviário. Em caso de chuva, as obras poderão ser reagendadas.

 

Sobre a Eixo SP

A Eixo SP Concessionária de Rodovias administra mais de 1.221 km de estradas que passam por 62 municípios da região de Rio Claro, no centro do Estado, até Panorama, no extremo oeste, na divisa com o Mato Grosso do Sul. O maior contrato sob supervisão da Artesp terá investimentos na ordem de R$ 14 bilhões em obras de ampliação, conservação, além da modernização de serviços ao usuário. Para mais informações acesse: www.eixosp.com.br.

SÃO CARLOS/SP - O prefeito Airton Garcia, acompanhado de secretários municipais e do chefe de gabinete da Prefeitura, José Pires (Carneirinho), percorreu na manhã desta sexta-feira (14/07) alguns pontos da cidade para verificar obras e observar alguns projetos em andamento. A primeira parada foi no viaduto da Estação Ferroviária - Viaduto 4 de Novembro “Antônio Massei” - local onde a concessionária RUMO fará uma grande obra de duplicação, exigência do contrato de concessão da malha paulista, sendo que essa obra também faz parte da outorga onerosa. 

A Comissão de Análise Multidisciplinar de Projetos composta pelos secretários de Obras Públicas, João Muller, de Serviços Públicos, Mariel Olmo, de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Wilson Jorge Marques, de Transporte e Trânsito, Paulo Luciano, de Segurança Pública, Samir Gardini e pelo presidente do SAAE, Benedito Marchezin, se reuniu e após análise dos  estudos apresentados pela RUMO para a realização da obra no Viaduto 4 de Novembro “Antônio Massei”, optou pela indicação do projeto nº 1, porém com algumas indicações.

“Vim até o local para que os membros da Comissão pudessem me explicar porque o projeto 1 é a melhor opção e quais alterações serão necessárias e, após analisar as observações feitas pela equipe e engenheiros da Prefeitura, concordei, porém, solicitei a empresa RUMO o reforço estrutural do atual viaduto”, explicou o prefeito Airton Garcia.

De acordo com o secretário de Obras Públicas, João Muller, o projeto respeita a questão ambiental e também evita grandes intervenções na rua Visconde de Inhaúma e o possível deslocamento da torre de telefonia ali existente. “Foram preservados acesso ao Poupa Tempo, aos Correios e ao comércio no entorno. Vamos ter uma alça com acesso à avenida José Pereira Lopes e o prefeito condicionou o reforço estrutural do atual viaduto, tendo em vista que com o fechamento da passagem em nível pela linha do trem na rua General Osório, deverá aumentar o fluxo de veículos entre 20% a 25%. Se aceita a condição imposta, a RUMO fará de imediato o projeto executivo e deverá iniciar as obras assim que terminar a duplicação da Praça Itália”, explica Muller.

PISCINÃO – O prefeito Airton Garcia também visitou as obras do reservatório de amortecimento de cheias, também conhecido como piscinão, e do sistema de microdrenagem de águas pluviais na rua Itália, na Vila Prado. A obra foi licitada e o investimento é de R$ 2.593.807,19 com recursos do próprio município. O piscinão da Travessa 8 vai ter 222 metros de comprimento, 45 metros de largura e 4,2 metros de profundidade. A capacidade de retenção vai chegar a 45.000 m3 de águas pluviais. “O piscinão vai reter o excesso de água evitando que forme uma cachoeira no paredão da rua Joaquim de Evangelista de Toledo e no pontilhão da Travessa 8.

A nossa intenção é diminuir os impactos das enchentes e para isso estamos trabalhando”, garantiu o prefeito de São Carlos.

SÃO CARLOS/SP - A duplicação do viaduto da Praça Itália, obra que está sendo realizada pela empresa RUMO com apoio da Prefeitura de São Carlos, avançou mais uma etapa com a chegada das vigas de sustentação

Em outubro de 2021 a RUMO iniciou as obras civis e de infraestrutura urbana para a duplicação do viaduto, que passará ter 4 pistas, um investimento de mais de R$ 15 milhões. Na primeira etapa foi necessário realizar um novo traçado da adutora do Feijão e montada a parte de ferro para fazer a abertura do atual viaduto para a duplicação.

Já nesta terça-feira (11/01/22) a empresa realizou uma das partes mais complexas da obra com o início da instalação das vigas que serão usadas como suporte para os trilhos do trem e para a ampliação da parte inferior do viaduto. Dois guindastes içaram duas vigas de 40 toneladas cada uma

De acordo com o secretário de Obras Públicas, João Muller, na próxima quinta-feira (13/01/22) a empresa RUMO vai suspender o transporte ferroviário por um período para poder fazer o outro lado da duplicação. “Considero essa uma das etapas mais complexa da obra, já que essas vigas é que vão dar sustentação para a duplicação do viaduto. Essa obra vai mudar o perfil da mobilidade urbana nessa região da cidade”, avalia Muller.

Para o prefeito Airton Garcia essa é uma obra muito esperada. “Com a finalização dessa obra vamos resolver dois grandes problemas, o do sistema viário estrangulado e o de drenagem”, avaliou o prefeito Airton Garcia.

A RUMO também vai fazer a duplicação do viaduto da Estação Ferroviária e da passagem sobre a linha na Vila Morumbi, na região da CDHU, com a construção de passarela para pedestres com três rotatórias. O investimento total deve ultrapassar R$ 50 milhões. Os projetos foram readequados com utilização de novas técnicas e foram aprovados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT).

A obra de duplicação do viaduto da Praça Itália deve ficar pronta até maio desse ano.

ITIRAPINA/SP - A prefeita de Itirapina Maria da Graça Zucchi Moraes iniciou 2022 anunciando que, em breve, a cidade terá um portal de entrada, na rua 8, na Vila Santa Cruz, para acolher "em grande estilo" os visitantes.

Essa obra é mais uma conquista por Itirapina ser MIT (Município de Interesse Turístico) e receber recursos do Governo do Estado. Com um investimento de R$ 361.108,44, o projeto do novo portal já está pronto e foi elaborado levando em conta uma série de detalhes, inclusive a idéia do visitante estacionar com segurança, por alguns minutos, para fazer uma fotografia e guardar de recordação.

Segundo a prefeita Graça, o principal objetivo é que Itirapina tenha um portal moderno, que torne a entrada da cidade mais atrativa, elevando assim o potencial turístico do município.

 

 

PMI

Alças ficarão interditadas das 7h às 17h, nesta quarta e quinta-feira, para trabalhos de recuperação do pavimento

 

JAÚ/SP - A Eixo SP Concessionária de Rodovias interditará dois dispositivos de acesso da SP 225 - Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, em Jaú, nesta quarta e quinta-feira (5 e 6/1). Em ambos os casos, os fechamentos das alças ocorrerão das 7h às 17h para realização de obras de melhorias no pavimento.

 A primeira intervenção será nesta quarta-feira (5/1) no dispositivo de acesso localizado no km 178, sentido Oeste (Capital-Interior). A alternativa para os motoristas que precisarem acessar a região do Loteamento Industrial Quinta da Colina, Jardim Olímpia e Jardim Vila Maria, entre outros bairros, é fazer o retorno no dispositivo seguinte, na altura do km 180, na entrada para o Jardim São José (conforme mostra Figura 1).

 Na quinta-feira, a interdição ocorrerá no dispositivo localizado no km 180 da mesma rodovia, mas no sentido Leste (Interior-Capital). Neste caso, a alternativa para o motorista será fazer o retorno no km 178 (veja Figura 2).

 Durante as obras, os trechos estarão devidamente sinalizados e monitorados pelas equipes da concessionária. Em caso de chuva, os serviços poderão ser reagendados.

 

Sobre a Eixo SP

A Eixo SP Concessionária de Rodovias administra mais de 1.221 km de estradas que passam por 62 municípios da região de Rio Claro, no centro do Estado, até Panorama, no extremo oeste, na divisa com o Mato Grosso do Sul. O maior contrato sob supervisão da Artesp (Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo) terá investimentos na ordem de R$ 14 bilhões em obras de ampliação, conservação, além da modernização de serviços ao usuário. Para mais informações acesse: www.eixosp.com.br.

SOROCABA/SP - O Governador em Exercício Rodrigo Garcia autorizou na terça-feira (28) o repasse de R$ 24,5 milhões extras à Santa Casa de Sorocaba para obras e custeio, por meio do programa estadual Mais Santas Casas. Ele também deu início às obras de acesso ao Hospital Regional Adib Jatene na rodovia Raposo Tavares.

“Esse é um recurso fundamental para que possamos estruturar ainda mais a Santa Casa de Sorocaba. Ela já é referência no combate ao câncer e agora vai poder atender ainda mais a população da região”, afirmou Garcia.

A partir de 2022, a Santa Casa de Sorocaba receberá R$ 16,5 milhões por ano. Com o incremento financeiro, o serviço poderá aumentar o volume de atendimentos para pacientes com câncer, prioritariamente. Ainda neste mês, outros R$ 2,2 milhões serão repassados para que a entidade inicie a expansão de atividades.

Outros R$ 5,8 milhões serão investidos em obras de ampliação estrutural da Santa Casa, que preveem a instalação de uma sala cirúrgica e 47 leitos, entre cirúrgicos, de internação, UTI e cuidados paliativos.

Por meio do Mais Santas Casas, o recurso anual destinado pelo Governo de São Paulo para toda a região saltará de R$ 58,3 milhões para R$ 74,7 milhões, beneficiando 22 entidades. Entre eles está o GPACI (Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil) de Sorocaba, que não tinha convênio e agora será contemplado com R$ 603 mil.

A partir de 2022, o Governo do Estado também aumenta em R$ 36 milhões os custeios anuais do Hospital Regional Adib Jatene e do Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS), totalizando R$ 294,8 milhões para ambos os serviços.

 

Obras na Raposo

Durante a visita, Garcia também deu início às obras para prolongamento da via marginal e melhorias no km 106 da rodovia Raposo Tavares para acesso ao Hospital Regional. O investimento é de R$ 17,5 milhões, com a geração de 300 empregos.

As obras serão feitas pela concessionária CCR ViaOeste, com prazo estimado de nove meses até a conclusão. O trecho também vai receber um novo viaduto e uma passarela para pedestres.

“Estamos fazendo um complexo viário de acesso ao Hospital Adib Jatene na Raposo Tavares, é um pleito antigo da cidade. A obra se inicia hoje e, nos próximos nove meses, nós devemos entregá-la”, disse o Governador em exercício.

Garcia também anunciou a abertura ao tráfego do complemento do dispositivo do km 66+300 da Raposo Tavares. Trata-se da interligação entre o trecho duplicado da rodovia a uma alça de acesso. Sob investimento de R$ 11 milhões, a concessionária concluiu a obra em cerca de três meses.

SÃO CARLOS/SP - Após dois meses de trabalho intenso, a Prefeitura de São Carlos entregou reformada e pronta para uso a piscina do Centro da Juventude Lauriberto José Reyes, no bairro Cidade Aracy, que voltará a atender ao seu público em melhores condições. Há algum tempo os alambrados e vestiários tinham sido destruídos e torneiras e chuveiros furtados. Além disso, a parte hidráulica e a bomba da piscina também foram furtadas e o espaço estava precisando dessa manutenção feita agora. 

As intervenções para a recuperação e melhoria do espaço foram resultados das ações da Prefeitura, com dedicação especial do Diretor Financeiro da Secretaria de Infância e Juventude, Leandro do Amaral, além de doações e trabalho voluntário, o que gerou uma economia de R$ 30 mil aos cofres públicos.

Durante a entrega do novo ambiente, estiveram presentes o prefeito Airton Garcia, a Secretária de Infância e Juventude, Ana Beatriz Sodelli e o diretor Leandro do Amaral, a secretária da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Lucinha Garcia, o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Samir Gardini, o secretário de Obras Públicas, João Muller, a secretária de Educação, Wanda Hoffmann, o secretário de Agricultura e Abastecimento, Fábio Cervine, o secretário de Transporte e Trânsito, Paulo Luciano, o presidente da FESC, Fernando Carvalho, a chefe de Gabinete da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda, Danielle Favoretto, além dos vereadores Marquinho Amaral e Dé Alvim.

SÃO CARLOS/SP - O prefeito Airton Garcia e o secretário de Obras Públicas, João Muller, assinaram na manhã desta quarta-feira (01/12), no Paço Municipal, a assinatura da ordem de serviço para o início da construção de um reservatório de amortecimento de cheias, também conhecido como piscinão, e do sistema de microdrenagem de águas pluviais na rua Itália, na Vila Prado.

A obra foi licitada e o investimento será de R$ 2.593.807,19 com recursos do próprio município, valor da menor proposta apresentada pela empresa HT Construções, vencedora da Tomada de Preços Nº 22/2021 - Processo nº17757/2021.

O piscinão da Travessa 8 vai ter 222 metros de comprimento, 45 metros de largura e 4,2 metros de profundidade. A capacidade de retenção vai chegar a 45.000 m3 de águas pluviais.
O secretário de Obras Públicas, João Muller, disse que o local acumula boa parte da água da Vila Prado e da Vila Pelicano. Parte dessa água cai em forma de cachoeira pelo paredão da rua Joaquim de Evangelista de Toledo e pelo pontilhão da Travessa 8. “O projeto prevê que o piscinão acumule o excesso da água da chuva captada nesses locais, evitando que chegue no bairro Lagoa Serena, aliviando também, o volume de água no centro da cidade por meio do córrego do Simeão”, explica o secretário.

Para o presidente da Câmara Municipal, Roselei Françoso, hoje foi dado um grande passo no combate às enchentes. “Todos os vereadores participam ativamente para resolver a questão dos alagamentos e das enchentes. Sabemos que essa é mais uma obra para ajudar no enfrentamento às enchentes porque precisamos de muitas outras ao longo dos córregos do Gregório e do Mineirinho, por isso vamos continuar ajudando seja buscando recursos com deputados, com nossas próprias emendas parlamentares ou com a devolução do duodécimo. O importante que no próximo ano já teremos resultados”, frisou o presidente da Câmara.

Já Mariel Olmo, secretário de Serviços Públicos, avalia que é uma importante conquista para São Carlos. “Todas as obras que a Prefeitura está fazendo vai amenizar as consequências das enchentes, inclusive a pavimentação e drenagem do Parque São José, uma vez que vamos interligar um emissário de águas pluviais do Cruzeiro do Sul para o piscinão da CDHU”, ressalta Olmo.

O prefeito Airton Garcia primeiro agradeceu o apoio do promotor de Justiça, Flávio Okamoto. “O promotor nos ajudou nas negociações com a União para liberação da área onde será construído o piscinão. A nossa intenção é diminuir os impactos das enchentes, para isso estamos trabalhando, seja com recursos próprios, com assinatura de TAC para que a iniciativa privada ajude, seja com recursos externos, o importante é começar as obras, que não são poucas, mas vamos fazendo”, disse o prefeito, agradecendo a colaboração de todos.

Também participaram da assinatura da Ordem de Serviço os vereadores Elton Carvalho, Dé Alvim, Malabim e Sérgio Rocha, a vice-presidente da Associação Comercial e Industrial de São Carlos (ACISC), Ivone Zanquim, o diretor da Defesa Civil, Pedro Caballero, os secretários de Governo, Edson Fermiano, de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Wilson Jorge Marques, o presidente da Prohab Walcinyr Bragatto e o chefe de gabinete da Prefeitura, José Pires (Carneirinho).

CDHU – O piscinão da CDHU está sendo finalizado. Das 6 escadas hidráulicas, chamadas também de dissipadores de energias para conter as águas, 2 entram em operação nos próximos dias. As outras 4 escadas estão vinculadas a obra da RUMO que vai fazer a duplicação da passagem sobre a linha na Vila Morumbi, na região da CDHU, com a construção de passarela para pedestres com três rotatórias. O piscinão da CDHU é um investimento de R$ 1.231.076,00 que deve diminuir 15% o volume de água que chega na região da baixada do mercado.

SÃO CARLOS/SP - O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil interditaram um prédio comercial com risco eminente de desabar na Rua Roberto Ferreira Lassance, cruzamento com Avenida João Stella, no bairro Romeu Tortorelli, em São Carlos.

O trânsito no local foi interditado com apoio dos agentes de trânsito. Pedestres também não podem se aproximar do local.

Segundo informações, existe uma obra ao lado do prédio de três andares o que pode ter ocasionado problemas estruturais.

A Defesa Civil está orientando os moradores ao lado do prédio para que saiam de suas casas e dos prédios comerciais. Existe a possibilidade de chuva e o risco do prédio cair triplica disse Pedro Caballero, diretor da Defesa Civil.

Engenheiros da Secretaria Municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano também estão no local.

SÃO CARLOS/SP - Moradores do bairro, vizinhos bem como quem passa pelo local, estão indignados com atitude do proprietário de uma obra que está em andamento na Av. Dr. Germano Fher Júnior, próximo ao numeral 351, no Jardim Nova São Carlos.

Conforme fotos enviadas por internautas, a obra ocorre normalmente, mas uma carreta está destruindo o canteiro central da avenida.

- Poxa, o motorista poderia ter bom senso e não subir no canteiro, olha só como está isso, será que ele ou o dono da obra vão reconstruir o canteiro central? Cadê a fiscalização para orientar o dono da obra? (sic) questionou o munícipe.

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Janeiro 2022 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31