fbpx

Realizar Acesso

Usuário *
Senha *
Lembrar
Radio Sanca Web TV - Quinta, 21 Mai 2020

SÃO CARLOS/SP - A Vigilância Epidemiológica de São Carlos confirmou nesta sexta-feira (22/05) a situação epidemiológica do município para a COVID-19. São Carlos contabiliza neste momento 91 casos positivos para a doença, com 4 mortes confirmadas. 26 óbitos já foram descartados. Dos 91 positivos, 68 apresentaram Síndrome Gripal e não foram internadas, 23 pessoas precisaram de internação devido a COVID-19, 14 receberam alta hospitalar, 5 estão internados e 4 positivos foram a óbito. 757 casos suspeitos já foram descartados para o novo coronavírus, já que hoje foram liberados outros 5 resultados negativos para a doença. Estão internadas 16 pessoas, sendo 9 adultos na enfermaria (7 suspeitos e 2 positivos); 7 na UTI (3 suspeitos e 4 positivos); na enfermaria infantil 1 criança está internada com suspeita da doença. Um dos internados na UTI, positivo para a COVID-19, é de outro município.

NOTIFICAÇÕES – Já passaram pelo sistema de notificação de Síndrome Gripal do município 2.538 pessoas desde o dia 21 de março, sendo que 2.216 pessoas já cumpriram o período de isolamento de 14 dias e 322 ainda continuam em isolamento. A Prefeitura de São Carlos está fazendo testes em pessoas que passam em atendimento nos serviços públicos de saúde com Síndrome Gripal (febre, acompanhada de um ou mais sintomas como tosse, dor de garganta, coriza, falta de ar). 403 pessoas já realizaram coleta de exames, sendo que 303 tiveram resultado negativo para COVID-19, 46 apresentaram resultado positivo (esses resultados já estão contabilizados no total de casos positivos). 54 pessoas ainda aguardam o resultado. O boletim emitido diariamente pela Vigilância Epidemiológica de São Carlos contabiliza as notificações das unidades de saúde da Prefeitura, Hospital Universitário (HU), Santa Casa, rede particular e planos de saúde.

Publicado em Coronavírus

A Edila e o Valdecir mandam um recado para o comércio de São Carlos. A Rádio Sanca apoia o comércio e os comerciantes, se você também quer mandar sua mensagem, nos contate in box.

#nosvamossairdessajuntos

 

Publicado em VamosSairDessa

BRASÍLIA/DF - O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou a prorrogação do prazo de inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 para a próxima quarta-feira (27). Pelo calendário inicial, as data limite para os estudantes se inscreverem era hoje (22).

As inscrições começaram no último dia 11 e podem ser feitas por meio da página do Enem na internet.

De acordo com Weintraub, mais de cinco milhões de estudantes já se inscreveram para a prova até a manhã desta sexta-feira (22). “Como já anunciei, os candidatos inscritos serão ouvidos, em junho, pela Página do Participante, do Inep [Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira]. Eles, os interessados, vão escolher quando fazer a prova”, explicou o ministro, em outra publicação no Twitter.

Na quarta-feira (20), o Ministério da Educação anunciou o adiamento do Enem por algo entre 30 a 60 dias, em razão dos impactos ocasionados na sociedade pela pandemia de covid-19. As provas impressas estavam previstas para serem aplicadas em 1º e 8 de novembro e as provas do Enem digital para os dias 22 e 29 de novembro.

A estrutura dos dois exames será a mesma. Serão aplicadas quatro provas objetivas, constituídas por 45 questões cada, e uma redação em língua portuguesa. A redação será manuscrita, em papel, nas duas modalidades. Durante o processo de inscrição, o participante deverá selecionar uma opção de língua estrangeira - inglês ou espanhol.

Neste ano, será obrigatória a inclusão de uma foto atual do participante no sistema de inscrição, que deverá ser utilizada para procedimento de identificação no momento da prova. O valor da taxa de inscrição é de R$ 85 e deverá ser pago até 28 de maio.

Quem tem direito à gratuidade da taxa de inscrição, por se enquadrar nos perfis previstos nos editais do Enem, terá a isenção automática, a partir da análise dos dados declarados no sistema. A regra se aplica, inclusive, aos isentos em 2019 que faltaram aos dois dias de prova e não tenham justificado ausência. De acordo com o Inep, a medida beneficia quem teve dificuldades em realizar a solicitação de isenção devido às restrições impostas pelo isolamento social decretado em razão da pandemia de covid-19.

 

 

*Por Andreia Verdélio – Repórter da Agência Brasil

Publicado em Política

SÃO CARLOS/SP - Nosso jornalista Ivan Lucas, esteve na Rua Marechal Deodoro, mais precisamente no Quarteirão Shopping, no Centro de São Carlos, para mostrar os vazamentos d’água que haviam na via há mais de 5 meses.

Atendendo a denúncia de um internauta que disse que já havia feito protocolo no SAAE há mais de 5 meses, porém nada foi feito.

Nossa reportagem enviou o vídeo ao Chefe de Manutenção de Rede, mais conhecido como 'Mola', que ao ver a situação imediatamente resolveu o problema dos vários vazamentos que tinha na via.

Ivan Lucas agradeceu. “Quero agradecer ao internauta pela denúncia, pois através dela conseguimos resolver o problema. O Brasil precisa de pessoas assim, que encontram o problema e tenta resolver, pois queremos um país, um estado e uma cidade cada vez melhor. Quer agradecer ao Mola, Chefe de Manutenção de rede do SAAE, pela prontidão em resolver a situação.

WhatsApp Rádio Sanca (16) 98136-7545 Denúncia.

#JuntosSomosMaisFortes

Assista ao vídeo.

 

Publicado em Outras Notícias

RIO DE JANEIRO/RJ - Depois de se machucar em casa, Marcio Garcia precisou passar por uma operação e já está em casa nesta sexta-feira (22). A cirurgia de emergência restaurou o tendão do seu bíceps, que se rompeu enquanto tentava empurrar uma mesa na sua residência.

“Já estou em casa! Estou super bem! Meu tendão já estava 80% rompido por causa do jiu-jitsu, mas agora está novo”, explicou Garcia ao site Fefala.

O apresentador explicou como aconteceu a contusão.” Tive um susto por conta de uma bobagem, uma besteira em casa. Acabei me machucando na hora de empurrar uma mesa com o braço esticado e tive uma ruptura total do tendão dos bíceps. Operei, deu tudo certo e estou ótimo com essa tipoia”. Atualmente, Marcio Garcia passa a quarentena em casa cuidando dos filhos e assistido as reprises de “Tamanho Família”, que pode não retomar as gravações da nova temporada em 2020.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Marcio Garcia : ) (@oficialmarciogarcia) em

*Por: JETSS.com

Publicado em Celebridades

SÃO PAULO/SP - O Premiere, serviço de pay-per-view da Globo direcionado ao conteúdo de esporte, perdeu mais de 350 mil assinantes após a suspensão dos campeonatos do futebol nacional devido à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com o levantamento da De Primeira, do Uol, a queda na base de assinantes foi em torno de 20% desde o dia 15 de março. No total, a plataforma tinha 1,8 milhão de assinantes antes da pandemia. O cancelamento das assinaturas representa uma perda que pode variar entre R$ 28 milhões a R$ 41 milhões.

Em nota enviada ao Uol, os executivos de Esporte do Grupo Globo afirmaram que o número está dentro da margem de perda esperada. “A Globo está atenta a todos os impactos da pandemia de coronavírus no mundo do futebol. O número de assinantes do Premiere é apenas um deles. Após a volta do futebol, é esperada uma retomada importante do Premiere, considerando que o torcedor já ficou um período sem jogos durante a pandemia”, manifestou o grupo.

 

 

*Por: ISTOÉ GENTE

Publicado em TV

SÃO CARLOS/SP - Aprovada pelos deputados da Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo – a antecipação do Feriado de “9 de Julho” (Revolução Constitucionalista de 1932) para a próxima segunda-feira, 25 de maio de 2020.

Por ser um feriado estadual, todas as 645 cidades de São Paulo devem seguir a determinação, dessa forma o SINCOMERCIO SÃO CARLOS não atenderá na segunda-feira (25).

O projeto de lei foi apresentado pelo governador João Doria como uma forma de ampliar o isolamento social para restringir o avanço contra a Covid-19.

As atividades do SINCOMERCIO retornam normalmente, na terça-feira (26), das 8h às 17h.

Publicado em Cidadania

SÃO CARLOS/SP - Hoje (22), é dia de Santa Rita de Cássia a “Santa dos Impossíveis”, porém devido a pandemia a tradicional missa presencial dos fiéis não será possível.

Pensando nisso, o padre José Edmilson, da Paróquia São José, em São Carlos realiza hoje às 16h, uma celebração online pelo facebook e no You Tube da paróquia.

Para você participar basta clicar no link abaixo que você estará as páginas da paróquia, aí é só procurar a transmissão ao vivo às 16h. Haverá a benção virtual das rosas. Não Perca!

LINK:PÁGINA PARÓQUIA SÃO JOSÉ 

SANTA RITA DE CÁSSIA

Nasceu na Itália, em Cássia, no ano de 1381. Seu grande desejo era consagrar-se à vida religiosa. Mas, segundo os costumes de seu tempo, ela foi entregue em matrimônio para Paulo Ferdinando.

Tiveram dois filhos, e ela buscou educá-los na fé e no amor. Porém, eles foram influenciados pelo pai que, antes de se casar, se apresentava com uma boa índole mas depois se mostrou fanfarrão, traidor, entregue aos vícios, e seus filhos o acompanharam.

Rita, então, chorava, orava, intercedia e sempre dava bom exemplo a eles. E passou por um grande sofrimento ao ter o marido assassinado e, depois, ao descobrir que os dois filhos pensavam em vingar a morte do pai. Com um amor heroico por suas almas, ela suplicou a Deus que os levasse antes que cometessem esse grave pecado. Pouco tempo mais tarde, os dois rapazes morreram depois de preparar-se para o encontro com Deus.

Sem o marido e filhos, Santa Rita entregou-se à oração, penitência e obras de caridade e tentou ser admitida no Convento Agostiniano em Cássia, fato que foi recusado no início. No entanto, ela não desistiu e manteve-se em oração, pedindo a intercessão de seus três santos patronos – São João Batista, Santo Agostinho e São Nicolas de Tolentino – e milagrosamente foi aceita no convento. Isso aconteceu por volta de 1441.

Seu refúgio era Jesus Cristo. A santa de hoje viveu os impossíveis de sua vida se refugiando no Senhor. Rita quis ser religiosa. Já era uma esposa santa, tornou-se uma viúva santa e depois uma religiosa exemplar. Ela recebeu um estigma na testa, que a fez sofrer muito devido à humilhação que sentia, pois cheirava mal e incomodava os outros. Por isso teve que viver resguardada.

Morreu com 76 anos, após uma dura enfermidade que a fez padecer por 4 anos. Hoje ela intercede pelos impossíveis de nossa vida, pois é conhecida como a “Santa dos Impossíveis”.

 

Publicado em Outras Notícias

SÃO CARLOS/SP - Policiais do 38º BPMi conseguiram deter um homem por tráfico de entorpecentes na noite desta última 5ª feira (21), na Travessa 1, do Jardim Gonzaga, em São Carlos.

Segundo consta, os PMs de Força Tática realizavam patrulhamento, quando receberam via COPOM a informação de que na Travessa um, existia um local para armazenamento e vendas de drogas. Ao chegar ao endereço informado, foi encontrado o vulgo ‘Juninho’, onde foi detido.

N.L.V.J, (idade não informada), foi conduzido ao Plantão Policial, onde foi autuado em flagrante por tráfico de entorpecentes e recolhido ao Centro de Triagem de São Carlos.

APREENDIDO

– 2.459 kg maconha (4 tijolos e 78 porções);

– 0,458 kg cocaína (2 porções e 17 microtubos);

– R$ 4.435,00 reais;

– Anotações de contabilidade;

– Apetrechos para preparar e embalar entorpecentes.

Publicado em Policial

MUNDO - Em tempos de ansiedade e incertezas, a firmeza e calma da Primeira Ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, seguem como inspiração para todo o mundo. O país atualmente reduziu o isolamento para fase 2, o que significa que as restrições estão sendo relaxadas e restaurantes, lojas, academias e parques já podem reabrir. Em lugares públicos, há um limite de no máximo 10 pessoas em um mesmo ambiente. Escolas retomaram as aulas presenciais na segunda (18) e bares poderão funcionar desde quinta (21), mas terão que seguir as medidas de distanciamento.

Agora, a Nova Zelândia começa a considerar que as semanas passem a ter 4 dias úteis, em vez de 5. A flexibilização seria uma opção para ajudar aos trabalhadores no equilíbrio de atividades profissionais e domésticas enquanto ainda há pandemia, assim como ajudar a incentivar o turismo interno, uma vez que as fronteiras seguem fechadas para visitantes de fora.

A possibilidade foi comentada pela Primeira Ministra em uma live no Facebook, durante sua visita a uma das áreas mais procuradas do país para turismo e, claro, foi bem-recebida pelos neozelandeses. Jacinda falou que com a flexibilização, as pessoas poderiam viajar com maior frequência e assim reaquecer o mercado interno.

“Recebo muitas sugestões para que a semana tenha 4 dias de trabalho. Essa é uma decisão de empregadores e empregados”, ela disse. “Já disse antes que temos muito o que aprender com a Covid e que a flexibilização para que as pessoas possam trabalhar de casa, a produção pode ser encaminhada de lá. Eu encorajo as pessoas a pensarem sobre isso. Se você é um empregador – e está na posição de fazer essa decisão, de pensar se há algo que possa fazer pelo seu trabalho e seu ambiente profissional – certamente ajudaria muito ao turismo em todo o país”, acrescentou.

Continua depois da publicidade

Arden não está sozinha na sugestão. Em vários países já se discute como possibilitar a reaproximação de uma vida onde o controle de distanciamento, atividade e retomada econômica sejam viáveis sem prejudicar a saúde e bem-estar das pessoas. Empresas como Twitter e Facebook já anunciaram que vão permitir o trabalho remoto por tempo indeterminado. Nos Estados Unidos e no Brasil a redução de carga horária também estão sendo aplicadas como uma alternativa para salvar empregos. A possibilidade de reduzir o número de dias úteis de uma semana é uma decisão que pode ser tomada com maior agilidade. O que define fins-de-semana e feriados tem base em datas comemorativas ou religiosas, mas, acima de tudo, é uma decisão, não tem nada que impeça mudar.

Dados de pesquisa em Wall Street revelam que 11% dos profissionais com empregos fixos chegam a trabalhar 50h semanais. Não seria surpresa o aumento de problemas de saúde e saúde mental com tamanho desequilíbrio entre trabalho e lazer.  Profissionais liberais trabalham ainda mais horas do que isso. A redução de dias da semana poderia colaborar para balancear a força produtiva e possibilitar maior motivação também. Empresas japonesas que já adotam a semana mais curta tiveram um aumento de quase 40% da produção. Para os empregadores, os custos também compensam pois economizam em eletricidade, por exemplo, assim como reduzem os números de reuniões. Especialistas alertam, porém, que a chave da discussão é a ‘redução’ para ganhar qualidade. Com uma semana mais curta, vão trabalhar menos, mas possivelmente, melhor.

“Precisamos manter os benefícios da produtividade que trabalhar de casa possibilitou, incluindo um ar mais limpo e o fim dos engarrafamentos ao mesmo tempo que a circulação permite os negócios sobreviverem”diz Andrew Barnes, empresário neozelandês que tem mais 200 funcionários. “Temos que ser corajosos com o nosso modelo. É uma oportunidade de resetar em massa”, ele diz.  Com a previsão do Fundo Monetário Internacional de que a economia mundial vai ser reduzida em quase 8%, com aumento de quase 15% a 30% de desemprego, encontrar alternativas econômicas viáveis são importantes. Assim como a saúde dos trabalhadores. “O Kindness Institute identificou um crescimento de 25% durante o lockdown, então precisamos entender que é preciso focar em Saúde Mental para ressurgir economicamente. A semana com 4 dias é uma ferramenta para proteger a saúde dos trabalhadores em todos os aspectos, fazendo desse modelo mais relevante para o mundo em que estamos vivendo hoje”, ele defende.

 

 

*Por: Ana Claudia Paixão / CLAUDIA

Publicado em Política

Nosso Facebook

Calendário de Notícias

« Maio 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31